Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Leicester

Técnico lamenta os erros defensivos que ditaram a derrota do Chelsea por 5-2, em casa, contra o West BromThomas Tuchel não desculpa os jogadores do Chelsea por quando ficaram diminuídos a dez pela expulsão de Thiago Silva, terem perdido o benefício sobre o West Brom. «Fomos incapazes de lidar com diferença numérica e não sei porquê. Demos dois golos bastante fáceis e depois tudo foi correndo mal após a expulsão. Eles marcaram quase a cada remate. Ainda assim, antes da expulsão perdemos demasiadas bolas fáceis. É inimaginável aceitar esta situação», declara o alemão no flash após a primeira derrota como técnico do Chelsea.»Temo que digerir isto e sacudir depressa este momento [em referência ao FC Porto e ao jogo na quarta-feira na Liga dos Campeões]. É duro, mas não conseguimos jamais defender bem. Fomos castigados e nem soubemos aproveitar o facto de estarmos a ganhar. Não era preciso termos padecido cinco golos com a característica que temos», prosseguiu, claramente decepcionado pela exposição e por não conseguir pressionar o Leicester, que é terceiro e que, com mais cinco pontos do que os blues, recebe o City hoje.

Kanté padeceu uma lesão muscular e vai dever falhar a primeira mão dos quartos de final da Liga dos Campeões, em que o Chelsea defronta o FC Porto.O Chelsea defronta o West Bromwich no sábado e não vai poder contar com N’Golo Kanté. Mas este vai poder não ser o único jogo que o francês falha. O treinador Thomas Tuchel referiu hoje que não espera ter o médio na quarta-feira, frente ao FC Porto.»O Kanté está a fazer treino individual e não estará com a equipa no jogo de amanhã. Depois, temos somente três dias para preparar o jogo com o FC Porto. Portanto, a minha esperança é que talvez possa estar na segunda mão», confidenciou Tuchel em conferência de jornalismo.Kanté padeceu uma lesão muscular ao serviço da seleção de Francia. O jogo entre Chelsea e FC Porto joga-se na quarta-feira, 7 de abril, no Estádio Rámon Sánchez Pizjuán, em Sevilha.Sérgio Oliveira marcou os dois golos do FC Porto frente à Juventus que permitiram a passagem aos quartos de final da Liga dos Campeões.Faz 17 anos, em uma entrevista em a Revista Dragões, Sérgio Oliveira avaliou a campanha de o FC Porto em a Liga dos Campeões até esta altura, recordando o golo decisivo que assinalou em Turim e o festejo idêntico a o que Costinha fez em Manchester.A campanha oi fantástica. Padecemo poucos golos, o que não é nada fácil. Creio que podíamos ter feito um resultado melhor em Manchester, mas fizemos um excelente trabalho. Temo que ser Porto, dar o nosso máximo, e sermos uma equipa sólida. Podemos enfrentar cara a cara qualquer oponente», avaliou, se o fizermos.»A preparação de cada jogo é essencial, mas a parte mental também. Temos sempre de encontrar a motivação necessária. No campeonato, as coisas não têm corrido bem nesse aspeto, temos padecido golos que não estamos habituados a padecer. Estamos conscientes disso e temos de olhar para o campeonato como se fosse a Liga dos Campeões», considerou.Sobre o primeiro golo que marcou em Turim, o médio declara que o «sentimento e grau de responsabilidade» foram os mesmos de sempre; o segundo, de livre direto, é difícil de explicar com vocábulos.»O mesmo sentimento e grau de responsabilidade máximo que sinto ao bater uma grande penalidade pelo FC Porto. Sabia que ainda havia bastante jogo pela frente, independentemente do desfecho desse lance. [Depois] tivemos de padecer. O nossa grande almazinha de equipa e de entreajuda foi fundamental. Conseguimos conservar a organização e o discernimento suficiente para colocar em campo o que nos o mister passou ele. Temos um grupo que não se rende perante as adversidades e que modificou as fraquezas em forças. Segundo golo? Foi único, histórico, que me enche de orgulho e que irá permanecer comigo para sempre. Quando vi que a bola tinha entrado foi um sentimento que ainda hoje tenho dificuldade em traduzir por palavras, de uma satisfação única, uma vontade imensa de abraçar cada portista que naquele momento sentia o mesmo que eu», confidenciou o jogador.Depois de fazer o