Por: SentiLecto

Cheque as notas atribuídas por O JOGO aos jogadores do FC Porto no empate no reduto do Sporting.Marchesín 6As melhores defesas precederam os golos. Aos 8″ fechou a baliza a Matheus Nunes, mas fica a ideia de que podia ter feito mais no 1-0. Aos 88″ frear com o peito o remate de Sporar, mas não a recarga de Vietto para o 2-2.

Sérgio Conceição fez a antevisão ao clássico de sábado com o Sporting. Sérgio Conceição é treinador do FC Porto.Sérgio Conceição fez nesta sexta-feira a antevisão ao clássico com o Sporting e abordou a chegada dos reforços nos últimos dias de mercado, que têm ainda poucos treinos realizados com a equipa. O treinador do FC Porto refere que há desportistas que ainda não estão preparados para jogar, porque é necessário um fase de adaptação à «epré-requisitodo FC Porto».»Por bastante bom que um jogador seja, e acredito que seja, por isso é que vieram para o FC Porto, há um fase de adaptação à epré-requisitodo FC Porto. A pré-requisito de entrar na dinâmica da equipa. Não é num estalar de dedos. Não é num dia de trabalho que se consegue isso. Alguns reforços trabalharam dois dias comigo… é bastante difícil. Há jogadores que ainda não estão preparados. Isso nota-se. Mas têm todos uma disponibilidade fantástica, um deleite enorme por chegarem a um clube com uma grande dimensão. E estamos a analisar a sensação que temos de cada um desses jogadores, dentro do conhecimento que temos deles. Olhamos também para a vertente emocional, sabendo que eles vêm aqui um ano para jogar mais, mas sabem que no final do ano vão embora. É um trabalho a dobrar para o treinador», iniciou por declarar.»Tudo neste momento torna as coisas mais difíceis. Mas isto não é desculpa. Jamais me desculpei com lesões ou jogadores punidos, jamais o fiz. O que conta é amanhã e o treinador, que vai lá estar para assumir o resultado, seja positivo ou negativo», explicou.Rúben Amorim em antevisão do clássico entre Sporting e FC Porto, agendado para as 20h30 de sábado.Onde está o Sporting em comparação com o FC Porto? «São equipas diferentes, em momentos diferentes. O FC Porto é uma equipa que em três anos ganhou dois campeonatos e nós estamos a formar a base. Nós iniciámo no -1, estamos a construir, com miúdos, com jogadores experientes que também temos e formos buscar. É sempre um clássico e quem ganhar vai sempre «estar» melhor. Vejo um FC Porto forte, há semanas ganhou 5-0 no Bessa, e era uma equipa consolidada, como agora é. O Sporting está em crescendo. Mas uma equipa depende dos resultados para a opinião pública e dos adeptos ser positiva».FC Porto mais frágil pelas saídas de Alex Telles e Danilo? «Não, porque uma equipa não são dois jogadores. O FC Porto é uma equipa bastante forte, tem dois campeonatos nos últimos três anos. Há jogadores no FC Porto que têm mais jogos na Europa do que os nossos têm no campeonato ou como profissionais. Não posso ver assim. O FC Porto é uma grande equipa e o Sporting também o deseja ser e estará preparado para vencer o jogo».Jovane e Palhinha serão titulares? «Não vou declarar. Até porque são jogadores quem podem mudar um pouco a nossa forma de jogar e não vou estar a entregar o ouro, digamos assim».Ricardo Quaresma, o filho, já «testou» relvado do Dragão: veja as imagensMMA: a reação de um lutador após ser atingido que já se tornou viralO possível onze do FC Porto para Alvalade, com estreia a titular à vistaMeia-equipa de reforços: o onze provável do Sporting para o clássicoMbappé brilha com golos, mas também com este gestoMomento da chegada do autocarro do FC Porto ao Estádio de Alvalade, onde a partir das 20h30 joga-se o Sporting-FC Porto

Na sábado 10 de outubro o antigo jogador dos dragões e do Benfica morreu este sábado, aos 54 anos, vítima de enfermidade estendida, e O JOGO lembrava um exclusivo com Kulkov e… Yuran.Desde 1994/95, a época em que Kulkov e Yuran alinharam de azul e branco depois de Pinto da Costa os ter ido «roubar» à Luz, Portugal ficou no coração de ambos e, em 2018, O JOGO deu-lhes a ochancede viajarem no tempo, a pfinalidadede um duelo entre FC Porto e Lokomotiv na Liga dos Campeões.»Se declarar que a minha passagem pelo FC Porto foi bastante boa era pouco. Do presidente aos jogadores, e a todos os funcionários do clube, encontrei sempre gente bastante boa. Foi bastante importante para mim ter ido para o FC Porto, aprendi bastante e, sobretudo, o facto de desejar sempre vencer, fosse contra quem fosse, e isso marcou-me muito. Fiquei com essa mesma vontade de ganhar, com essa cultura em mim para o resto da minha carreira. Aprendi bastante com aquilo que vivi no FC Porto», contou Kulkov.Para Yuran também ficaram poucas dúvidas. «A mudança do Benfica para o FC Porto marcou. Mas foi no FC Porto que me sentíei como em família. eram dois grandes clubes, mas no FC Porto encontrei gente com mais coração».Quando os dois russos se aventuraram em Portugal, na década de 90 os clubes de Rusia viviam alguns obstáculos financeiros, ao contrário de agora. «Não era fácil para nós jogar em Portugal, mas lá conseguíamo. Foi no vosso país que encontrei mais organização, sobretudo no FC Porto», contava Kulkov.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Portugal

Cities: Porto

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Premium O um a um do FC Porto: liderança de Pepe soltou magia de dupla das alas
>>>>>»Reforços? Há um período de adaptação ao FC Porto. Não é num estalar de dedos» – (ojogo-pt)
>>>>>O comentário de Amorim às saídas de Telles e Danilo do FC Porto – (ojogo-pt)
>>>>>O momento da chegada do FC Porto a Alvalade – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 96 30 NONE 23 (tacit) eu: 19, me: 3, mim: 1
2 o FC_Porto 210 0 PLACE 19 O FC_Porto: 3, um FC_Porto forte: 1, (tacit) ele/ela (referent: um FC_Porto forte): 1, (tacit) ele/ela (referent: O FC_Porto): 3, FC_Porto: 1, o FC_Porto: 10
3 equipa 80 0 NONE 7 uma equipa consolidada: 1, uma equipa: 4, uma equipa muito forte: 1, a equipa: 1
4 jogadores 0 30 NONE 6 dois jogadores: 1, jogadores castigados: 1, jogadores: 3, os jogadores: 1
5 nós 30 0 NONE 6 Nós: 1, nós: 1, (tacit) nós: 4
6 Sporting 0 0 ORGANIZATION 6 o (referent: o Sporting): 1, o Sporting: 4, O Sporting: 1
7 clássico 200 0 NONE 4 um clássico: 2, o clássico: 2
8 Ricardo Quaresma 95 0 PERSON 3 (tacit) ele/ela (referent: Ricardo_Quaresma o filho já): 2, Ricardo_Quaresma o filho já: 1
9 trabalho 60 0 NONE 3 trabalho: 2, um trabalho: 1
10 Kulkov 0 0 PERSON 3 Kulkov: 3