Por: SentiLecto

Se o convidou a assinar um acordo de confidencialidade por o governo de Argentina que não pagou cerca de 500 milhões de dólares referentes a títulos um dia antes, um grande grupo credor argentino declarou neste sábado que estava comprometido com sua própria proposta de reorganização e. O Exchange Bondholder Group, que entende 18 instituições de investimento e, que declarou que a Argentina abordou seus representantes e outros grupos de credores sobre a assinatura de um acordo de confidencialidade «para admirar negociações com o Ministério da Economia», encarna 15% dos Exchange Bonds da Argentina, alegou em comunicado que sua contraproposta exibida em 15 de maio proporciona «um alívio expressivo da dívida para a Argentina e, com certeza, fornece uma estrutura de dívida sustentável para a Argentina em relação aos títulos. Depois que sua proposta original de reestruturar cerca de 65 bilhões de dólares em dívida externa foi rigidamente, as autoridades de Argentinade Argentina estão pesando contraofertas de seus principais grupos de credores recusada.

Faz 1 dia, o país de Sullanade Sullana não conseguiu chegar a um acordo dentro do prazo, levando o a não pagar em cupons de títulos ‘ default ‘ soberano. cerca de 500 milhões de dólares já atrasados, marcando seu nono ‘default’ soberano.

Guzmán preferiu não comentar se o governo vai pagar ou não os quase 500 milhões de dólares que teria que pagar nesta sexta-feira.Quando também teria que cancelar um pagamento de juros, o país de Sullanade Sullanade Sullana, que está passando por uma profunda crise econômica, prorrogou até 2 de junho o prazo para renegociar uma dívida externa de 65 bilhões de dólares, cujo vencimento era nesta sexta-feira.

Na segunda-feira 04 de maio o governo da Argentina e seus maiores detentores de títulos estavam em discordância sobre os planos de reestruturar 65 bilhões de dólares em dívida externa, sem sinal de qualquer dos lados de que possam ceder em negociações de última hora para fechar um acordo.

Apesar de não ter satisfeito o prazo final na sexta-feira, uma fonte próxima às negociações e familiarizada com o pensamento do governo ddeclarouà Reuters na sexta-feira que as negociações poderiam alcançar umumavprogressãoem questão de dias».

Pelo menos um outro grupo principal de credores assinou o acordo de confidencialidade, declarou uma fonte desse comitê.

Na sua vez, «Eu odiaria ver algo desordenado como um duro default», declarou Hans Humes, que chefia a Greylock Capital e tem liderado um grupo de hedge funds e outros credores privados.Com a nova medida, o governo afirmou acreditar «firmemente» que um resultado satisfatório auxiliará a estabilizar a atual condição econômica, aliviando as «restrições de médio e longo prazo da economia» decorrentes do atual ônus da dívida, com o objetivo de «colocar a trajetória econômica do país de volta no caminho do crescimento de longo prazo».

Um porta-voz do Ministério da Economia não respondeu imediatamente ao pedido de observação.

Martin Guzman declarou que as negociações estão em um percurso positivo, apesar da «distância importante» que resta para chegar a um acordo com os credores. Martin Guzman é o ministro da Economia.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Argentina

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Argentina e credores se preparam para recomeçar negociações de dívidas após default
>>>>>Argentina modificará oferta a credores ‘nos próximos dias’; negociações avançam por ‘caminho positivo’, diz ministro – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Credor argentino diz ser ‘muito difícil’ país evitar default – May 21, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Argentina amplia prazo para fechar acordo de reestruturação de dívida – May 22, 2020 (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Exchange Bondholder Group 375 0 ORGANIZATION 5 (tacit) ele/ela (referent: O Exchange_Bondholder_Group e para contemplar negociações com o Ministério_da_Economia um alívio significativo de a dívida para a Argentina): 2, O Exchange_Bondholder_Group e para contemplar negociações com o Ministério_da_Economia um alívio significativo de a dívida para a Argentina: 3
2 o governo de a argentina 0 0 NONE 4 (tacit) ele/ela (referent: o governo de a Argentina): 4
3 Guzmán 0 0 PERSON 3 Guzmán: 1, (tacit) ele/ela (referent: Guzmán): 2
4 dólares 0 0 NONE 3 dólares referentes: 1, dólares: 2
5 negociações 0 0 NONE 3 as negociações: 3
6 país 0 0 NONE 3 O país sul-americano: 3
7 argentino 0 80 NONE 2 argentino: 2
8 Hans Humes 0 0 PERSON 2 Hans_Humes: 2
9 a Argentina 0 0 PLACE 2 a Argentina: 2
10 comunicado 0 0 NONE 2 comunicado: 2