bis, celebrou como Costinha, mas tudo não passou de um mero acaso. «Não tinha programado o festejo. O momento do festejo igual ao Costinha, de quem sou amigo, foi algo inconsciente, que fiz sem pensar. Foi espontâneo…», revelou.Segue-se o Chelsea, numa eliminatória «difícil», frente a um oponente «que tem vindo a evoluir muito em termos coletivos», mas o FC Porto «não tem limites». «Vamos até onde não pudermos mais. Temos de combater e desejar bastante ganhar títulos. Essa crença e esse positivismo fazem-nos alcançar coisas belas», afiançou.Extremo formado no Sporting marcou dois golos e fez duas assistências no 2-5 em Londres e aplica primeira derrota a TuchelO FC Porto pode tirar muitas ilações do Chelsea-West Bromwich Albion para a próxima quarta-feira, no encontro da primeira mão dos quartos de final da Liga dos Campeões.se derrotou O Chelsea em casa por 5-2 e bastante o deve a Matheus Pereira que marcou dois golos ., que marcou dois golos.Quando Pulisic encostou uma ressaca vinda do ferro, os blues adiantaram-se no marcador aos 27′ depois de livre de Marcos Alonso. No entanto, Thiago Silva viu vermelho direto, num carrinho arriscado, e o West Brom acreditou.O guarda-redes Johnstone bateu longo e Matheus Pereira aproveitou a indiferença dos blues, já diminuídos a dez, para picar sobre Mendy aos 45’+2′.Aos 45’+4′, após perda de bola do Chelsea, o brasileiro dominou, simulou e rematou, perante três adversários, anichando a bola na baliza, carimbando a reviravolta.Mount mexeu com o jogo, mas foi Robinson a aumentar para 3-1, concluindo à entrada da área, de primeira, mostrando como a zona central dos londrinos está vulnerável.O West Brom, 19.º classificado, marcou aos 63′ e aos 68′ Diagne ampliou. O avançado teve frieza para concluir a passe de Matheus Pereira.O Chelsea respondeu aos 71′. Werner não marca, mas tem sido cooperativo e vendo Mount em boa posição entregou-lhe um golo feito após jogada na esquerda de Alonso. Os blues tiveram mais possibilidades para diminuir, com James, Zouma e Werner, porém falharam à frente da baliza, indo Robinson a tempo de aampliarpara 5-2.Novamente Matheus Pereira em grande, já que assistiu: neste jogo o extremo alcançou a quarta e quinta assistências e o sexto e sétimo golos na Premier League em 2020/21.O Chelsea falhou a pressão ao Leicester, que joga hoje com o Man. City, e está a cinco pontos. Tuchel ia em 15 jogos sem perder, ou seja estava invicto no Chelsea, sequência que hoje viu derrubada pelo West Brom, que é 19.º classificado, ficando a sete pontos do Newcastle, primeira equipa acima da linha de água.

Na sexta-feira 19 de março treinador do Chelsea abordou com precaução a eliminatória frente ao FC Porto, nos quartos de final da Liga dos Campeões.Foi com uma postura cuidadosa que Thomas Tuchel abordou o resultado do sorteio dos quartos de final da Liga dos Campeões, que colocou o FC Porto no percurso da equipa de Londres. Thomas Tuchel é treinador do Chelsea.O técnico de Alemania recusava qualquer espécie de otimismo exagerado e deixava um aviso sobre o teórico favoritismo que possa ser atribuído aos «blues» na eliminatória com os dragões.»Antes de mais, desejava declarar que estava contente por não jogarmos contra uma equipa de Inglaterra numa prova europeia. A Champions League era isso mesmo. Sempre preferi jogar contra equipas de outros países. Depois, temos a segunda mão em casa, é algo que sabe bem, iniciar fora e ter, talvez, um ligeiro benefício por concluirmo em casa», iniciou por referir Tuchel, prosseguindo:»Claro que muita gente vai assinalar-nos como favoritos contra o FC Porto. Isso não vai auxiliar. podiam ir a Turim perguntar a opinião sobre isso, se auxiliava ser favorito», atirou o treinador do Chelsea, em alusão aos oitavos de fina da Champions, período em que o FC Porto suprimiu a Juventus de Cristiano Ronaldo.» temos confiança e estávamo comprometidos. defrontaremos um oponente forte com todo o respeito, mas agora estávamo nos quartos de final e pensávamo como podíamo ganhar. O único foco era chegar às meias-finais», rematou Thomas Tuchel.O Chelsea, lembre-se, suprimiu o Atlético de Madrid nos oitavos de final da competição.

