Por: SentiLecto

A de Portugal Auriol Dongmo conquistou a medalha de ouro do lançamento do peso nos Campeonatos da Europa de atletismo de pista coberta, que se estão a disputar em Torun, Polónia.Dongmo venceu na final com um lançamento de 19,34 metros, num concurso em que atirou sempre a mais de 19 metros, tirando o primeiro e o último, que foram nulos.A medalha de prata foi para a sueca Fanny Roos, com 19,29, e a de bronze para a alemã Christina Schwanitz, com 19,04.

São já três os portugueses que disputarão finais ainda esta sexta-feira.O de Portugal Francisco Belo foi esta sexta-feira o melhor na qualificação do lançamento do peso dos Europeus de atletismo torresona, em pista coberta, e disputará ao fim do dia a final da competição.Belo, que foi quarto posicionado em Glasgow, há dois anos, fez ao terceiro ensaio um recorde pessoal a 21,04 metros, sendo um dos dois desportistas a superar os 21,00 de apuramento direto, a par do polaco Michal Haratyk.Para a final, que se disputa ainda hoje, a partir das 19h25 , foi necessário repescar mais seis desportistas.Portugal vai ter assim envolvidos três desportistas nas finais do programa desta sexta-feira: Belo, Auriol Dongmo e Mariana Machado .Cátia Azevedo correu nas eliminatórias de 400 metros, sendo quinta na terceira série, com 53,28 segundos, a sua melhor marca da época, mas insuficiente para chegar às semifinais.A líder global do ano compete pelas 18h15, horas portuguesas, desta quinta-feiraAuriol Dongmo vai ser a primeira portuguesa a entrar em ação nos Europeus de atletismo em Torun, na quinta-feira, para uma qualificação no lançamento do peso que se antevê fácil, para a final de sexta-feira.A líder global do ano compete pelas 18h15, horas portuguesas, imediatamente antes de Mariana Machado correr nas eliminatórias de 3.000 metros e de competirem os três desportistas masculinos inscritos nos 1.500 metros.A luso-camaronesa terá que ser também a primeira a disputar finais, logo no segundo dia dos campeonatos, na sexta-feira, pelas 19h35. As principais expectativas de Portugal vão estar nessa prova e, depois, nas finais do triplo, ambas no último dia, domingo, quase certamente com Pedro Pichardo a saltar de manhã e Patrícia Mamona à tarde .- Programa das provas com atletas portugueses inscritos:Eliminatórias Meias-finais Finais 60 m Carlos Nascimento 06 – 09:18 06 – 12:50 06 – 19:58400 m Ricardo Santos 05 – 09:13 05 – 18:10 06 – 19:10Mauro Pereira1500 m Isaac Nader 04 – 19:20 05 – 20:35Nuno PereiraJosé Carlos Pinto3000 m Samuel Barata 06 – 10:25 07 – 16:52Triplo Pedro Pichardo 05 – 09:11 07 – 09:50Peso Francisco Belo 05 – 10:18 05 – 19:3560 m Rosalina Santos 07 – 09:18 07 – 11:40 07 – 17:46Lorène Bazolo400 m Cátia Azevedo 05 – 10:22 05 – 18:33 06 – 19:251500 m Marta Pen 05 – 11:22 06 – 18:503000 m Mariana Machado 04 – 18:30 05 – 20:00Triplo Patrícia Mamona 06 – 11:05 07 – 16:20Peso Auriol Dongmo 04 – 18:15 05 – 18:06A portuguesa Auriol Dongmo confirmou ser uma das favoritas no lançamento do peso dos Europeus de pista coberta.Auriol Dongmo confirmou esta quinta-feira ser uma das preferidas no lançamento do peso dos Europeus de pista coberta, em Torun, apurando-se diretamente para a final de sexta-feira, com a quarta marca da qualificação.Quem também progride para a final é Mariana Machado, que beneficiou da desclassificação de duas desportistas na segunda eliminatória dos 3.000 metros para ‘fechar’ a lista de finalistas, conseguindo mesmo um recorde pessoal.A recordista de Portugalde Portugal do peso conseguiu o seu apuramento ao segundo ensaio, com 18,55 metros, não necessitando de um terceiro lançamento para ser uma das sete que superaram a marca de 18,40. Para completar a lista de oito finalistas foi necessário repescar mais uma desportista.Para a final de sexta-feira, marcada para as 18:06, passam as duas grandes preferidas, ou seja, Dongmo e a alemã Chritina Schwanitz, que hoje resolveu o seu apuramento e liderança ao primeiro ensaio, com 18,86 metros.Mariana Machado, de 20 anos, já com um excelente palmarés em corta-mato, estreou-se a alto nível em pista coberta a superar as expectativas, com um recorde pessoal de 8.59,39 minutos e a final na corrida de 3.000 metros.A fundista do Sporting de Braga chegou no oitavo lugar da sua corrida, sendo 14.ª no conjunto das duas realizadas, mas subiria dois lugares após duas adversárias serem desclassificadas, por terem pisado a linha interna da pista.A de Portugal ‘fecha’ assim o grupo de 12 corredoras que retorna à pista na sexta-feira, às 20:00.Os três portugueses que foram aos 1.500 metros, todos muito jovens, ficaram pelas eliminatórias, como era previsível rostito aos seus recordes pessoais.Depois de uma primeira eliminatória sem lusos, competiram nas outras três, sucessivamente, Isaac Nader, Nuno Pereira e José Carlos Pinto.Tanto Nader como Nuno Pereira foram nonos, respetivamente com 3.44,15 e 3.42,38, enquanto que José Carlos Pinto gastou 3.56,44 para ser 12.º, todos longe da repescagem por tempos.

