Por: SentiLecto

Liga Portugal pede uniformidade aos Delegados de SaúdeA Liga Portugal, através de um comunicado publica esta sexta-feira, pede uniformidade aos Delegados de Saúde. «»Perante o aumento de isolamentos profiláticos a serem decretados pelos Delegados de Saúde local, devido a surtos de SARS-CoV 2, a Liga Portugal mostra a sua enorme preocupação pela dualidade de aplicação de critérios, quando, na verdade, a delicadeza da situação exige um elevado grau de uniformidade pelo país, tendo em conta a dispersão geográfica das equipas do Futebol Profissional», pode ler-se logo a abrir o texto publicado no site do organismo.»Num período ainda delicada, devemos todos ter consciência que resoluções destas, tomadas isoladamente e sem seguirem orientações gerais, podem comprometer todo o excelente trabalho desenvolvido pela Liga Portugal e pelos Clubes do Futebol Profissional com a Direção-Geral de Saúde e com o Ministério da Saúde, ao longo de todo o processo pandémico», adiciona a Liga, chamando a atenção para a luta «pela subsistência do Futebol Profissional», destacando que «se não existir sabedoria e coerência, corremos o risco de não concluirmo os campeonatos profissionais.»COMUNICADO»Perante o aumento de isolamentos profiláticos a serem decretados pelos Delegados de Saúde local, devido a surtos de SARS-CoV 2, a Liga Portugal mostra a sua enorme preocupação pela dualidade de aplicação de critérios, quando, na verdade, a delicadeza da situação exige um elevado grau de uniformidade pelo país, tendo em conta a dispersão geográfica das equipas do Futebol Profissional.Com a vacinação da dose de reforço, para quem tem mais de 18 anos e tomou a Janssen, – o que, no Futebol Profissional, está bastante perto dos 100% de inoculação – os plantéis do Futebol Profissional passam a ser abrangidos pelas novas regras emitidas pela Direção-Geral de Saúde, deixando de estar debaixo da regra 015/2020, emitida pela Direção-Geral de Saúde.Num período ainda delicada, devemos todos ter consciência que resoluções destas, tomadas isoladamente e sem seguirem orientações gerais, podem comprometer todo o excelente trabalho desenvolvido pela Liga Portugal e pelos Clubes do Futebol Profissional com a Direção-Geral de Saúde e com o Ministério da Saúde, ao longo de todo o processo pandémico. Mas, mais do que isso, temos de combater pela subsistência do Futebol Profissional e, corremos o risco, se não existir sabedoria e coerência de não concluirmo os campeonatos profissionais.O Futebol Profissional tem sido um exemplo a todos os níveis, não só na colaboração e elaboração de campanhas conjuntas com a DGS, satisfazendo o seu papel social no alerta das grandes massas, mas também no dever de responsabilidade para com o país, nomeadamente no que diz respeito aos cuidados, com mais de 22 mil testes efetuados até final de dezembro.»

Nquanto membro do conselho estratégico da Confederação Empresarial de Portugal , Pedro Proença participou, dirigente que lidera organismo que encarna o futebol profissional uniu-se à plateia de empresário «tendo em conta as iminentes amudançasdo poder político»E esta quarta-feira, num encontro em que António Costa, na qcaracterísticade secretário-geral do Partido Socialista, aexibiupropostas sobre concertação social e crescimento económico para o país.O também presidente da Liga Portugal, conforme contextualiza o organismo que gere o futebol profissional em comunicado, uniu-se à plateia de empresários «tendo em conta as iminentes amudançasdo poder político» em Portugal, dado que, a 30 de janeiro, vão realizar-se as próximas evotaçõeslegislativas.Ademais, Pedro Proença conduziu uma missiva aos líderes partidários candidatos ao futuro ato eleitoral para definir o novo governo na qual «reforçou a persistência em contribuir para a observação estratégica e definição de planos concretos de ação para uma indústria com peso pertinente na economia nacional».Faz 11 meses, a Liga Portugal anunciou anunciou esta quinta-feira que o Chaves-Varzim, de a 18ª jornada de a Liga SABSEG, disputará a 2 de fevereiro. E não a 16 de janeiro, como calculado. O deferimento deve-se ao surto de covid que afeta a equipa de Považská