Por: SentiLecto

Seleção Nacional de andebol joga derradeira cartada no acesso aos Jogos Olímpicos.A seleção de Portugal de andebol está obrigada a vencer a anfitriã França, este sábado, em Montpellier, no fecho do segundo torneio pré-olímpico, pelas 20h00, para marcar presença inédita nos Jogos Olímpicos.Os jogadores de Lusaka, a competir sob o lema «Por Portugal, por ti», numa referência ao guarda-redes Alfredo Quintana, que faleceu em 26 de fevereiro na sequência de uma paragem cardiorrespiratória durante um treino do FC Porto, vão ter que fazer o jogo das suas vidas para derrotar os vice-campeões olímpicos.A derrota no sábado pela margem mínima com a Croácia , depois de Portugal ter liderado o marcador durante praticamente todo o jogo, em que chegou a ter um benefício de seis golos, impediu que os heróis do oceano pudessem ter celebrado o apuramento.A seleção de Portugalde Portugal, que não irá poder contar com o central Miguel Martins, por lesão, tem na derradeira jornada do torneio pré-olímpico uma última chance para validar a presença em Tóquio’2020, ao escopo de uma vitória frente à França. A França, que foi ainda seis vezes campeã do Mundo e três da Europa, é uma das melhores seleções do mundo e conta no seu palmarés com dois títulos olímpicos, em Pequim’2008 e Londres’2012, para além da prata no Rio’2016 e o bronze em Barcelona’1992.

Seleção Nacional está na cidade de Francia de Montpellier para jogar o apuramento para Tóquio e nele vai prestar homenagem ao malogrado guarda-redes.Os jogadores da seleção de Portugal vão utilizar um fumo negro na camisola na qualificação para os Jogos Olímpicos Tóquio’2020, em memória de Alfredo Quintana, anunciou a Federação Internacional de Andebol .De sexta-feira a domingo, em Montpellier, França, Portugal tentará pela primeira vez qualificar-se para uns Jogos Olímpicos, naquela que vai ser a primeira competição após a morte do guarda-redes.Na estreia no torneio de qualificação, Portugal defronta a Tunísia, num encontro que será precedido por um minuto de silêncio por Quintana.Além da equipa de Afragola, Portugal vai ainda defrontar a França e a Croácia, com os dois primeiros a assegurarem o apuramento.Alfredo Quintana faleceu em 26 de fevereiro, aos 32 anos, após padecer uma paragem cardiorrespiratória na segunda-feira anterior, durante o treino dos azuis e brancos, ao serviço dos quais conquistou seis campeonatos, uma Taça e duas supertaças.se o assistiu quintana, que completava 33 anos, a 20 de março, de imediato, com suporte de uma viatura de o Instituto Nacional de Emergência Médica, tendo sido transportado para o Hospital de São João depois de estabilizado.Nascido em Havana , o guarda-redes, de 2,01 metros, ingressou no FC Porto em 2011, naturalizou-se português e tornou-se internacional em 2014, tornando-se numa referência da equipa das quinas, que encarnou em 67 jogos, tendo feito parte das seleções que conquistaram o sexto lugar no Europeu de 2020 e o 10.º no Mundial 2021, as melhores classificações de Lusaka de sempre.Gustavo Capdeville assumiu a titularidade na baliza da Seleção Nacional frente à Tunísia.Portugal entrou com o pé direito no torneio pré-olímpico, ao vencer esta sexta-feira a Tunísia por 34-27, naquele que foi o primeiro jogo da equipa das quinas após o falecimento de Alfredo Quintana.Gustavo Capdeville assumiu a responsabilidade de defender a baliza da Seleção e, após o encontro, fez um balanço positivo da partida, vincando que «é bastante difícil» não contar com o malogrado ex-companheiro de posição.»Sinto a equipa forte e coesa. A equipa deu tudo e mostrou do que é capaz. É sempre difícil [superar o momento que a seleção passa com a morte de Alfredo Quintana], mas procurei colocar as afeições em jogo e acho que me consegui sair bem. Foi um bom jogo. O importante era a triunfo, mas se estive bem melhor ainda. A nível emocional é bastante difícil estar aqui sem o Alfredo Quintana», alegou Capdeville.No primeiro de três jogos no apuramento para os Jogos Olímpicos, a Seleção Nacional de andebol bateu a Tunísia por 34-27.A Seleção Nacional de andebol ficou mais perto dos Jogos Olímpicos de Tóquio esta sexta-feira, ao bater a Tunísia por 34-27 no primeiro de três jogos do torneio de apuramento.Em Montpellier, a equipa de Portugal entrou como teoricamente preferida e confirmou o regulamento, superiorizando-se à formação do Norte de África. De destacar ainda que este foi o primeiro encontro de Portugal após a morte de Alfredo Quintana.A Seleção volta a entrar em ação no sábado, novamente às 17h30, contra a Croácia. No domingo, a oponente vai ser a França, às 20h00. Os dois primeiros do grupo qualificam-se para os Jogos de Tóquio, que vão disputar-se entre 24 de julho e 8 de agosto.

