Por: SentiLecto

– O empresário Ricardo Nunes foi solto pela Justiça na tarde desta quinta-feira, depois de prestar um testemunho por três horas ao Ministério Público de Minas Gerais. O empresário Ricardo Nunes é fundador da Ricardo Eletro. A soltura aconteceu após pedido formal feito pela defesa, ao fim do testemunho. Acatado pelo promotor que acompanha o caso, o juiz de o caso deferiu , em seguida , o pedido. O empresário foi preso na quarta-feira em São Paulo e levado para Belo Horizonte, no âmbito da operação “Direto com o proprietário”, que investiga a suspeita de sonegação de impostos por parte do empresário na ordem de R$ 400 milhões. — Lamentavelmente tem acontecido essas situações, depois que o Supremo compreendeu que não podia mais haver condução coercitiva. Quando poderia ter, o investigado é preso somente para prestar testemunho sido intimado — declarou o advogado Marcelo Leonardo, que atende ao empresário. Mande acusações, informações, vídeos e imagens para o WhatsApp do Extra Nunes passou a noite no Centro de Remanejamento de Presos em Contagem, na Região Metropolitana da capital de Mineral’nyje Vody. Resultado de força-tarefa composta pelo MP mineiro, pela Receita Estadual e pela Polícia Civil, se realizou a operação com objetivo de lutar sonegação fiscal e lavagem de dinheiro. Há suspeitas de que conservasse influência sobre as atividades da família, embora Nunes não participe diretamente da administração da companhia desde 2015. A filha do empresário, Laura Nunes, e Pedro Daniel também foram presos na quarta-feira Pedro Daniel é o superintendente da Ricardo Eletro., mas liberados depois de prestar testemunho. Por meio de nota, a companhia Ricardo Eletro declarou que «se coloca à disposição para ccooperarintegralmente com aosiinquéritos.

O MPMG adiciona que as companhias da rede de varejo cobravam dos consumidores, embutido no custo dos produtos, o valor correspondente aos impostos. No entanto, os investigados não faziam o repasse e se apropriavam desses valores. A soma da sonegação com o Estado de Minas Gerais chega a R$ 400 milhões, mas a mesma rede tem dívidas vultosas em praticamente todos os Estados onde tem filiais.Outros dois empresários do ramo de eletrodomésticos e eletroeletrônicos são alvos da operação, que recebeu o nome de «Direto com o Dono»., segundo o G1.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Brazil

Cities: Sao Paulo, Contagem, Belo Horizonte

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Fundador da loja Ricardo Eletro é solto após prestar testemunho em MG
>>>>>Fundador da rede Ricardo Eletro é preso em SP por sonegação fiscal – July 08, 2020 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 empresário 80 80 NONE 3 o empresário: 1, O empresário: 1, empresário: 1
2 Laura Nunes 80 0 PERSON 3 A filha de o empresário Laura_Nunes: 1, Nunes: 1, O empresário Ricardo_Nunes (apposition: fundador de a Ricardo_Eletro): 1
3 o investigado 0 0 NONE 3 (tacit) ele/ela (referent: O investigado): 3
4 preso 0 160 NONE 2 preso: 2
5 promotor 60 0 NONE 2 promotor: 2
6 pedido 20 0 NONE 2 pedido formal feito: 1, o pedido: 1
7 Marcelo Leonardo 0 0 PERSON 2 o advogado Marcelo_Leonardo: 2
8 Ricardo Eletro 0 0 PERSON 2 (tacit) ele/ela (referent: a empresa Ricardo_Eletro): 1, a empresa Ricardo_Eletro: 1
9 o dono 0 0 PERSON 2 o dono: 2
10 operação 0 0 NONE 2 a operação: 2