Por: SentiLecto

Luis Díaz e Evanilson carimbaram a vitória azul e branco no Dragão.O FC Porto venceu o Rio Ave 2-0, em jogo da 16.ª jornada da I Liga, o que lhe permite pressionar o líder Sporting e realçar-se do Benfica, equipas que se defrontam ainda esta segunda-feira.Um golo do colombiano Luis Díaz a fechar a primeira parte e outro do brasileiro Evanilson permitiram aos dragões uma vitória tranquila diante do Rio Ave, que estreou o técnico Miguel Cardoso, de retorno aos vila-condenses.Enquanto o Rio Ave é 12, com este triunfo, FC Porto consolida o segundo posto, com 38 pontos, somente menos um do que o líder Sporting, que recebe o Benfica, terceiro classificado, a cinco pontos dos azuis e brancos.º, com 15.

Novo técnico do Rio Ave orientará a equipa vila-condense pela primeira vez esta época, após trocar, recentemente, Pedro Cunha no comando.Miguel Cardoso garantiu, este domingo, que a equipa vila-condense não encara «como um jogo de preparação» o duelo da próxima segunda-feira, frente ao FC Porto, relativo na 16. Miguel Cardoso é novo treinador do Rio Ave. ronda da I Liga.O técnico, que assumiu o comando dos vila-condenses há dois dias, reconheceu que vai ser uma estreia «num contexto difícil», mas vincou que «não há tempo para queixumes, mas sim para trabalho, pretensão e dedicação».»Não vai ser um jogo de preparação ou de treino. Competiremos ao mais alto nível, mas sabendo que este é o primeiro ponto de um percurso que devemo percorrer e que tem bastante mais pela frente», declarou Miguel Cardoso.Questionado sobre se o intenso ciclo de jogos que o FC Porto cruza poderá dar algum benefício ao Rio Ave nesta partida, o técnico do conjunto vila-condense desvalorizou e preferiu colocar o foco no que a sua equipa deve fazer.»A administração dos momentos de uma equipa influi o seu rendimento, mas estive no FC Porto muitos anos, conheço o Sérgio Conceição, e não me parece que estejam inquietados com isso. O nosso foco está no que podemos fazer, não temos tempo para nos inquietar com o que pode ocorrer com o oponente», garantiu.Quando levou a equipa ao quinto lugar do campeonato, miguel Cardoso, que não escondeu «as boas sensações» de retornar ao Rio Ave, depois de uma primeira passagem em 2017/18 reconheceu que «não há tempo para adaptações».»É fundamental perceber que o que interessa é o presente. O que está para trás declara-me bastante pouco. É quase como um campeonato que está a iniciar. Estamos bastante a tempo de fazer o nosso percurso, com foco e tranquilidade. Os desportistas serão persuadidos pela credibilidade do trabalho, e é isso que espero no dia à dia, com dedicação, para galgarmos etapas», analisou o treinador do Rio Ave.Miguel Cardoso considerou que os seus jogadores «têm habilidade para dar bastante mais» e garantiu que vai ser «exigente» para retirar maior rendimento do grupo, não se mostrando inquietado com os reforços que poderão chegar entretanto ao clube.»Os melhores reforços deste ano já estão aqui dentro. Pelo que vi até agora, estes jogadores estão bastante aquém do que podem fazer, e têm de se atirar a essa tarefa. Claro que qualquer treinador gostaria de melhorar os recursos que tem à sua disposição, e se ficarmos melhor, se o vai perfazer, mas a minha maior atenção é aperfeiçoar o que temos», vincou.Para este jogo, Miguel Cardoso ainda não pode contar com os lesionados Junio Rocha, Jambor, André Pereira e Leandro, e ainda tem em dúvida Pelé, Carlos Mané e Nélson Monte, a recuperar de problemas físicos.O Rio Ave, 12.º classificado com 15 pontos, desloca-se esta segunda-feira ao reduto do FC Porto, segundo com 35, numa partida agendada para as 19:00, que vai ter arbitragem de Nuno Almeida, da Associação de Futebol do Algarve.No retorno ao símbolo vila-condense, o técnico alegou que «o atual momento não cumpre»O Rio Ave anunciou a contratação do treinador Miguel Cardoso, que retorna ao clube vila-condense três épocas depois.O técnico, de 48 anos, que estava atualmente sem clube, assinou um contrato válido por época e meia, e assume a posição que era ocupado de maneira interina por Pedro Cunha, que, com a saída de Mário Silva, comandou a equipa em cinco jogos.Miguel Cardoso, que esta tarde já governou o primeiro treino no estádio dos Arcos, preparando o jogo de segunda-feira com o FC Porto, retorna ao clube depois de, em 2017/18, ter levado a equipa vila-condense ao quinto lugar do campeonato.Nas últimas épocas, o treinador teve experiências nos franceses do Nantes, no espanhóis do Celta de Vigo e, mais recentemente, nos gros do AEK.Miguel Cardoso dividiu o «entusiasmo e satisfação» por retornar a um clube no qual declarou ter sido «bastante contente, com momentos marcantes a nível esportivo e pessoal» e assinalou que o facto de «conhecer bem o Rio Ave, assim como vários jogadores, vai auxiliar a uma adaptação ainda mais rápida».»Neste momento, é fundamental sabermos os percursos que devemo percorrer a curto prazo. O Rio Ave deve ser uma equipa ambiciosa, que projete êxito e que tenha habilidade de fazer melhor. Com organização e uma atitude forte, ganharemos mais vezes. O atual momento não cumpre ninguém, mas não podemos olhar para o passado», declarou o treinador.Miguel Cardoso adicionou que depois de «uma paragem longa, mas selecionada», só um desafio do nível do Rio Ave o cativou a retornar aos bancos, perspetivando um «trabalho árduo, mas belo» neste retorno ao estádio dos Arcos.Já António Silva Campos, que enalteceu «o empenho, dedicação e trabalho» do treinador interino Pedro Cunha, confessou que, depois da derrota da última jornada, frente ao Santa Clara, a direção do clube «fez uma grande reflexão e decidiu arriscar mais um pouco».»Temos bons jogadores, mas precisamos de uma boa equipa. Esperamos que isso ocorra com o Miguel Cardoso, um técnico que conhece bem o Rio Ave e assim como muitos dos desportistas, que já mostrou proficiência num passado recente, onde conseguimos uma boa prestação que se enquadra com os nossos objetivos», declarou o dirigente.O Rio Ave ocupa, atualmente, o 10.º lugar do campeonato, com 15 pontos, mas, nas últimas nove jornadas da Liga, conseguiu somente um triunfo.Defesa Sávio e progredido Maurides deverão ser confirmados como jogadores do Rio Ave.O lateral-esquerdo Sávio será reforço do Rio Ave, custando cerca de 380 mil euros e assinando um contrato válido por quatro temporadas, segundo progride o jornalismo de Brasil.O defesa, de 25 anos, acabou de auxiliar o América Mineiro a retornar à Série A do campeonato brasileiro, mas o seu passe pertence ao Ferroviária, clube onde se formou e com quem os vila-condenses negociaram. A confirmar-se este negócio, o plantel do Rio Ave passa a ter três soluções para o lado esquerdo da defesa, contando com Sávio, Fábio Coentrão e Pedro Amaral.Em relação ao ponta de lança desejado, ganha força a chance de Maurides ser contratado. O avançado de Brasilde Brasil, de 26 anos, que está livre depois de ter anulado com os coreanos do Anyang, já encarnou em Portugal Arouca e Belenenses.À margem do mercado, e depois de ter trocado Pedro Cunha, o técnico Miguel Cardoso prepara-se para a estreia no comando dos vila-condenses, frente ao FC Porto, agendada para segunda-feira, no Estádio do Dragão.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Portugal

