Google tira apps de jogos com vírus de anúncios pornográficos da Play Store

Por: SentiLecto

O Google, da Alphabet, declarou nesta sexta-feira que retirou 60 aplicativos de jogos após a companhia de segurança Check Point declarar ter descoberto novos malwares nos aplicativos disponíveis para crianças e adultos na Google Play Store.

Faz 9 dias, Pesquisadores do Project Zero do Google, em conjunto com pesquisadores acadêmicos e industriais de vários países, relataram equívocos publicamente, mas as principais companhias de tecnologia declararam saber dos erros há meses.

Na sexta-feira 22 de dezembro Eric Schmidt, 62, o executivo que havia sido trazido pelo Google em 2001 e havia comandado o crescimento da companhia, vai deixar de ser o presidente do conselho da gigante de tecnologia a partir do próximo mês.

O malware apresenta anúncios pornográficos e tenta iludi os usuários para adquirirem serviços premium, segundo o Check Point.

Um porta-voz do Google declarou: “Removemos os aplicativos da Play Store, desabilitamos as contas dos desenvolvedores e vamo continuar a fazer fortes alertas para qualquer um que os tenha instalado”. O malware AdultSwine se esconde dentro de aplicativos de jogos que dados da Google Play declaram ter sido diminuídos de 3 milhões a 7 milhões de vezes, declarou a Check Point, que declarou esperar que o AdultSwine e malwares parecidos fossem repetidos e imitados por hackers, advertindo os usuários para estarem mais atenciosos na instalação de aplicativos, especialmente aqueles usados ​​por crianças. Os aplicativos não faziam parte da seleção familiar, que é baseada em um programa para auxiliar os pais a descobrir conteúdos adaptados à idade dos filhos na Play Store.

Os equívocos, que afetam os microchip Intel, AMD e ARM, podem permitir que hackers leiam a memória de um computador e roubem senhas, colocando praticamente todos os celulares, computadores e servidores em risco.

O Google elucidou que os anúncios inadequados dentro dos aplicativos não eram anúncios da companhia.

O malware também tenta iludi usuários na instalação de aplicativos de segurança falsos, o que pode dar acesso a outros ataques, declarou a Check Point.

A companhia declarou que os jogos e aplicativos destinados a crianças são um novo alvo para criminosos cibernéticos que anteriormente visavam clínicas, companhias e governos.

Fonte: FolhaGeneric

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Google tira apps de jogos com vírus de anúncios pornográficos da Play Store
>>>>>Google diz que atualização de segurança não afetou seus sistemas – (FolhaGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Google 0 5 ORGANIZATION 5 o Google: 1, O Google: 1, (tacit) ele/ela (referent: o Google): 1, (tacit) ele/ela (referent: O Google): 1, O Google de a Alphabet: 1
2 Check Point 0 0 ORGANIZATION 4 o Check_Point: 1, a Check_Point: 3
3 jogos 0 0 NONE 3 os jogos: 1, jogos: 2
4 nós 0 0 NONE 3 (tacit) nós: 3
5 usuários 0 0 NONE 3 usuários: 1, os usuários: 2
6 criminosos 0 160 NONE 2 criminosos cibernéticos: 2
7 anúncios 0 150 NONE 2 os anúncios inadequados: 1, anúncios pornográficos: 1
8 malware 0 85 NONE 2 O malware: 2
9 esta 0 0 NONE 2 esta: 2
10 executivo 0 0 NONE 2 o executivo: 2