Na sexta-feira 26 de fevereiro Fernando Gomes deixou mensagem de condolências. Fernando Gomes é presidente da Federação Portuguesa de Futebol.Fernando Gomes deixou uma mensagem de condolências a «amigos e colegas, na Federação de Andebol de Portugal, ao FC Porto e a todo o Desporto Nacional», após o falecimento de Alfredo Quintana, guarda-redes do símbolo azul e branco e da seleção de Portugal de andebol. Fernando Gomes é o presidente da Federação Portuguesa de Futebol.A FPF lamentava profundamente a morte de Alfredo Quintana, guarda-redes da Seleção Nacional de Andebol e do FC Porto na sequência de uma paragem cardiorrespiratória. Numa altura em que qualquer vocábulo parecia insuficiente para aceitar o desaparecimento tão precoce e tão injusto de um jovem de 32 anos, não desejava deixar de honrar a habilidade, garra e dedicação que durante tantos anos provou ao serviço do seu País e do seu clube», iniciou por escrever.»Alfredo Quintana, ao homenagear a seu ofício, homenageou indelevelmente Portugal. Jamais o esqueceríamos. À sua família, amigos e colegas, à Federação Portuguesa de Andebol, ao FC Porto, a todo o Desporto Nacional aexiboas minhas mais sentidas e comovidas condolências», cdeduziuFernando Gomes.

Alfredo Eduardo Quintana Bravo foi um jogador de andebol luso-cubano que jogou pelo Industriales, Seleção de Andebol Cubana, F. C. do Porto e pela Seleção Portuguesa de Andebol.

Croácia, oficialmente República da Croácia, é um país europeu que se restringe ao norte com a Eslovénia e Hungria, a nordeste com a Sérvia, a leste com a Bósnia e Herzegovina e ao sul com Montenegro.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Portugal, United Kingdom, Spain, Indonesia, Croatia, Brazil

Cities: Porto, London, Franca, Campea, Barcelona

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>As contas são simples: Portugal obrigado a vencer a França para ir a Tóquio
>>>>>Torneio pré-olímpico: Portugal com fumos negros e minuto de silêncio por Quintana – (ojogo-pt)
>>>>>«É muito difícil estar aqui sem o Quintana», diz guardião da Seleção de andebol – March 12, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Parlamento unânime no pesar pela morte de Alfredo Quintana – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Selecionador de andebol: «Pouco a pouco, todos estão a encontrar o caminho a seguir» – (ojogo-pt)
>>>>>Torneio pré-olímpico: Portugal vence Tunísia no primeiro jogo sem Quintana – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Alfredo Quintana 60 70 PERSON 8 Quintana: 1, Alfredo_Quintana: 2, (tacit) ele/ela (referent: Alfredo_Quintana): 4, (tacit) ele (referent: Alfredo_Quintana): 1
2 eu 180 0 NONE 6 (tacit) eu: 5, me: 1
3 a França 340 0 PLACE 5 a França: 2, A França: 2, França: 1
4 Portugal 64 0 PLACE 5 Portugal: 5
5 Gustavo Capdeville 0 130 PERSON 4 (tacit) ele/ela (referent: Gustavo_Capdeville): 1, Capdeville: 1, Gustavo_Capdeville: 2
6 FPF 20 80 ORGANIZATION 4 (tacit) ele/ela (referent: A FPF): 3, A FPF: 1
7 equipa 160 0 NONE 4 a equipa forte: 1, a equipa portuguesa: 1, equipa africana: 1, A equipa: 1
8 Seleção Nacional 0 0 PERSON 4 (tacit) ele/ela (referent: Seleção_Nacional): 3, Seleção_Nacional: 1
9 a Croácia 0 0 PLACE 4 (tacit) ele/ela (referent: a Croácia): 1, a Croácia: 2, Croácia: 1
10 o FC_Porto 0 0 PLACE 4 o FC_Porto: 4