Por: SentiLecto

A Opep, que deseja ampliar sua produção em 6 milhões de bpd em 2021, teme que seus cortes lembre de produção de petróleo falhem em reequilibrar o mercado e resolver o maior excesso de oferta na história caso uma segunda onda da pandemia de coronavírus mine uma recuperação econômica ainda neste ano, segundo um estudo interno do grupo visto pela Reuters. A Opep, a Rússia e aliados, conhecidos como o grupo Opep+, declararam que vão acalmar os cortes lembre de oferta a partir de agosto, mencionando uma gradual recomeçada na procura devido à flexibilização de «lockdowns» pelo mundo.

A Opep alegou: » presume que a Covid-19 se a vai conter , especialmente em as principais economias, permitindo recuperação de o consumo privado e investimento, apoiados por massivas medidas de estímulos adotadas por governos para lutar a pandemia».O relatório foi o primeiro em que a Opep fez uma avaliação sobre os mercados de petróleo no próximo ano. O grupo declarou que a projeção não levou em conta a materialização de possíveis riscos relacionados a nervosismos comerciais entre Estados Unidos e China, excesso de dívidas ou uma segunda onda de infecções por coronavírus.

Na quinta-feira 18 de junho um painel da Opep+ realizado pressionou países como Iraque e Cazaquistão por maior adesão aos cortes de produção de petróleo estabelecidos pelo grupo, além de deixar a porta aberta tanto para a extensão quanto para a flexibilização das diminuições de oferta a partir de agosto.

O grupo espera que a procura por petróleo aumente em 7 milhões de barris por dia em 2021, depois de ter caído em 9 milhões de bpd neste ano.

Mas um estudo interno da Opep, visto pela Reuters, propõe que essas metas podem estar em risco se uma segunda onda do vírus forçar novos «lockdowns» pelo mundo.

Esse cenário poderia levar a uma queda de 11 milhões de bpd na procura em 2020 e, o mais importante para a Opep, gerar estoques maiores– o nível de estoques é um indicador chave que a Opep utiliza para monitorar a eficiência de cortes de produção.

A Opep no estudo, preparado para a reunião de painel da Opep+ em que ministros recomendaram o alívio nos cortes. declarou: «Note-se que nesse cenário a ampliação de estoques geralmente levaria a uma máxima sem precedentes de 1,218 bilhão de barris em 2020».

Por outro lado, um importante painel ministerial da Opep e seus aliados, incluindo a Rússia, irá debater um alívio em cortes de produção de petróleo nesta quarta-feira, mas o relaxamento terá que ser menor que o esperado anteriormente, graças à compensação por países que produziram acima do pcalculadoem meses anteriores.Embora as preocupações de procura relacionadas aa ampliação no número de casos de coronavírus nos Estados Unidos persistam, os custos do petróleo tiveram leve alta nesta terça-feira, com a Opep e aliados promovendo em junho uma diminuição de produção maior do que a estipulada por acordo.

Isso encarnaria colocar nos estoques o equivalente a mais de 12 dias de produção mundial de petróleo devido à baixa dprocura

Nesse cenário, chamado de «segunda onda», os estoques mundiais não cairiam no terceiro trimestre e teriam uma diminuição somente modesta no quarto trimestre, ficando 149 milhões de barris acima da média de cinco anos em países industrializados da OCDE.

REUTERS LC

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Russian Federation

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>EXCLUSIVO-Opep teme que segunda onda do coronavírus estenda excesso de estoques
>>>>>Demanda por petróleo terá salto em 2021, mas seguirá abaixo de 2019, diz Opep – July 14, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>IEA eleva previsão de demanda de petróleo em 2020, mas alerta para Covid-19 – July 10, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Opep+ trabalha com redução menor que a esperada em cortes de oferta, diz fonte – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Petróleo tem leve alta com firme adesão da Opep+ a cortes de produção – July 14, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Preços do petróleo sobem após IEA elevar projeção para demanda; Covid-19 ainda preocupa – July 10, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Petróleo fecha quase estável com ‘embate’ entre dados econômicos e pandemia – July 06, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Ibovespa à vista avança nos primeiros negócios ajudado por dados de emprego dos EUA – July 02, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Preços do petróleo sobem após dados econômicos positivos, mas coronavírus preocupa – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Ibovespa à vista começa semana no azul com exterior favorável – June 29, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Ibovespa fecha em alta e caminha para melhor trimestre desde 2003 – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Crescentes casos de Covid-19 em 39 Estados dos EUA lançam sombra sobre celebrações do 4 de Julho – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Wall St avança com dados no setor de serviços e esperanças de recuperação liderada pela China – July 06, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>S&P 500 e Nasdaq sobem com esperanças de vacina e melhora em dados econômicos – July 01, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Wall St salta na abertura após aceleração na criação de empregos nos EUA – July 02, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Criação recorde de vagas nos EUA impulsiona Wall St – July 02, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Produção de petróleo dos EUA em 2020 deve cair menos do que se esperava, diz AIE – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Preços do petróleo sobem com melhora na demanda por gasolina nos EUA – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Petróleo cai com disparada em casos de Covid-19 e tensão EUA-China – July 13, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>PETRÓLEO – Barril cai US$1 após avanço do coronavírus gerar temor sobre demanda – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Barril do petróleo cai US$1 após avanço do coronavírus gerar temor sobre demanda – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Opep 0 24 ORGANIZATION 14 (tacit) ele/ela (referent: a Opep): 4, (tacit) ele/ela (referent: A Opep): 1, a Opep: 6, (tacit) ela (referent: A Opep): 1, A Opep: 2
2 eu 120 0 NONE 5 (tacit) eu: 5
3 grupo 0 60 NONE 3 O grupo: 2, o grupo: 1
4 países 0 18 NONE 3 países: 3
5 cenário 0 0 NONE 3 Esse cenário: 1, esse cenário: 2
6 cortes 0 0 NONE 3 cortes: 3
7 demanda 0 0 NONE 3 a demanda: 3
8 alívio 170 0 NONE 2 o alívio: 1, um alívio: 1
9 A Opep a Rússia e aliados 40 0 ORGANIZATION 2 A Opep a Rússia e aliados: 1, (tacit) eles/elas (referent: A Opep a Rússia e aliados): 1
10 Opep+ 0 0 ORGANIZATION 2 o grupo Opep+: 1, a Opep+: 1