Por: SentiLecto

Espanhola recorda que problema pode ter determinação simples. Djokovic ainda não sabe se poderá jogar Open da AustráliaGarbiñe Muguruza foi mais uma voz do circuito a comentar o caso de Novak Djokovic. A espanhola recorda que o problema do de Sérrai podia ter sido facilmente evitado.»Não creio que seja assim tão difícil, há que tomar a vacina e mais nada. Está na hora de virar a página porque está a ficar bastante comprida. É tempo de falar sobre o Grand Slam e de podermos jogar com público», alegou, em declarações àoijornalismoLembre-se que desde que chegou a Melbourne, a segunda vez deteve Novak Djokovic. O de Sérrai ainda não sabe se poderá defender em campo o seu título de campão do Open da Austrália.

Governo da Austrália cancelou mais uma vez o visto do tenista de Sérrai.O juiz que invalidou o cancelamento do visto do tenista de Sérrai Novak Djokovic promove esta sexta-feira uma audiência de urgência, depois de o Governo da Austrália ter cancelado, de novo, o visto do número um mundial, informou o tribunal., em comunicado sem adiantar mais detalhes mencionou: «Uma audiência vai ter lugar hoje , perante o juiz Anthony Kelly, do tribunal federal». Comunicado é um porta-voz do tribunal.A audiência ocorre poucas horas depois de o ministro australiano da Imigração, Alex Hawke, ter cancelado o visto de Djokovic, o que implica a deportação do ganhador do Open da Austrália por nove vezes .Djokovic chegou a Melbourne a 05 de janeiro com uma isenção médica que lhe permitiria jogar no Open da Austrália, primeiro «major» de 2022, sem ser vacinado contra a covid-19, mas as autoridades alfandegárias foi posteriormente cancelado o visto.O sérvio ficou detido até uma resolução judicial na segunda-feira ordenar a sua libertação – emitida pelo mesmo juiz que hoje promove a audiência -, mas o Governo australiano voltou a cancelar o visto.razões de saúde tomaram » a resolução e ordem pública » , declarou o ministro , em comunicado.Djokovic, que caso ganhasse o Open da Austrália, pretendia atingir o recorde de 21 títulos em torneios de Grand Slam, admitiu esta semana ter prestado falsas declarações à entrada da Austrália.Para além de erros e inconsistências na declaração de Djokovic para entrar na Austrália, adiciona-se a violação das diretrizes de isolamento rostito à pandemia de covid-19 na Sérvia.Djokovic tinha dito que não tinha viajado nos 14 dias anteriores, mas na realidade tinha viajado da Sérvia para Espanha, enquanto no seu país natal deu uma entrevista a um meio de comunicação social francês sabendo que testara positivo ao coronavírus.Djokovic continua incluído no sorteio do torneio, no qual procura defender o título, mas se deteve australiano foi novamente detido em Melbourne, depois de o Governo ter cancelado o visto, o que ocorre por a segunda vez.O tenista Rafael Nadal declarou este sábado que respeita o adversário Novak Djokovic, que enfrenta uma possível deportação da Austrália, mas discorda de «muitas coisas que [o sérvio] fez nas últimas duas semanas».O espanhol de 35 anos alegou: «Mesmo que não consinta com muitas coisas que ele fez nas últimas duas semanas, respeito-o realmente».»O Open da Austrália é bastante mais importante do que qualquer jogador», adicionou. «O Open da Austrália será um grande torneio, com ou sem ele», declarou o número seis mundial aos jornalistas, dois dias antes do começo do torneio do Grand Slam.Djokovic, que não está vacinado contra a covid-19, continua incluído no sorteio do torneio, no qual procura defender o título, mas se deteve australiano foi novamente detido em Melbourne, depois de o Governo ter cancelado o visto, o que ocorre por a segunda vez.O de Sérrai aguarda uma resolução judicial. As autoridades de Australia aceitaram interromper a deportação de Djokovic até que a Justiça decida sobre o cancelamento do visto de entrada.O Tribunal Federal australiano está agora encarregado do caso. O jogador está autorizado a reunir-se com os seus advogados e ficará detido até à sua audiência, que deve ciniciarainda hoje.Djokovic chegou a Melbourne a 05 de janeiro com uma isenção médica que lhe permitiria jogar no Open da Austrália, primeiro Grand Slam de 2022, sem ser vacinado contra a covid-19, mas as autoridades alfandegárias foi posteriormente cancelado o visto.O sérvio ficou detido até uma resolução judicial na segunda-feira ordenar a sua libertação, mas o Governo australiano voltou a cancelar o visto.razões de saúde tomaram » a resolução e ordem pública » , declarou Alex Hawke em comunicado. Alex Hawke é o ministro australiano da Imigração.Djokovic, que pretendia atingir o recorde de 21 títulos em torneios de Grand Slam, caso ganhasse o Open da Austrália, admitiu esta semana ter prestado falsas declarações à entrada da Austrália.Para além de erros e inconsistências na declaração de Djokovic para entrar na Austrália, adiciona-se a violação das diretrizes de isolamento rostito à pandemia de covid-19 na Sérvia.Djokovic tinha dito que não tinha viajado nos 14 dias anteriores, mas na realidade tinha viajado da Sérvia para Espanha, enquanto no seu país natal deu uma entrevista a um meio de comunicação social francês sabendo que testara positivo ao coronavírus.Alemão deu a sua opinião e deixou crítica implícita às autoridadesAlexander Zverev, um dos favoritos à conquista do Open da Austrália, deu a sua opinião farostitoo caso Novak Djokovic, que foi detido pela segunda vez desde que aterrou em Melbourne. Para o alemão, o que o número um mundial está a passar é uma injustiça.»Não é justo vir vir para a Austrália e não jogar o torneio. Ele tinha um visto válido, não tinha? Duvido que tenha viajado para tentar a sua sorte sem qualquer garantia de que iria jogar no torneio. Se não fosse ele, ele é uma estrela , não teria havido todo este drama», alegou, em conferência de jornalismo.Lembre-se que Novak Djokovic ainda não sabe se poderá disputar a edição 2022 do Open da Austrália. A resolução deverá ser conhecida, ainda assim, este fim de semana, uma vez que o torneio arranca já na próxima segunda.

