Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Voracova WMQ14 (4) (14420303789)

Jogadora confere de ténis, chegada ao pais oceânico em dezembro passado, viu ser revogada uma isenção médica concedida pela TA, após a polémica relacionada com a retenção de DjokovicA tenista Renata Vorácová, cujo visto foi esta sexta-feira cancelado pelas autoridades de Australia, pelo quqe tal como o de Sérrai Novak Djokovic, alegou aos meios de comunicação do seu país que se sente, ficou retida num hotel em Melbourne aprisionada.»Estou num quarto e não posso ir a lado nenhum. Há guardas por toda a parte, inclusivamente, debaixo da minha janela, o que é bem insólito. Talvez eles pensem que eu saltarei e escapar», arremessou o expert em pares, de 38 anos.Ma vez que recuperou recentemente de covid-19., renata Vorácová, que chegou à Austrália em dezembro e já participou num jogo de preparação para o Open da Austrália, entrou no país em dezembro com uma isenção médica concedida pela federação ade Australia, organizadora do torneio, u porém, hoje, as autoridades ade Australiacancelaram o seu visto, uma dresoluçãotomada após a polémica lerguidaem torno da «isenção médica» concedida ao sérvio Novak Djokovic, detido pelas autoridades australianas de imigração num hotel em Melbourne, levou-se Renata Vorácová para onde também .»Eles trazem-me comida e há um guarda no corredor. Tudo é racionado. Eu sinto-me um pouco como numa prisão», realçou.O ministério dos negócios estrangeiros checo declarou à agência de notícias fde Franciade FranciaAFP que pqueixar-secontra a detenção, mas se restringem chances de treino que a jogadora consentiu em deixar o país e não participar em o Open da Austrália, que inicia em a segunda-feira , 17 de janeiro, » porque as suas «.Ainda que está agora à espera de uma lpermissãopara deixar a Austrália, vorácová revelou aassinalandopara que tal possa aocorrerno próximo sábado.Por seu turno, Djokovic, que chegou a Melbourne na noite de quarta-feira, também com uma isenção médica, para defender o título no Open da Austrália, aguarda a audiência marcada para segunda-feira por um tribunal melanésio, para escutar os argumentos do seu recurso.A vacina é compulsória para entrar na Austrália, mas há isenções provisória para pessoas que têm «uma condição médica séria», que não podem ser vacinadas porque contraíram covid-19 nos seis meses anteriores ou tiveram uma reação adversa ao remédio.Enquanto o país da Oceânia defende, a revogação do visto de Djokovic, líder do ranking global, instituiu nervosismos diplomáticos entre a Austrália e a Sérvia, cujo presidente delata o assédio ao desportista que não há exceções na aplicação das leis de fronteira.