Bystrica.COMUNICADO»Na sequência da resolução do Sr. Delegado de Saúde do ACES Póvoa de Varzim-Vila do Conde, Dr. António Monteiro, que determinou a «suspensão dos jogos no fase de quarentena» pelo fase de «7 dias a partir do último caso/data de último contacto com equipa», o duelo entre GD Chaves e Varzim SC, referente à 18.Faz 11 meses, foi reagendado para o próximo dia 2 de fevereiro em horário a determinar, ª ronda de a Liga Portugal SABSEG anteriormente agendado para as 19H30 de domingo, 16 de janeiro. «Vai disputar-se partida de a ronda 18 de o campeonato em o dia 27 de janeiro.Faz 13 dias, a Liga que se protelou o encontro entre Estoril e Arouca, informou esta de a ronda 18 de a Liga Bwin, para o dia 27 de janeiro. Segundo o organismo, a resolução surge no «seguimento das mudanças regulamentares votadas pelos clubes, em Assembleia Geral Extraordinária, no passado dia 21 de dezembro, e que redundaram na atualização do Artigo 46.º – A do Regulamento das Competições, que teve com vista o reforço da integridade das competições.»Quando uma equipa não tiver, na referida reunião, os clubes aprovaram a mudança aa norma de forma a impossibilitar que um jogo tenha começo , pelo menos, 13 jogadores disponíveis, um deles guarda-redes. É o caso do Arouca, que tem somente 11 disponíveis. «A equipa de Arouca provou, comprovadamente, não ter 13 jogadores disponíveis , para o jogo, o que levou a Liga Portugal a protelar o referido encontro», refere a Liga.Faz 1 dia, o encontro estava, em as 20h30.Na sexta-feira 31 de dezembro «Depois de ter sido aberta a vacinação para a faixa etária dos 30 anos, para quem tomou a prévia ​​​​​​​dose única da vacina Janssen, a Liga Portugal advertiu os setores médicos para a necessidade de progredir com o reforço da inoculação dos jogadores e staff que estavam elegíveis», lia-se num comunicado.A Liga Portuguesa de Futebol Profissional advertiu os médicos das equipas das competições profissionais para a necessidade de reforço da vacinação, após uma reunião com os setores clínicos dos clubes.»Depois de ter sido aberta a vacinação para a faixa etária dos 30 anos, para quem tomou a anterior dose única da vacina Janssen, a Liga Portugal advertiu os setores médicos para a necessidade de progredir com o reforço da inoculação dos jogadores e staff que estavam elegíveis», lia-se num comunicado.Durante a reunião, a Liga e os médicos definiram a necessidade de «reforçar a bolha no interior dos clubes», erguendo ainda questões sobre a redução para sete dias da fase de isolamento profilático de quem estava positivo ou contactos de alto risco, desde que assintomáticos.»Esta era uma regra que a Direção-Geral da Saúde ainda não publicou ela , o que ergueu algumas questões juntos de os culpados clínicos de as Sociedades Desportivas», referia a nota da LFPF.De acordo com o organismo, a Liga e médicos voltavam a fazer novo ponto da situação na próxima semana.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Liga inquietada com «dualidade de aplicação de critérios» dos Delegados de Saúde
>>>>>Proença participa em encontro de empresários promovido por António Costa – January 12, 2022 (ojogo-pt)
>>>>>Chaves-Varzim reagendado para fevereiro – January 13, 2022 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Plantel do Varzim entra em isolamento profilático e jogo com o Farense é adiado – January 12, 2022 (ojogo-pt)
>>>>>Jogo entre Estoril e Arouca, da ronda 18, foi adiado e já tem nova data – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Liga Portugal 0 0 ORGANIZATION 8 a Liga_Portugal: 5, A Liga_Portugal: 1, (tacit) ele/ela (referent: A Liga_Portugal): 2
2 nós 80 50 NONE 7 (tacit) nós: 7
3 organismo 0 0 NONE 6 organismo: 2, o organismo: 4
4 Liga 80 25 ORGANIZATION 4 a Liga: 2, A Liga: 1, (tacit) ele/ela (referent: a Liga): 1
5 comunicado 0 0 NONE 4 um comunicado: 3, comunicado: 1
6 encontro 0 0 NONE 4 O encontro: 1, o encontro: 1, um encontro: 2
7 necessidade 80 120 NONE 3 a necessidade: 3
8 Direção-Geral de Saúde 0 0 ORGANIZATION 3 a Direção-Geral_de_Saúde: 3
9 Liga Portugal 0 0 PERSON 3 (tacit) ele/ela (referent: Liga_Portugal): 2, Liga_Portugal: 1
10 eu 0 0 NONE 3 (tacit) eu: 3