Por: SentiLecto

– A Fiat Chrysler pediu um empréstimo de três anos com suporte do governo de Italia para auxiliar a montadora a pagar provedores e continuar seu plano de investimento no país, informou o sindicato UILM neste sábado. A FCA confirmou à UILM que pediu a Roma um empréstimo a ser pago em três anos, ddeclararamos líderes da UILM Rocco Palombella e Gianluca Ficco em comunicado. Sindicato isse: «O pedido é de um empréstimo endereçado exclusivamente à parte italiana do grupo e visa pagar os inúmeros fprovedores além de facilitar um plano de investimento de 5 bilhões de euros para nosso país, em um contexto de substancial falta de vendas e, portanto, rotatividade «,.A montadora está conversando com a Intesa Sanpaolo sobre um empréstimo de 6,3 bilhões de euros apoiado pelo governo de Italia para auxiliar-la a enfrentar a crise do coronavírus,declararamm duas fontes próximas aotemao na sexta-feira.

– A Fiat Chrysler está conversando com o banco de Italia Intesa Sanpaolo para um empréstimo garantido pelo Estado de 6,3 bilhões de euros para auxiliar a montadora a enfrentar a crise do coronavírus, declarou uma fonte próxima ao tema nesta sexta-feira. O empréstimo, parte das medidas emergenciais de liquidez que o governo está disponibilizando para as companhias do país, deve ser aprovado pelo conselho da Intesa Sanpaolo, declarou a fonte. Uma vez aprovado pelo banco, o pedido será analisado pela agência italiana de crédito à exportação Sace, através da qual o Estado fornece garantia e, em seguida, passa por análise do Tesouro, para receber aprovação final, aadicionoua fonte. A FCA e a Intesa Sanpaolo se rejeitaram a comentar. O jornal MF buscando um empréstimo garantido por o Estado relatou pela primeira vez as notícias de que a FCA estava em esta sexta-feira.

Na terça-feira 05 de maio – A Fiat Chrysler declarou que teve uma perda líquida no primeiro trimestre como consequência da crise desencadeada pela pandemia de coronavírus. A Fiat Chrysler no balanço alegou: «A pandemia teve e continuava a ter um efeito expressivo em nossas operações». A montadora ítalo-americana declarou que a perda líquida com operações continuadas foi de 1,69 bilhão de euros no primeiro trimestre deste ano. No mesmo fase do ano anterior, a empresa teve lucro líquido de 508 milhões de euros. A FCA alegou que devido à incerteza cininterruptarelacionada à pandemia retirou previsões de resultado para o ano.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

Countries: Italy

Cities: Rome

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Fiat Chrysler pediu crédito de 3 anos com suporte do governo de Italia
>>>>>Fiat Chrysler negocia empréstimo de US$6,8 bi com garantia do Estado, diz fonte – May 15, 2020 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Fiat Chrysler 0 0 ORGANIZATION 8 (tacit) ele/ela (referent: A Fiat_Chrysler): 3, a Fiat_Chrysler: 1, A Fiat_Chrysler: 3, (tacit) ele/ela (referent: a Fiat_Chrysler): 1
2 empréstimo 70 0 NONE 5 um empréstimo: 1, O empréstimo: 1, um empréstimo garantido: 2, um empréstimo endereçado: 1
3 FCA 0 0 ORGANIZATION 5 a FCA: 1, A FCA: 2, (tacit) ele/ela (referent: A FCA): 2
4 UILM 0 0 ORGANIZATION 3 a UILM: 2, o sindicato UILM: 1
5 prejuízo 0 160 NONE 2 um prejuízo líquido: 1, o prejuízo líquido: 1
6 pandemia 0 100 NONE 2 A pandemia: 1, a pandemia: 1
7 montadora 60 0 NONE 2 A montadora ítalo-americana: 1, A montadora: 1
8 ajudar a montadora 0 0 NONE 2 ajudar a montadora: 2
9 ano 0 0 NONE 2 este ano: 1, o ano anterior: 1
10 assunto 0 0 NONE 2 o assunto: 2