Cities: Porto

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>FC Porto vence Rio Ave e amarga estreia de Miguel Cardoso
>>>>>Miguel Cardoso e a estreia com o FC Porto: «Jogo não será de preparação…» – January 31, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Miguel Cardoso regressa à I Liga pela porta de um clube que bem conhece – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Mudança em Vila do Conde: Rio Ave confirma Miguel Cardoso como treinador – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Mercado em Vila do Conde: dois reforços iminentes para Miguel Cardoso – (ojogo-pt)
>>>>>Miguel Cardoso: «Vamos ganhar mais vezes» – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Miguel Cardoso 360 0 PERSON 20 o (referent: Miguel_Cardoso): 1, o técnico Miguel_Cardoso: 2, Miguel_Cardoso (apposition: novo treinador de o Rio_Ave): 1, (tacit) ele/ela (referent: Miguel_Cardoso): 7, Miguel_Cardoso: 8, o treinador Miguel_Cardoso: 1
2 nós 310 0 NONE 16 (tacit) nós: 16
3 O Rio_Ave 80 0 PLACE 12 O Rio_Ave: 3, Rio_Ave: 2, o Rio_Ave: 5, (tacit) ele/ela (referent: O Rio_Ave 12): 1, O Rio_Ave 12: 1
4 eu 100 0 NONE 9 (tacit) eu: 7, me: 2
5 o FC_Porto 155 0 PLACE 7 FC_Porto: 1, o FC_Porto: 4, O FC_Porto: 1, (tacit) ele/ela (referent: O FC_Porto): 1
6 equipa 80 0 NONE 5 sua equipa: 1, uma equipa ambiciosa: 1, uma boa equipa: 1, a equipa: 2
7 jogadores 80 0 NONE 5 seus jogadores: 1, bons jogadores: 1, vários jogadores: 1, estes jogadores: 2
8 clube 0 0 NONE 5 um clube: 1, clube: 2, o clube: 2
9 técnico 0 0 NONE 5 O técnico: 2, um técnico: 2, o técnico: 1
10 vila-condense 0 0 ORGANIZATION 4 o emblema vila-condense: 1, a equipa vila-condense: 2, o clube vila-condense: 1