Por: SentiLecto

John Textor, que deseja investir no Benfica, alega que deseja investir em Portugal – mesmo que não seja no Benfica – e que só deseja fechar negócio com a SAD encarnada se o «‘board’ não estiver completamente alinhado» com a visão do empresário. , mas pretende conservar-se em Portugal, se não o conseguir fazer. Numa entrevista à Bloomberg, o norte-americano explicou que espera que as negociações com as águias cheguem a bom-porto.»Tem sido um longo namoro para ver se poderá redundar e espero que sim. Mas não desejo entrar no capital do clube se o ‘board’ [dirigentes da SAD/direção] não estiver completamente alinhado com a nossa visão para fortalecer o Benfica», afiançou aquela agência.John Textor vai continuar «empenhado» em negociar em Portugal, se não houver um acordo para o investimento na SAD dos encarnados. «Se não for o Benfica, estou empenhado em investir em Portugal», referiu o empresário que está lá ligado ao Botafogo, no Brasil, ao Crystal Palace, em Inglaterra, e ao RWD Molenbeek, da Bélgica.Lembre…John Textor e José António dos Santos estão a renegociar o acordo estabelecido há quase um ano para a compra de 25 por cento do capital social da SAD encarnada.Em comunicado mandado esta quinta-feira à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários , a sociedade benfiquista eelucidater recebido da parte de José António dos Santos, conhecido como o «Rei dos Frangos» devido à sua participação no Grupo Valouro, a informação sobre as «negociações que ainda decorrem» entre o empresário português e o investidor norte-americano no sentido de reformular o acordo pranteriormentestabelecido, fixando agora o valor a adcompraror parte de John Textor em 16 por cento do capital social, isto também na sequência da «redeterminaçãomigável» do contrato estabelecido por José António dos Santos com a Quinta dos Jugais, para a compra de 2% dos títulos da SAD, e do facto de o acordo estabelecido com José Guilherme, detentor de 3,73% da SAD, ter caducado.A SAD benfiquista revela que as duas partes «aceitaram um princípio de acordo no sentido de colocarem termo a um dos contratos», que encarna um total de 2.070.000 ações ordinárias da SAD encarnada, relativas a 9 por cento da sociedade benfiquista.De seguida, o regulador do mercado é ainda informado que «John C. Textor conserva interesse na finalização do negócio que respeita à transmissão de um total de 3.680.000 ações ordinárias, escriturais e nominativas, representativas de 16% do capital social da Benfica SAD», razão pela qual o empresário norte-americano e José António dos Santos mconservam»negociações em vista a alcançarem um acordo nesse sentido».

Declarações do presidente do Benfica prestadas à BTV, canal do clube lde Lisboa em entrevista acerca da atualidade encarnada, feita três meses após ter sido eleito.Possibilidade de John Textor investir no Benfica: «Vai ser dos benfiquistas, enquanto eu aqui estiver o Benfica e não vai perder maioria do capital da SAD. Temos tido conversas com o Textor, ainda esta semana os dois vice-presidentes tiveram mais uma reunião, temos tentado ver se é oportuno ou não. Não fazemos nada de maneira leviana. Estamos a analisar até onde Textor possa ser oportuno para o Benfica. Textor não está a adquiri ações ao Benfica, mas temos entendimento que qualquer investidor possa aportar valor ao Benfica.é um processo em análise. Ainda não há nada definido. Posso garantir aos nossos sócios que podemos debater este assunto com vários. Vai ser dos benfiquistas, enquanto eu aqui estiver o Benfica e não vai perder maioria do capital da SAD.»Investidor oriundo dos Estados Unidos da América vai ter ficado em posse, segundo a Imprensa do país, de 80% das ações do RWD MolenbeekO périplo de John Textor a investir em clubes de futebol prossegue. O empresário de Noruegade Noruega, que recentemente teve rubricado o contrato de compra-venda de 90% da SAF do Botafogo, tornou-se, agora, acionista maioritário do RWD Molenbeek, clube que milita na segunda divisão da Bélgica.O presidente Thierry Dailly, numa declaração mencionada na oficialização do negócio declarou: «Estamos bastante ansiosos para trabalhar com o Sr. Textor, que tem uma grande paixão pelo futebol, pelo desenvolvimento de jovens habilidades e pelas camadas jovens do RWDM».Os culpados do símbolo de Belgica, contudo, optaram por não detalhar a quantia despendida pelo milionário. Segundo a Imprensa do país, o investidor de Noruega ficou em posse de 80% das ações do clube. Os restantes 20 ficam, por sua vez, em posse de Thierry Dailly.Faz 8 anos, empresários fundaram, por um grupo de empresários, e aposta sobretudo na formação de jogadores, tendo como que produzido os reconhecidos futebolistas Adnan Janujaz e Michy Batshuay, internacionais pela Bélgica.Faz 8 anos, empresários fundaram, por um grupo de empresários, e aposta sobretudo na formação de jogadores, tendo como que produzido os reconhecidos futebolistas Adnan Janujaz e Michy Batshuay, internacionais pela Bélgica.Este é, de resto, o terceiro clube em que John Textor investe. Até agora, o empresário comprara ações do Botafogo e do Crystal Palace .Declarações do presidente do Benfica prestadas à BTV, canal do clube lde Lisboa em entrevista acerca da atualidade encarnada, feita três meses após ter sido eleito.Auditoria forense à SAD: «A auditoria foi feita pela Ernest and Young. Faz 1 mês, exibiu nos os resultados, a mim, a o vice-presidente de a área jurídica e a advogados a 22 dezembro [ ]. A primeira foi feita a reboque do que foi feito pelo Ministério Público. Iniciámo nos primeiros três contratos que o Ministério Público levou para o inquérito. Se danificou o Benfica em esses três contratos, nada foi achado nem mostrou que [ em determinadas negócios de futebolistas ].»Constituir assistente no processo Operação Cartão Vermelho: «Se o decidiu por os nossos advogados que o Benfica não se iria constituir assistente porque não justificava para já tomada de posição, reservando para futura posição caso se venha a justificar. Percebo a situação porque prometi aos adeptos que seriam tal como me prometeram, entregue em outubro. Que isso foi entregue, não seria lógico da nossa parte quebrar o segredo de justiça, mesmo que desejássemos fazer alguma coisa no momento em. Os advogados sugeriram, juntamente com a companhia, era estender esta auditoria aos restantes contratos que o MP e a JP tinha em sua posse, ou seja, aos 55 contratos. Se houvesse alguma intenção de esconder, tinha-me ficado naqueles três contratos e deixar o processo como ele estava. Desejámo levar tudo até ao fim. E no final analisaremos em que ponto está a situação. Se pelo meio considerarmos que teremos que ser assistentes do processo assim o vamo ser. Alargámos a auditoria a todos os 55 contratos que o MP tem em mãos. Vou ser implacável neste processo, não deixando dúvidas a ninguém.»