Segundo os media de Australia, o nove vezes ganhador do Open da Austrália não vai ter preenchido o formulário correto para a espécie de visto que requereu.O tenista de Sérrai Novak Djokovic viu hoje frear a sua entrada na Austrália, alegadamente por problemas burocráticos com o visto com o qual se exibiu no aeroporto melanésio. Novak Djokovic é líder do ranking global ATP.Djokovic, que viajou para disputar o Open da Austrália, beneficiando de uma exceção médica que o isenta do dever de estar vacinado contra a covid-19, está retido na capital, supostamente pelo facto da espécie de visto requerido não admirar isenções médicas.Segundo os media de Australia, o nove vezes ganhador do Open da Austrália não vai ter preenchido o formulário correto para a espécie de visto que requereu.Segundo o jornal the Australian, Djokovic está a tentar entrar no país com um visto de trabalho, que «exigia a concordância do governo do estado de Vitória», do qual Melbourne é a capital.Jaala Pulford declarou num tweet que as autoridades que encarna se rejeitaram a apoiar o pedido de visto com a dita exceção médica. Jaala Pulford é a ministra vicentina.»O governo federal questionou se apoiaremos o pedido de visto do Novak Djokovic para disputar o Open da Austrália e não o faremos. Sempre declarámo que os vistos são uma questão do governo e que as isenções médicas são da responsabilidade dos médicos», elucidou.O «The Age noticia que a equipa do de Sérrai tinha pedido «a espécie errada de visto», mas que, ainda assim, teria licença para sair da aeronave e que esta situação somente atrasaria a sua entrada no país.Por sua vez, Karen Andrews declarou, em comunicado, que «qualquer indivíduo que pretenda entrar na Austrália deve satisfazer rígidas exigências de fronteira». Karen Andrews é a ministra de temas internos.Na terça-feira, Djokovic anunciou a sua partida para a Austrália para disputar o torneio, que decorre entre 17 e 30 de janeiro, graças à obtenção da ddeclaradaexceção médica, cujos motivos de atribuição njamaisforam explicados, o que provocou fortes críticas em todo o país, desde os media ao mundo político e comunidade desportivaO caso chegou aScott Morrison que garantiu que exigiriam-se explicações sobre a » isenção médica » para entrar em o país sem confirmar seu status de vacinação, sob pena de o desportista ser mandado «para casa na primeira aeronave». Scott Morrison é o primeiro-ministro australiano. Scott Morrison é o primeiro-ministro australiano.Craig Tiley também pediu a Novak Djokovic que revelasse o motivo da sua exceção. Craig Tiley é o diretor do torneio.se exigiriam explicações o primeiro-ministro australiano, Scott Morrison, que garantiu que sobre a » isenção médica » para entrar em o país sem confirmar seu status de vacinaçãoÚltimo desenvolvimento de a polémica chegada de Novak Djokovic em a Austrália . o seu status de vacinaçãoÚltimo desenvolvimento da polémica chegada de Novak Djokovic à Austrália. o jornalismo de Australia progride que se informou o tenista de Sérrai já de que o seu visto foi recusado e que «será transportado de aeronave para fora da Austrália», o mais demorar esta quinta-feira.Segundo o jornal Sydney Morning Herald, os advogados de Djokovic procuram ainda contestar a resolução, uma fonte confirmou ao jornal que a resolução final tomada.Lembre-se que Djokovic, que viajou para disputar o Open da Austrália, beneficiando de uma exceção médica que o isenta do dever de estar vacinado contra a covid-19, esteve retido no aeropoto da capital, supostamente pelo facto do espécie de visto requerido não admirar isenções médicas.Segundo os media de Australia, o nove vezes ganhador do Open da Austrália não vai ter preenchido o formulário correto para a espécie de visto que requereu.Segundo o jornal the Australian, Djokovic tentou entrar no país com um visto de trabalho, que «exigia a concordância do governo do estado de Vitória», do qual Melbourne é a capital.Jaala Pulford declarou num tweet que as autoridades que encarna se rejeitaram a apoiar o pedido de visto com a dita exceção médica. Jaala Pulford é a ministra vicentina.»O governo federal questionou se apoiaremos o pedido de visto do Novak Djokovic para disputar o Open da Austrália e não o faremos. Sempre declarámo que os vistos são uma questão do governo e que as isenções médicas são da responsabilidade dos médicos», elucidou.O «The Age noticia que a equipa do de Sérrai tinha pedido «a espécie errada de visto», mas que, ainda assim, teria licença para sair da aeronave e que esta situação somente atrasaria a sua entrada no país.Por sua vez, Karen Andrews declarou, em comunicado, que «qualquer indivíduo que pretenda entrar na Austrália deve satisfazer rígidas exigências de fronteira». Karen Andrews é a ministra de temas internos.Na terça-feira, Djokovic anunciou a sua partida para a Austrália para disputar o torneio, que decorre entre 17 e 30 de janeiro, graças à obtenção da ddeclaradaexceção médica, cujos motivos de atribuição njamaisforam explicados, o que provocou fortes críticas em todo o país, desde os media ao mundo político e comunidade desportivaO caso chegou aScott Morrison que garantiu que exigiriam-se explicações sobre a » isenção médica » para entrar em o país sem confirmar seu status de vacinação, sob pena de o desportista ser mandado «para casa na primeira aeronave». Scott Morrison é o primeiro-ministro australiano. Scott Morrison é o primeiro-ministro australiano.O diretor do torneio, ​​​​​​​Craig Tiley, também pediu a Novak Djokovic que revelasse o motivo da sua exceção.Tenista de Sérrai ficou retido no aeroporto antes de seguir para um hotel, à espera de ser dextraditadoO tenista sérvio Novak Djokovic exibiu um recurso legal contra a resolução das autoridades de Australia de cancelar o seu visto e deportá-lo do país.Desde que chegou ao país, anthony Kelly irá escutar o caso do tenista, que tem estado detido pelas autoridades de imigração em Melbourne na quarta-feira na noite com a intenção de competir no Open da Austrália. Anthony Kelly é um juiz melanésio.jokovic chegou ao aeroporto da cidade melanésio na quarta-feira com uma isenção médica que lhe permitiria defender o seu título no Open da Austrália, mas os funcionários de controlo fronteiriço revogaram o seu visto quando o tenista não conseguiu justificar a autorização e detiveram-no durante várias horas.O tenista de 34 anos encontra-se num hotel de quarentena em Melbourne à espera de ser dextraditado segundo os media locais.Já 20 vezes ganhador do Grand Slam, tal como Roger Federer e Rafael Nadal, o de Sérrai Novak Djokovic tem como objetivo um 21.º título em Melbourne.O Open da Austrália, que começa a 17 de Janeiro, é o seu torneio preferido: foi em Melbourne que o de Sérrai ganhou o seu primeiro Grand Slam , e ninguém lá ganhou tanto como ele .Na terça-feira o tenista revelou que lhe tinha sido concedida uma «isenção médica» para fazer a viagem. A federação de Australia requereu o sigilo médico para evitar justificar a renúncia.O anúncio provocou reações negativas por parte de alguns jogadores, que delataram uma norma dupla, e por parte de algum jornalismo de Australia, num país onde as medidas de guerrazinha à covid-19 foram particularmente restritasFaz 2 anos, Novak Djokovic já se tinha que estava calculada em a altura para permitir que os torneios fossem recomeçados,.

