Por: SentiLecto

Português declarou a O JOGO que se sentiu mais próximo do seu nível habitual, mas não conseguiu aproveitar cinco match pointsJoão Sousa viveu ontem, na primeira ronda do ATP250 de Cagliari, um dos momentos mais cruéis da carreira. Depois de vencer o primeiro set frente a Jan-Lennard Struff, cedeu o seguinte pelo mesmo parcial e no decisivo esteve cinco vezes a um ponto da 200.ª triunfo num encontro ao mais alto nível.Sempre com serviço em defesa do alemão, os três primeiros match points ocorreram a 5-3 e os dois últimos a 5-4, levando o vimaranense a descrever a O JOGO: «Ter tantos match points e não conseguir fechar o encontro cria uma situação bastante difícil de digerir. Talvez me tenha faltado maior agressividade nesses pontos e, também por causa de uma certa tensão, padeci uma ‘mala pasada’ [traído pelos nervos], como declaram os espanhóis».Apesar do desaire, o 107.º jogador global começa a viver afeições mais positivas no court, revelando: «Durante quase todo o encontro tive uma boa atitude e consegui jogar a um bom nível, já bem mais perto daquele que desejo e a que estou habituado, mas as coisas não caíram para o meu lado».»É difícil aceitar…», desabafou ainda Sousa, pouco depois do quinto encontro da carreira no ATP Tour em que perdeu após beneficiar de match points.

Vimaranense, atual 107.º no ranking global, foi batido por Jan-Lennard Struff, 41.º da hierarquia mundialm depois dos parciais 6-1, 1-6 e 7-5O tenista de Portugal João Sousa perdeu hoje frente ao alemão Jan-Lennard Struff, em três «sets, e suprimiu-se torneio ATP em a primeira ronda de o Open da Sardenha, 250, que decorre até 11 de abril, em Cagliari.O vimaranense, que figura no 107.º lugar no «ranking» ATP, não conseguiu contrariar o teórico favoritismo do germânico, 41.º colocado na mesma hierarquia, e cedeu a vitória com os parciais de 6-1, 1-6 e 7-5, ao cabo de duas horas e sete minutos.Depois de ter chegado a um benefício confortável no marcador no terceiro parcial, João Sousa não foi capaz de aproveitar nenhum dos cinco «match points» que dispôs e acabou por entregar a qualificação para a segunda ronda a Struff, que só confirmou a vitória ao quinto ponto de encontro.Consumada derrota do número um português defrontará agora no próximo período da prova o ganhador do encontro entre dois «qualifiers», o suíço Marc-Andrea Huesler e o britânico Liam Broady. Um português é o alemão, quinto cabeça de série.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>João Sousa explicou derrota cruel: «Padeci uma ‘mala pasada’, como declaram os espanhóis»
>>>>>João Sousa caiu na primeira ronda na Sardenha – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 80 106 NONE 8 (tacit) eu: 7, me: 1
2 João Sousa 0 135 PERSON 7 (tacit) ele/ela (referent: João_Sousa): 1, (tacit) ele/ela (referent: Sousa): 2, Sousa: 2, João_Sousa: 2
3 ATP 0 0 ORGANIZATION 3 torneio ATP: 1, ATP: 1, (tacit) ele/ela (referent: torneio ATP): 1
4 vimaranense 0 0 NONE 3 O vimaranense: 2, o vimaranense: 1
5 triunfo 195 25 NONE 2 o triunfo: 2
6 nível 80 0 NONE 2 um bom nível: 1, seu nível habitual: 1
7 ATP Tour 0 0 ORGANIZATION 2 o ATP_Tour: 2
8 Jan-Lennard Struff 0 0 PERSON 2 Jan-Lennard_Struff: 1, o alemão Jan-Lennard_Struff: 1
9 O JOGO 0 0 ORGANIZATION 2 a O_JOGO: 2
10 match 0 0 NONE 2 cinco match pointsJoão: 1, cinco match points: 1