Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Senate budget committee

Expilcou a ministra encarregada do acontecimento, Seiko Hashimoto.O Governo de Japon deseja mobilizar 10 mil médicos e enfermeiros para os Jogos Olímpicos, no verão, em Tóquio, apesar de o sistema de saúde nipónico estar já saturado devido à covid-19.»Estamos a tentar obter o pessoal médico necessário, cerca de dez mil pessoas, pedindo aos médicos e aos enfermeiros para trabalharem, cada um, cerca de cinco dias durante o período dos Jogos», de 23 de julho a 8 de agosto, afirmou a ministra encarregada do evento, Seiko Hashimoto, perante o parlamento.Relativamente poupado, até aqui, pela pandemia, o Japão registou cerca de cinco mil mortos devido à covid-19, mas se os Jogos Olímpicos agravarem o número de infeções, os médicos já informaram que o sistema de saúde corre o risco de se «afundar».Desde o começo do mês que Tóquio e 10 outras regiões estão em estado de emergência para responder a um forte recrudescimento dos contágios no país.Perante estes receios, a oposição no parlamento criticou hoje os planos inalterados do Governo de Yoshihide Suga.A organização continua a discuti a questão das infraestruturas médicas necessárias e a maneira de «tratar as infeções de covid-19» durante o acontecimento, adicionou Hashimoto.O agravamento da pandemia em todo o mundo, incluindo no Japão, reavivou as dúvidas sobre a realização de Tóquio2020, já adiados no ano passado devido à covid-19.Várias sondagens recentes mostraram uma queda no suporte à rexecuçãode Tóquio2020 na opinião pública jde JaponNa semana passada, Toshio Nakagawa informou que, nas atuais circunstâncias, seria inimaginável admitir em clínicas espetadores estrangeiros infetados. Toshio Nakagawa é o presidente da Associação Médica do Japão.Cerca de 11 mil atletas de todo o mundo devem participar nos Jogos Olímpicos, mas culpados olímpicos consideraram recentemente a chance de realizar o acontecimento sem espetadores.Os comités olímpicos norte-americano, canadiano e australiano disseram já que iam continuar a preparar os desportistas para Tóquio2020.O Comité Olímpico Internacional aconselha oficialmente a vacinação anticovid-19, mas não a pode impor.

Florida sugere receber a competição se Japão abdicar.Se Tóquio desistir de coordenar o acontecimento, o culpado das Finanças na Florida escreveu ao Comité Olímpico Internacional para declarar que o estado está pronto a receber os Jogos Olímpicos.Numa carta conduzida ao patrão do COI, Thomas Bach, Jimmy Patronis encorajou-o «a considerar a transferência dos Jogos Olímpicos 2020 em Tóquio, no Japão, para os Estados Unidos, mais precisamente para a Florida», de acordo com a missiva de Patronis divulgada online.»Os meios de comunicação social noticiaram que os dirigentes japoneses tinham deduzido em privado que devido à pandemia, os Jogos Olímpicos 2021 não podiam realizar-se [em Tóquio]. Ainda há tempo para mandar uma equipa» do COI para a Florida «para reuniões com os culpados locais sobre a execução dos Jogos no ‘Sunshine State'», adicionou.Na carta, Patronis elogiou os esforços de vacinação naquele estado, a reabertura económica, os acontecimentos esportivos que recebeu durante a pandemia da covid-19, tal o campeonato de basquete da NBA, bem como os parques temáticos, como o Disney World, estarem abertos a companhias.Até ao momento, a Florida contabilizou mais de 25 mil mortos devido à covid-19, numa altura em que o número de óbitos nos Estados Unidos se aproxima dos 420 mil.»Independentemente das medidas de cautela necessárias, é preciso encontrar uma solução e pô-la em prática», adiantou.Na passada sexta-feira, Yoshihide Suga afastou os boatinhos de que o Governo de Nipani teria abdicado secretamente a realizar Tóquio2020. Yoshihide Suga é o primeiro-ministro de Japon.Suga, numa sessão parlamentar disse: «Estou determinado» em realizar Jogos Olímpicos «seguros» em Tóquio, num sinal da «triunfo da humanidade sobre o novo coronavírus».Faz 5 meses, inicialmente Tóquio2020 acabou por ser protelado para o verão de este ano entre 23 de julho e 8 de agosto,, devido em a pandemia.

Comitê ou comité é um grupo de pessoas realçadas de um grupo maior, em geral com poderes deliberativos ou executivos, ou seja, com força para tomar resoluções em nome dos demais.

Jogos Olímpicos são um acontecimento multiesportivo mundial com modalidades de verão e de inverno, em que milhares de desportistas participam de várias competições.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Governo de Japon deseja 10 mil médicos e enfermeiros nos Jogos Olímpicos
>>>>>Jogos Olímpicos: já há quem se apresente como alternativa a Tóquio – January 26, 2021 (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Tóquio 0 0 PLACE 5 (tacit) ele/ela (referent: Tóquio): 1, Tóquio: 4
2 a Florida 0 0 PLACE 5 (tacit) ele/ela (referent: a Florida): 2, Florida: 1, a Florida: 2
3 pandemia 0 200 NONE 4 a pandemia: 4
4 eu 0 14 NONE 4 (tacit) eu: 4
5 Comité 20 0 PERSON 4 O Comité_Olímpico_Internacional: 1, (tacit) ele/ela (referent: O Comité_Olímpico_Internacional): 2, o Comité_Olímpico_Internacional: 1
6 Comitê ou comité 0 0 ORGANIZATION 3 (tacit) eles/elas (referent: Comitê ou comité): 2, Comitê ou comité: 1
7 Jogos Olímpicos 0 0 ORGANIZATION 3 os Jogos_Olímpicos: 3
8 O Governo japonês 3 70 PERSON 2 o Governo nipónico: 1, O Governo japonês: 1
9 o Japão 50 0 PLACE 2 o Japão: 1, Japão: 1
10 Patronis 0 0 PERSON 2 Patronis: 1, (tacit) ele/ela (referent: Patronis): 1