Renata Voráčová é uma tenista profissional tcheca, seu melhor ranking é de N. 40 em duplas, em simples ao máximo N. 74 pela WTA.

Melbourne é a capital e a cidade mais populosa do estado de Vitória, além de ser a segunda área urbana mais populosa da Austrália, depois de Sydney.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Australia

Cities: Melbourne

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Renata Vorácová diz sentir-se «um pouco como numa prisão» na Austrália
>>>>>Erro com o visto pode tirar Novak Djokovic do Open da Austrália – January 05, 2022 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Novak Djokovic vai mesmo disputar o Open da Austrália e com recorde na mira – January 04, 2022 (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Djokovic recebeu «isenção médica» para atuar no Open da Austrália – January 04, 2022 (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Djokovic diz que vai disputar Aberto da Austrália com isenção médica – (EfeGeneric)
>>>>>Djokovic recebe ordem para deixar a Austrália «no próximo avião» – (ojogo-pt)
>>>>>Djokovic apresentou recurso depois de ter o visto cancelado na Austrália – January 06, 2022 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Mesmo com autorização especial, Djokovic pode ser proibido pelo governo de entrar na Austrália – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Djokovic 0 320 PERSON 18 (tacit) ele/ela (referent: Djokovic vacinado contra a covid-19): 2, (tacit) ele/ela (referent: Djokovic): 3, Djokovic vacinado contra a covid-19: 3, Djokovic: 10
2 eu 0 50 NONE 14 (tacit) eu: 12, eu: 1, me: 1
3 país 0 0 NONE 11 país: 2, o país: 6, um país: 1, todo o país: 2
4 Novak Djokovic 140 0 PERSON 9 o (referent: Novak_Djokovic): 1, Novak_Djokovic: 2, Novak_Djokovic (apposition: líder de o ranking mundial): 1, o Novak_Djokovic: 2, o sérvio Novak_Djokovic: 3
5 Melbourne 0 0 PLACE 9 Melbourne: 8, a Melbourne: 1
6 isenção 0 0 NONE 8 a isenção médica: 3, uma isenção médica: 5
7 Renata Vorácová 0 0 PERSON 7 Renata_Vorácová e: 2, (tacit) ele/ela (referent: Vorácová): 1, Renata_Vorácová: 1, (tacit) ele/ela (referent: Renata_Vorácová e): 2, Vorácová: 1
8 a Austrália 0 0 PLACE 7 Austrália: 1, a Austrália: 6
9 tenista 0 0 NONE 7 o tenista: 3, Tenista sérvio: 1, O tenista sérvio: 2, o tenista sérvio: 1
10 autoridades 0 25 NONE 6 as autoridades: 4, as autoridades australianas: 2