Por: SentiLecto

>> Quando ia, um telefonema de Aurélio Pereira mudou a vida de Iuri Medeiros a percurso da LuzComo é que um jogador do Faial consegue chegar na primeira linha do futebol de Portugal?-Eu jogava no campeonato do Faial, só entre equipas da ilha Um jogador do Faial é um lugar em que não há muitas condições para a modalidade. e numa altura o Benfica, que desejou que eu fosse às captações, com 80 jogadores, foi lá disputar um torneio. A minha equipa perdeu 14-1, mas fui eu que marquei esse golo e, por sinal, foi acrobático. Eu não tinha dinheiro e o meu irmão auxiliou-me a ir a Lisboa. Passei por todas as etapas do processo de seleção. Aceitei então ficar no Benfica, mesmo não sendo o meu clube do coração, que é o Sporting. Tinha nove anos. Só que depois, já ia a percurso do Benfica, ligou-me o senhor Aurélio Pereira, do Sporting, a declarar que desejava ver-me num torneio. Arrisquei, fui o melhor jogador e o melhor marcador desse torneio e fiquei no Sporting até aos 22 anos.E como foi a adaptação ao Braga e à cidade? -Foi bastante fácil. Conhecia muitos jogadores, o Esgaio, o Ricardo e o André Horta. É uma cidade tranquila, boa para viver.»Nas férias passei mais tempo a recuperar com o Moura do que com a minha mulher»Quem é o mais bem-disposto do plantel? -Dou-me bastante bem com o Abel, com o Moura, mas eu é que sou o mais brincalhão; gosto de esconder algumas coisas no balneário. O Moura é com quem brinco mais. Passámos as férias juntos a recuperar das lesões, até passei mais tempo com ele do que com a minha mulher.

A AJM/FC Porto segue só com triunfos no campeonato.A formação da AJM/FC Porto teve um fim de semana 100 por cento vitorioso, tendo recebido a vencido Benfica e Sporting no sábado e domingo, respetivamente.A equipa de Portugal, atual campeã nacional, não cedeu qualquer set frente nos dois clássicos do nacional de feminino, tendo ganho sempre por 3-0.A AJM/FC Porto segue assim só com triunfos no campeonato.

Na quinta-feira 07 de outubro Declarações de João Mário, médio da Seleção Nacional, em conferência de Imprensa na Cidade do Futebol, esta quinta-feira.Maior espaço no Benfica determinante: «Não declararia que tenha sido por isso [que retornei à Seleção]. era como declarou, muitas vezes era o momento, a forma como as equipas jogavam e mais alguma coisa. Não penso bastante nisso, sinceramente. Tento desfrutar o momento. estava contente pelo momento que estava a viver no Benfica. Mas, a partir do momento em que estava aqui, tentava pensar somente na Seleção e deixar os clubes de parte. era isso que tinha que focar. Pensar no nós e não no eu. Não serei diferente em falar sobre Benfica ou Sporting. Para mim, não era meu pensamento neste momento.»Onde sentia-me mais confortável: » era diferente, no clube trabalhávamo todos os dias, há muita rotina. No Benfica, temos rotina, mas muitas vezes variávamo. As vezes jogávamo com uma defesa a 3, a 4, a 5… Mas sentia-me mais confortável a jogar no meio, independentemente de com dois ou três jogadores no meio-campo. Aqui na seleção já joguei praticamente todos os jogadores, com Matheus [Nunes], William, Palhinha… Não era novidade para mim, portanto, estaria preparado para aquilo que o míster selecionar, não tenho preferência a não ser jogar como médio centro.»Comparação com o João Mário do Euro’2016: «Era bastante novo no campeonato da Europa. sentíei, na altura, apesar de termos sido campeões, obstáculo a nível físico, de pré-requisito que aquele jogo tinha. E em dia sentia-me um jogador bastante mais inteiro, bastante mais maduro, fruto da experiência no estrangeiro em vários campeonatos. Fui aumentando e sentia-me mais inteiro, com entendimento maior do jogo e habilidade física maior também. Joguei a Liga dos Campeões, na Seleção… E mau seria se com o passar de alguns anos não fosse assim.»Evolução no Benfica: «Não declarava que tenha sido isso que me fez voltar à Seleção. era grato ao Benfica e ao treinador [Jorge Jesus] pela maneira como me recebeu e me auxiliou. Não sabia se foi só por isso que voltei, ajustei-me rápido, conhecia bem as ideias dele e identificava-me com as ideias dele, talvez por isso tenha este rendimento.»

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Portugal

Cities: Lisbon, Braga

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Iuri Medeiros lembra telefonema de Aurélio Pereira: «Ia a percurso do Benfica»
>>>>>AJM/FC Porto vence Benfica e Sporting no fim de semana – October 17, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Sporting tira Barcelos do segundo lugar – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>FC Porto derrotado pelo Veszprém na Liga dos Campeões – October 14, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>À atenção do FC Porto: guarda-redes do Milan operado ao pulso esquerdo – October 12, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Contas do FC Porto: Liga dos Campeões «compensou» quebra abrupta de bilheteira – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Treinador do Sintrense e o jogo com o FC Porto: «rigor» e «emoção à flor da pele» – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>DIRETO | Acompanhe aqui o FC Porto-Telekom Veszprém – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Momir Ilic, treinador do Veszprén: «»Tenho um grande respeito pelo FC Porto» – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 670 38 NONE 53 Eu: 2, eu: 5, mim: 2, me: 13, (tacit) eu: 31
2 Benfica 0 0 ORGANIZATION 11 (tacit) ele/ela (referent: o Benfica): 7, o Benfica: 4
3 era 0 0 NONE 5 era novidade: 1, Era muito novo: 1, era: 2, era diferente: 1
4 nós 0 0 NONE 5 (tacit) nós: 5
5 O Moura 0 0 PLACE 4 ele (referent: O Moura): 1, O Moura: 2, o Moura: 1
6 Sporting 0 0 ORGANIZATION 3 o Sporting: 3
7 jogadores 0 0 NONE 3 80 jogadores: 1, todos os jogadores: 1, três jogadores: 1
8 cidade 185 0 NONE 2 a cidade: 1, uma cidade tranquila boa: 1
9 A AJM-FC_Porto 150 0 PLACE 2 A AJM-FC_Porto: 2
10 vitórias 150 0 NONE 2 vitórias: 2