Na terça-feira 28 de dezembro comunicado mandado à CMVM.O Benfica formalizou a saída de Jorge Jesus do comando técnico através de um comunicado mandado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários . Ainda que Nélson Veríssimo irá orientar a equipa até final da temporada, no documento, A SAD encarnada anunciava.A estreia do até aqui treinador da equipa B, nesta que seria a segunda passagem pela formação principal, depois da saída de Lage em 2019/20, estava marcada para quinta-feira, no Dragão, para o clássico da ronda 16 do campeonato, que tem começo às 21h00.Leia o comunicado mandado à CMVM:»A Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD informa, nos termos e para o econseqüênciado disposto no artigo 248.º-A do Código dos Valores Mobiliários, que chegou a acordo com o treinador Jorge Fernando Pinheiro de Jesus para a rescisão do contrato de trabalho esportivo com conseqüência imediatos. Mais se informava que o treinador Nélson Alexandre da Silva Veríssimo assumia, até ao final da presente temporada, as funções de treinador da equipa principal de futebol. Sport Lisboa e Benfica – Futebol, SAD.»

John Charles Textor é um executivo de America ligado ao ramo de tecnologia, cinema e dos esportes.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United Kingdom, Portugal, Brazil, Belgium

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>John Textor: «Se não for o Benfica, estou empenhado em investir em Portugal»
>>>>>«Esta semana, dois vice-presidentes tiveram nova reunião com Textor» – January 12, 2022 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>John Textor fala em parcerias entre Botafogo e outros clubes e menciona Benfica – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>EM DIRETO | Acompanhe a entrevista de Rui Costa – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Rui Costa e a auditoria à SAD do Benfica: «Alargámos aos 55 contratos que o MP tem. Serei implacável» – (ojogo-pt)
>>>>>John Textor adquire a maioria das ações de clube secundário belga – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 123 25 NONE 26 (tacit) eu: 21, eu: 2, mim: 1, me: 2
2 nós 40 15 NONE 16 nos: 1, (tacit) nós: 15
3 Benfica 0 0 ORGANIZATION 12 (tacit) ele/ela (referent: o Benfica): 1, O Benfica: 1, o Benfica: 10
4 John Charles Textor 130 0 PERSON 11 (tacit) ele/ela (referent: John_Textor): 3, John_Textor: 4, John_Charles_Textor: 1, Textor: 1, o Sr._Textor: 1, o (referent: John_Textor): 1
5 contratos 0 0 NONE 11 esses três contratos: 1, três contratos: 2, os restantes contratos: 2, os 55 contratos: 1, contratos: 2, os contratos: 2, aqueles três contratos: 1
6 RWD Molenbeek 0 0 ORGANIZATION 5 o RWD_Molenbeek: 1, O RWD_Molenbeek: 2, (tacit) ele/ela (referent: O RWD_Molenbeek): 2
7 SAD 0 0 ORGANIZATION 5 a SAD encarnada: 2, SAD: 1, a SAD de os encarnados: 1, A SAD benfiquista: 1
8 empresário 0 0 NONE 5 O empresário norte-americano: 2, o empresário: 3
9 clube 0 0 NONE 4 clube: 2, o terceiro clube: 2
10 comunicado 0 0 NONE 4 o comunicado enviado: 1, comunicado enviado: 2, um comunicado enviado: 1