Por: SentiLecto

– O Banco Central divulgou nesta sexta-feira a lista das 1.065 instituições que vão ter participação compulsória no open banking, que será implementado no país a partir de 2021. Todos os grande bancos do país entram no grupo, também composto por instituições menores e cooperativas. O open banking vai dar aos clientes de instituições financeiras o poder sobre seus dados cadastrais e de transações como meio de fomentar a competição e acesso a serviços mais baratos e melhores. A regulamentação do open banking já havia estipulado obrigatoriedade de participação das instituições enquadradas pelo BC nos segmentos 1 e 2 . Entram no S1 as instituições com porte igual ou superior a 10% do Produto Interno Bruto ou que exerçam atividade internacional pertinente, independentemente do porte. Instituições Já o S2 compõem ele com porte inferior a %10, mas superior a 1% do PIB. Veja a lista completa das participantes compulsórias do open banking: https://www.bcb.gov. Faz 1 mês, que alegou o governo compreendeu que fimpactaram-se os processos de trabalho em as instituições participantes de o open banking, anunciou o deferimento de o pontapé inicial para a implementação de o open banking para fevereiro de 2021, br-estabilidadefinanceira-exibenormativo tipo=Comunicadoenumero=36480 No fim de novembro o BC que com os esforços necessários para a guerrazinha em a pandemia de a Covid-19.Antes, a primeira etapa do processo deveria ser deduzida até 30 de novembro deste ano. O prazo para a última etapa do open banking –entrada em forcita do compartilhamento de dados sobre produtos e serviços e dados de transações– era de 25 de outubro de 2021 e passou a ser 15 de dezembro do próximo ano. «Também foi levada em consideração a necessidade de adaptação de sistemas das instituições em razão de outras ações regulatórias, a exemplo do Pix e de registro de recebíveis de cartão», adicionou a autoridade monetária.

– O Banco Central ampliou o volume ofertado em leilão de rolagem de swap cambial tradicional calculado para esta segunda-feira, para um ritmo que, se conservado até o fim do mês, encarnará colocação líquida de dólares no mercado futuro, algo já sinalizado pelo BC diante da expectativa de compra bilionária de dólares na virada do ano relacionada ao overhedge. O BC anunciou na sexta-feira que, entre 11h30 e 11h40 desta segunda, disponibilizaria 16 mil contratos de swap cambial, ou 800 milhões de dólares, para rolagem do vencimento 4 de janeiro de 2021. A autarquia vem fazendo operações de rolagem desse vencimento deste o último dia 17. Até então, vinha ofertando 12 mil contratos de swap em cada leilão, período em que vendeu 5,4 bilhões de dólares nesses papéis. Com colocação integral, o BC concluirá negociando 21,4 bilhões de dólares, 9,602 bilhões de dólares a mais do que o estoque a vencer em 4 de janeiro , se conservar até o fim de dezembro oferta de 16 mil contratos de swap para rolagem. A estimativa considera que o BC não vai fazer operações em 24, 25, 30 e 31 de dezembro. Marcos Mollica, do Opportunity comentou: «Com isso, acalma pressão do overhedge de 16 bilhões de dólares». O overhedge é uma proteção cambial complementar adotada por bancos que deixou de ser interessante depois de mudanças, anunciadas no início do ano, em normas tributárias. Desfazer o overhedge implica compra de dólares, movimento em curso desde os primeiros meses do ano e que, segundo analistas, tem grande peso na disparada de 32,72% do dólar em 2020. Faz 11 meses, Uando a instituição sinalizou essa chance a o, o mercado está em a espera de que o BC faça colocação líquida de swaps desde o último dia 16, que.ocasião, o BC informou em nota que poderia «recalibrar a soma ofertada, conforme as condições de mercado». Faz 1 mês, quando ele alegou que a autoridade monetária teria que atuar, agentes leram o texto de mercado como uma » oficialização » de indicação dada pelFabio Kanczuk em o início em o final de o ano em o mercado de cotação em função de grande fluxo esperado em o país por causa do overhedge de os bancos. Fabio Kanczuk é o diretor de Política Econômica do Banco Central. Mais recentemente, tanto o presidente do BC, Roberto Campos Neto, quando Bruno Serra reforçaram que o BC poderia intervir em caso de disfuncionalidade. Bruno Serra é o diretor de Política Monetária do banco.

Na sexta-feira 27 de novembro – O Banco Central e o Conselho Monetário Nacional decidiram modificar o programa de implementação do open banking, protelando o pontapé inicial para o processo –que é dividido em quatro períodos– para fevereiro de 2021. O open banking daria aos clientes de instituições financeiras o poder sobre seus dados cadastrais e de transações como meio de fomentar a competição e acesso a serviços mais baratos e melhores. Até então, a primeira etapa do processo deveria ser deduzida até 30 de novembro deste ano, o que foi postergado para até 1º de fevereiro de 2021. Já o prazo para a última etapa do open banking –entrada em forcita do compartilhamento de dados sobre produtos e serviços e dados de transações– era de 25 de outubro de 2021 e passou a ser 15 de dezembro do próximo ano. Mais cedo nesta semana, Roberto Campos Neto havia declarado que o primeiro período do projeto «teve em alguns casos uma exaustão do processo tecnológico em alguns bancos». Roberto Campos Neto é o presidente do BC. » estávamo trabalhando para ver como resolvia, mas, independentemente do que ocorra no primeiro período ou na segunda, nós não mudávamo o programa do open banking, ele ficará pronto no mesmo dia», alegou Campos Neto, em entrevista veiculada na véspera. Em nota, o BC alegou que com os esforços necessários para a guerrazinha à pandemia da Covid-19, o governo ecompreendeuque fimpactaram-se os processos de trabalho em as instituições participantes de o open banking.»Se a levou também em consideração a necessidade de adaptação de sistemas de as instituições em razão de outras ações regulatórias, a exemplo do Pix e de registro de recebíveis de cartão», adicionou a autoridade monetária. «Mesmo com o ajuste no programa, a finalização do processo de implementação da open banking, dividido em quatro períodos, aconteceria em 2021.»

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>BC divulga lista das 1.065 instituições que vão ter participação compulsória em open banking
>>>>>BC eleva oferta de swaps em rolagem e sinaliza venda líquida de dólares mirando overhedge – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 BC 230 80 ORGANIZATION 15 o BC: 9, O BC: 1, (tacit) ele/ela (referent: O BC): 1, (tacit) ele/ela (referent: o BC): 2, (tacit) ele (referent: o BC): 2
2 open 0 0 NONE 4 o open banking: 2, O open banking: 2
3 instituições 0 100 NONE 3 instituições menores: 1, as instituições: 1, instituições: 1
4 porte 90 80 NONE 3 o porte: 1, porte inferior: 1, porte igual ou superior: 1
5 bancos 140 0 NONE 3 alguns bancos: 1, bancos: 2
6 Roberto Campos 0 0 PERSON 3 Roberto_Campos_Neto (apposition: o presidente de o BC): 1, Roberto_Campos_Neto: 1, Campos_Neto: 1
7 agentes 0 0 NONE 3 (tacit) eles/elas (referent: agentes): 3
8 autoridade 0 0 NONE 3 a autoridade monetária: 3
9 eu 0 0 NONE 3 (tacit) eu: 3
10 mercado 0 0 NONE 3 mercado: 1, o mercado futuro: 1, O mercado: 1