Por: SentiLecto

Miguel Ribeiro concedeu uma entrevista aos três diários esportivos e explicou que Silas, despedido no começo da semana ao fim de seis jornadas, foi uma «escolha menos contente»Escolha por Ivo Vieira: «Num momento complicado da época compreendemo que era a altura de mudar novamente porque as 12 jornadas que aí vêm obrigaram-nos a fazer um restart. Iniciamo com o dia um a meio da época. É o terceiro dia um e o Ivo Vieira dá-nos todas as garantias que aí vem. Teve coragem de assumir este projeto.»Saída de Silas: «Quando compreendemo que se afigurava adaptada a saída de João Pedro Sousa, olhámos para o mercado e optámos pelo Silas. Ao fim de seis jornadas a escolha revelou-se menos acertada, retificámos e hoje o nosso treinador é o Ivo Vieira. Um vocábulo de apreço para o Silas pelo profissionalismo e dedicação, mas as coisas não correram como esperávamos. Felizmente conseguimos concretizar a operação com o Ivo Vieira, a quem não posso deixar elogiar a coragem e o acreditar neste projeto.»Razões para a saída de Silas: «A responsabilidade é exclusivamente do clube. Esta é uma época com demasiados percalços e temos que os solucionar.»

Treinador orientou esta tarde o primeiro treino no Famalicão e no final prestou declarações aos meios do clubePrimeiro dia: «Sinto que fui bastante bem recebido e num contexto familiar, espero que possamos transportar esta união e família para os famalicenses, que são a verdadeira essência do clube e que combatem todos os dias por nós. Fazer promessas é fácil, satisfazer é um desafio, mas estamos aqui para trabalhar e conseguir o grande objetivo do Famalicão que passa por sair de uma situação menos favorável, mas os grandes desafios fazem os grandes homens e as grandes estruturas. «Responsabilidades: «O Famalicão é um clube ímpar, com uma massa fervorosa e presente, recordo-me dos tempos do Famalicão na II Liga e os adeptos estiveram sempre com a cidade e o clube e é isso que procuraremos fazer em vantagem da equipa. A partir de hoje, aqui não há responsabilidades aos adeptos, à Direção ou ao clube, o único rculpadopelo que vai aocorrerchama-se Ivo Vieira pois acredito nas minhas chabilidadese na estrutura e acredito que os objetivos vão ser conseguidos. É porque os jogadores jogarão da maneira que eu desejo, eu serei o orientador de recursos humanos e eu é, quando declaro que a responsabilidade será minha que devo ser o grande culpado. A mim só não cabe tê-la, como assumi-la. Estou aqui para combater pelo desafio, espero o suporte de todos os famalicenses e desejo que todos combatamos para o nosso grande objetivo. Só assim vamo conseguir o nosso grande objetivo.»

O seu nome inteiro é Luís Miguel Ribeiro Santo Vaz.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Presidente do Famalicão em entrevista: as razões da saída de Silas e os elogios a Ivo Vieira
>>>>>Ivo Vieira sobre o Famalicão: «Fazer promessas é fácil, cumprir é um desafio» – March 09, 2021 (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 nós 180 32 NONE 15 nos: 2, (tacit) nós: 13
2 eu 60 0 NONE 14 (tacit) eu: 9, me: 1, eu: 3, mim: 1
3 Ivo Vieira 0 0 PERSON 6 o Ivo_Vieira: 3, Ivo_Vieira: 1, (tacit) ele/ela (referent: o Ivo_Vieira): 2
4 Silas Saída de 50 60 PERSON 5 (tacit) ele/ela (referent: Saída_de_Silas): 2, Silas: 1, (tacit) ele/ela (referent: Silas): 1, Saída_de_Silas: 1
5 clube 0 0 NONE 4 um clube ímpar: 1, o clube: 3
6 O Famalicão 200 0 PLACE 3 o Famalicão: 2, O Famalicão: 1
7 responsável 200 0 NONE 3 o único responsável: 2, o grande responsável: 1
8 jornadas 0 0 NONE 3 seis jornadas: 1, as 12 jornadas: 2
9 o clube 0 0 NONE 3 (tacit) ele/ela (referent: o clube): 3
10 objetivo 230 0 NONE 2 nosso grande objetivo: 2