Na sexta-feira 12 de fevereiro prova decorria este fim de semana em Braga.Nelson Évora era o grande ausente na lista de inscritos para os Campeonatos de Portugal de pista coberta, este fim de semana em Braga, o que implicava que também falharia os Europeus marcados para a Polónia para o começo de março.O triplo saltador, vice-campeão da Europa há dois anos, estava radicado em Guadalajara, Espanha, e trocou no começo da época a camisola do Sporting pelava seu novo clube, o Barcelona.A presença nos Europeus da Polónia já era dúvida, mas agora confirmava-se que a alternativa de época são os Jogos Olímpicos de Tóquio, para os quais ainda não tem mínimos, mas onde entrava com algum conforto através das vagas atribuídas pelo ranking global.O título nacional parecia assim totalmente entregue ao benfiquista Pedro Pichardo que começa a época e teria que fazer mínimos para os Europeus com uma certa facilidade. O benfiquista Pedro Pichardo é recordista nacional.Mas a grande atração para Braga era certamente a sportinguista Auriol Dongmo, líder global do peso e forte candidatava a medalhas nas grandes competições internacionais que se disputavam este ano.Dongmo teve um arranque de época fulgurante, com triunfos nos grandes ‘meetings’ em que tem participado e aumentou o recorde nacional para 19,65 metros há duas semanas, o que lhe dava a liderança global da especialidade.Também já há mínimos feitos no peso masculino, para Francisco Belo, que vai debater o título com o seu colega no Benfica, e adversário, Tsanko Arnaudov.esperavam-se outros duelos interessantes outros ‘ duelos ‘ interessantes, igualmente com os olhos postos em o ‘ passaporte ‘ para Torun, em o triplo feminino e em os 60 metros, tanto femininos como masculinos. há umem Pombal Isaac Nader e José Carlos Pinto e Nuno Pereira fizeram mínimos nos 1.500 metros e reencontravam-se agora como os grandes candidatos ao lugar de campeão. Dificilmente haveria ‘intromissões’, tanto mais que Paulo Rosário, o desportista mais em maneira no ano passado, não estará presente.Nos 1.500 metros femininos, a de Brasil Mariana Machado esteve bastante perto dos mínimos, em Barcelona, e volta a tentar a marca, devendo fazer um ‘contrarrelógio’ para procurar o objetivo. Marta Pen era a grande ausente.Ricardo Santos chega a Braga como novo recordista nacional – fez a marca há umem Ostrava – e pode dar ‘uma assistência’ à qualificação de Raidel Acea.Outros desportistas ‘a seguir’ nas provas a decorrer em Braga eram João Vítor Oliveira , Paulo Conceição , Ivo Tavares e Cátia Azevedo e Vera Barbosa .A nível das competições de passeata, o destaque era mesmo a ausência, por ter estado doente, da decacampeã Ana Cabecinha, que assim deveria ‘entregar’ o título dos 3.000 metros à sua colega do Pechão Edna Barros.Quem não conseguir em Braga os mínimos para os Europeus ainda terá umpara o fazer – a data limite é o dia 21 de fevereiro.Sábado e domingo, as provas iniciavam às 14:15 e p prolongavamse até pouco depois das 18:30. Apenas haverá eliminatórias nos 60 metros e 60 metros barreiras, para todas as outras provas foi decidido dificultar um pouco mais que o habitual as marcas de acesso, para reduzir o programa.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Poland