Leicester é uma cidade inglesa, Reino Unido, a maior da região de East Midlands, localizada no Condado de Leicestershire.

Chelsea é um distrito no borough de Kensington e Chelsea, na Região de Londres, na Inglaterra.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Portugal

Cities: Porto

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>A reação de Tuchel à goleada: «TTemo que digeriristo e sacudir rdepressaeste momento»
>>>>>Kanté está lesionado e Tuchel diz que o médio deve falhar o FC Porto – April 02, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>«Segundo golo em Turim? Ainda hoje tenho dificuldade em traduzir por palavras» – April 01, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Sérgio Oliveira, a frase de Costinha e ainda Conceição: «Cobra-te ao centímetro» – April 01, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>FC Porto B goleia Mafra com «reforços» e Rodrigo Conceição em destaque – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Paulo Sérgio: «Desejo sucesso ao Sérgio Conceição e, se possível, que ganhe a Liga dos Campeões» – March 31, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Depois de Evanilson e Baró, Sérgio Conceição cede mais dois jogadores ao FC Porto B – March 29, 2021 (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Depois de duas assistências, o golo: Rodrigo Conceição conclui com classe – March 29, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Toni Martinez destaca frase de Conceição e diz: «Não imagino o FC Porto com um treinador sem este caráter» – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>UEFA oficializa mudança da eliminatória entre FC Porto e Chelsea para Sevilha – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Um lance que surpreendeu toda a gente: o golo de Carraça pelo FC Porto B – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>FC Porto continuou preparação para o Santa Clara com três nomes no boletim clínico – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Lars Whalter antecipa FC Porto-Aalborg: «Vai ser equilibrado» – (ojogo-pt)
>>>>>Matheus Pereira mostra ao FC Porto como afundar o Chelsea – April 03, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Matheus Pereira «dobra» o Chelsea em escassos minutos: veja os golos – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Rui Silva após o FC Porto-Aalborg: «Conseguimos uma boa margem para a segunda mão» – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 nós 325 245 NONE 28 nos: 2, (tacit) nós: 26
2 Chelsea 0 110 ORGANIZATION 15 (tacit) ele/ela (referent: o Chelsea): 2, (tacit) ele/ela (referent: O Chelsea): 1, O Chelsea: 5, o (referent: O Chelsea): 1, Chelsea: 3, o Chelsea: 3
3 eu 130 95 NONE 14 (tacit) eu: 13, me: 1
4 o FC_Porto 0 80 PLACE 8 FC_Porto: 1, o FC_Porto: 6, (tacit) ele/ela (referent: o FC_Porto): 1
5 golos 35 0 NONE 8 dois golos muito fáceis: 1, dois golos: 2, poucos golos: 1, golos: 3, cinco golos: 1
6 jogo 0 0 NONE 6 O jogo: 1, o jogo: 3, muito jogo: 1, este jogo: 1
7 Thomas Tuchel 30 0 PERSON 5 Thomas_Tuchel: 1, O treinador Thomas_Tuchel: 1, Tuchel: 2, Thomas_Tuchel (apposition: treinador de o Chelsea): 1
8 West Brom 0 0 ORGANIZATION 5 o West_Brom: 3, O West_Brom 19: 1, (tacit) ele/ela (referent: O West_Brom 19): 1
9 golo 0 0 NONE 5 o primeiro golo: 1, um golo feito: 1, o golo decisivo: 2, golo: 1
10 Robinson 0 140 PERSON 4 Robinson: 2, (tacit) ele/ela (referent: Robinson): 2