Na sábado 08 de janeiro Sérvio continuava retido na Austrália, sem saber se poderia ou não jogar o Open da AustráliaOs advogados de Novak Djokovic declararam que este recebeu uma isenção médica para entrar na Austrália após ser infetado por covid-19 em dezembro, informando que o tenista pediu transferência do hotel para treinar antes de iniciar o torneio.Num documento judicial mencionado pelo jornalismo australiano, os advogados do tenista de Sérrai referiam que «a data do primeiro teste PCR positivo para a covid-19 foi registada em 16 de dezembro de 2021».Djokovic, que estava retido num hotel em Melbourne, à espera de uma dresoluçãojudicial que lhe permita disputar o Open da Austrália de ténis, chegou a este país à noite com uma isenção médica, o que levou a que pudesse entrar no país em ser vacinado.A revogação do visto de Djokovic instituiu nervosismos diplomáticos entre a Austrália e a Sérvia.A disputa sobre as isenções médicas concedidas pela Federação Australiana de Ténis e pelo governo regional de Vitória, onde se realizava o Open da Austrália, levou o executivo de Camberra a investigar permissões semelhantes concedidas a outras pessoas que participavam no torneio em Melbourne, que decorria de 17 a 30 de janeiro.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Australia

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>A farpa de Muguruza para Djokovic: «Há que tomar a vacina, não é assim tão difícil»
>>>>>Juiz que anulou cancelamento do visto de Djokovic promove audiência de urgência – (ojogo-pt)
>>>>>Nadal sobre Djokovic: «Open da Austrália é muito mais importante do que qualquer jogador»» – (ojogo-pt)
>>>>>Zverev sobre caso Djokovic: «Não é justo vir para a Austrália e não jogar o torneio» – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Djokovic 0 144 PERSON 21 (tacit) ele/ela (referent: Djokovic): 4, Djokovic vacinado contra a covid-19: 2, Djokovic: 15
2 eu 370 0 NONE 17 (tacit) eu: 17
3 Novak Djokovic 160 50 PERSON 7 (tacit) ele/ela (referent: o caso Novak_Djokovic): 1, Novak_Djokovic: 2, (tacit) ele (referent: o caso Novak_Djokovic): 1, o rival Novak_Djokovic: 2, o caso Novak_Djokovic: 1
4 Rafael Nadal 0 0 PERSON 7 (tacit) ele/ela (referent: O tenista Rafael_Nadal): 3, ele (referent: O tenista Rafael_Nadal): 1, o (referent: O tenista Rafael_Nadal): 1, O tenista Rafael_Nadal: 2
5 decisão 0 0 NONE 7 uma decisão judicial: 3, A decisão: 3, resolução simples: 1
6 Melbourne 0 0 PLACE 6 Melbourne: 6
7 isenção 0 0 NONE 6 uma isenção médica: 6
8 torneio 0 0 NONE 6 o torneio: 6
9 audiência 60 50 NONE 5 A audiência: 1, sua audiência: 2, a audiência: 1, Uma audiência: 1
10 australiano 0 50 NONE 5 australiano: 5