Cities: Torun

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>O lançamento que valeu a medalha de ouro a Auriol Dongmo
>>>>>Europeus de atletismo: Francisco Belo na final do lançamento do peso – March 05, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Auriol Dongmo é a primeira portuguesa a entrar em ação nos Europeus – March 03, 2021 (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Dongmo na final do peso e Mariana Machado na dos 3000 metros – March 04, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Auriol Dongmo renova contrato com o Sporting – March 01, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Flávio Nazinho renova pelo Sporting – March 01, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Sporting perde na receção ao Dínamo Bucareste para a Liga Europeia – February 26, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Europeus de atletismo: Pichardo com apuramento fácil para a final do triplo salto – March 05, 2021 (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 metros 0 0 NONE 11 18,55 metros: 1, 21,04 metros: 1, os 60 metros: 1, os 1.500 metros femininos: 1, os 1.500 metros: 3, 18,86 metros: 1, 19 metros: 1, 400 metros: 1, 19,65 metros: 1
2 m 0 0 NONE 8 3000 m Mariana_Machado: 1, Bazolo400 m Cátia_Azevedo: 1, Pereira1500 m Isaac_Nader: 1, 400 m Ricardo_Santos: 1, Pinto3000 m Samuel_Barata: 1, 60 m Rosalina_Santos: 1, 1500 m Marta_Pen: 1, 60 m Carlos_Nascimento: 1
3 Dongmo 190 0 PERSON 7 Dongmo: 2, (tacit) ele/ela (referent: quinta-feiraAuriol Dongmo): 1, quinta-feiraAuriol Dongmo: 1, (tacit) ele/ela (referent: Dongmo): 3
4 Francisco Belo 100 0 PERSON 5 O português Francisco_Belo: 1, Francisco_Belo: 1, Belo há dois anos: 2, (tacit) ele/ela (referent: O português Francisco_Belo): 1
5 Mariana Machado 140 0 PERSON 4 Mariana_Machado: 2, a bracarense Mariana_Machado: 1, Mariana_Machado de 20 anos: 1
6 final 0 0 NONE 4 a final: 4
7 pista 0 0 NONE 4 pista coberta: 3, a pista: 1
8 portugueses 0 0 NONE 4 Os três portugueses: 2, os portugueses: 2
9 mínimos 0 150 NONE 3 os mínimos: 1, mínimos: 1, mínimos feitos: 1
10 atletas 240 0 NONE 3 os dois atletas: 1, os três atletas masculinos inscritos: 1, atletas portugueses inscritos: 1