Por: SentiLecto

Faz 3 meses, cerca de 60 hotéis de o Rio fecharam as portas provisoriamente desde o começo de a pandemia de o coronavírus, e há risco de demissão de até 5 mil funcionários, segundo a associação de hotéis da cidade, que comparou a gravidade da situação com estragos provocados por um combate.

Segundo José Caamaño, vice-presidente da Associação de Hotéis do Rio de Janeiro , o setor se preparava para viver o melhor março dos últimos tempos, com previsão de taxa de profissão de 75%, depois de alguns anos difíceis, com crescimento do produto interno bruto na faixa de 1% entre 2017 e 2019.

No entanto, com a progressão da pandemia e a adoção de medidas de limitação de movimentação e isolamento social para conter a disseminação do vírus, a taxa de profissão foi declinando a ponto de obrigar os hotéis a fecharem as portas provisoriamente. Caamaño, que frisou que o encerramento provisório atinge tanto as grandes redes, como Sheraton e Fasano, como estabelecimentos de categorias inferiores, algo nunca visto na cidade, segundo ele, à Reuters nesta sexta-feira. declarou: “Tem hotel hoje na cidade que está sem um hóspede“.

“Para nós é o caos. A gente jamais esperou, é como se fosse uma Segunda Guerra Mundial, só que sem bala”, alegou.

O setor hoteleiro do Rio espera uma retomada no nível de profissão e, consequentemente, no fluxo de turistas de passeio e negócios, daqui a três meses, a depender das medidas adotadas para fazer frente ao avanço da pandemia.

Ainda sim, evidenciou Caamaño, a recuperação tem que ser lenta e, forçosamente, vai haver demissões no setor. Segundo ele, cerca de 5 mil empregados da indústria hoteleira estão com o futuro ameaçado. Atualmente, o setor emprega cerca de 40 mil pessoas no Rio.

Com hotéis fechados, milhares de profissionais já estão de permissão remunerada, e, segundo o executivo, o acordo com o sindicato da categoria calcula a concessão de cesta básica e a manutenção do plano de saúde por quatro meses para aquelas redes que já ofereciam essa vantagem.

“Eles estão aceitando bem. O pior é a demissão, que a gente acredita que pode ser de 20%. A gente vai fazer de tudo para evitar, mas… Se o hotel voltar a trabalhar antes o funcionário é recrutado para voltar”, alegou.

Para tentar sobreviver, a indústria de hotéis tem conservado contato permanente com as três esferas de governo e já conseguiu o deferimento no pagamento das contas com as concessionárias de água, luz e telefonia.

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social tem que anunciar em breve um programa de suporte aos setores de turismo, hotéis, bares, restaurantes e setor aéreo, que foram fortemente impactados pela pandemia de Covid-19, segundo o presidente da instituição, Gustavo Montezano.

– O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal , permitiu que a prefeitura do Rio de Janeiro interrompa o pagamento de parcelas de um financiamento firmado com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social para que se utilizem esses recursos em ações de prevenção e guerrazinha em a pandemia de coronavírus.Em sua resolução, Fux determina ainda que «a União e o BNDES se abstenham de proceder às medidas decorrentes do descumprimento dos referidos contratos». De acordo com dados do Ministério da Saúde divulgados na quinta-feira, o Brasil registrou 299 mortes pelo coronavírus e tem 7.910 casos confirmados.

Na quinta-feira 26 de março nos últimos dias, o Supremo Tribunal Federal recebeu cerca de 200 ações de estados e municípios. O pedido era um só: interromper o pagamento de parcelas das dívidas com a União para gastar os recursos na guerrazinha ao coronavírus. Nesta quinta-feira, o ministro Alexandre de Moraes concedeu liminar à Paraíba, para que ase convertam as parcelas de os próximos seis meses em gastos para conter a pandemia.Moraes já deu a mesma resolução com relação às dívidas de São Paulo, da Bahia, Paraná e Maranhão.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Sem turistas, hotéis do Rio fecham as portas por pandemia e milhares podem perder emprego
>>>>>Fux permite que prefeitura do Rio suspenda pagamento parcelas ao BNDES por coronavírus – April 03, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Brasil tem 136 mortes pelo coronavírus e 4.256 casos confirmados, diz Ministério da Saúde – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Câmara aprova que Estados e municípios usem recursos parados para combater coronavírus – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Número de mortos por coronavírus no Brasil chega a 240; país tem mais 1.119 casos confirmados – April 01, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Ministério da Saúde mantém orientação de diminuir circulação de pessoas para combater coronavírus – March 27, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Coronavírus: Guedes projeta retorno gradual da quarentena a partir de 7 de abril – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Mandetta endossa crítica de Bolsonaro e diz que quarentenas por coronavírus foram precipitadas – March 25, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Governo estuda redução do IOF sobre financiamentos por crise com coronavírus – March 20, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Mandetta fala em eventual colapso do sistema, mas diz que restrições de circulação visam evitar isso – March 20, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Bolsonaro nega colapso na saúde por coronavírus e diz que ministro Mandetta exagerou – March 22, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Governadores reagem a Bolsonaro e decidem manter medidas contra coronavírus – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Mortes por coronavírus na Espanha chegam a 849 em 24 horas, maior índice diário até agora – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Caamaño 0 0 PERSON 4 Caamaño: 3, ele (referent: Caamaño): 1
2 Luiz Fux 0 0 PERSON 4 (tacit) ele/ela (referent: O ministro Luiz_Fux de o Supremo_Tribunal_Federal): 1, Fux: 1, O ministro Luiz_Fux de o Supremo_Tribunal_Federal: 1, (tacit) ele/ela (referent: Fux): 1
3 cidade 0 0 NONE 4 a cidade: 4
4 setor 0 80 NONE 3 setor aéreo: 1, o setor: 2
5 redes 50 0 NONE 3 aquelas redes: 2, as grandes redes: 1
6 gente 0 0 NONE 3 A gente: 2, a gente: 1
7 combate 0 20 NONE 2 uma guerra: 1, combate: 1
8 decisão 0 0 NONE 2 decisão: 1, sua decisão: 1
9 hotéis 0 0 NONE 2 60 hotéis: 1, hotéis fechados: 1
10 o Rio 0 0 PLACE 2 o Rio: 2