Por: SentiLecto

João Paulo Rebelo reagiu ao comunicado emitido na terça-feira pelos clubes da Liga NOS.O secretário de Estado da Juventude e do Desporto declarou esta quarta-feira que o Governo está «disponível» para escutar os clubes da Liga NOS, que na terça-feira pediram uma linha de diálogo direta com a tutela.»Eu, enquanto secretário de Estado, costumo declarar que há um dever – que temos e tenho como governante – de pelo menos receber as pessoas. Nem sempre conseguimos resolver todos os problemas que as pessoas nos exibem, mas essa disponibilidade para escutar, para tentar perceber de que maneira é que podemos ultrapassar os problemas, deve existir», declarou João Paulo Rebelo.Esde que exerce funções., o governante, que falava à margem de uma visita ao pavilhão do Ginásio Clube Olhanense, em Olhão, aassinaloua abertura para oescutaros agentes do setor como ponto fundamental d «Desde a primeira hora como secretário de Estado, e já levo uns anos no exercício das funções, que assim faço com todas as entidades com que me vou reunindo, nos setores do desporto e juventude. Não deixo de demonstrar essa abertura sempre e vou continuar a fazê-lo. Tenho todo o interesse em escutar os interlocutores que tenho», sustentou.Os clubes do principal escalão do futebol nacional anunciaram na terça-feira que pretendem começar, diretamente e sem qualquer intermediário, um «diálogo construtivo» com o Governo e com as entidades do setor, para discuti várias mudanças ao desenvolvimento da atividade.»Mediante um entendimento alcançado entre todos nesta data, deseja nos desafios que se colocam, deseja nas soluções que importa implementar, os clubes irão procurar estabelecer um diálogo construtivo com os principais stakeholders do setor e, de maneira direta, com o Governo nos aspetos a ele respeitantes», refere o comunicado assinado pelos 17 símbolos que estão garantidos na I Liga da época 2021/22, entre os quais os promovidos Estoril e Vizela, além do Rio Ave, que disputará o play-off de acesso com o Arouca.Questionado sobre a disponibilidade para escutar os clubes sem a intermediação da Federação Portuguesa de Futebol e da Liga Portuguesa de Futebol Profissional , João Paulo Rebelo demonstrou-se «bastante expectante».»O que vi e tenho conhecimento, pelas notícias, é de que vai ter havido um almoço, em que se vão ter encontrado, não sei se todos, mas uma grande parte dos dirigentes dos clubes da I Liga. Não tenho mais nenhuma informação que não seja pelas notícias», referiu.O secretário de Estado da Juventude e Desporto foi também instado a comentar se seria normal os clubes desejarem «ultrapassar» a FPF e a Liga. «Declararia que não devo achar, é uma questão que devem colocar aos próprios. Eu somente sou um espectador nessa matéria», frisou.Revelando que ainda não teve «contacto oficial de ninguém», o secretário de Estado adicionou que, «deseja com a FPF, deseja com a Liga, esse diálogo é permanente». «Os clubes do futebol profissional são relevantes, no panorama esportivo. O futebol é uma das modalidades que mais mobiliza os portugueses, que envolve milhares e milhares de praticantes, de dirigentes, de adeptos também, e, evidentemente, que tenho interesse em saber o que têm para me declarar», alegou João Paulo Rebelo, sem comentar os assuntos que inquietam as sociedades esportivas.

Presidentes de FC Porto, Benfica e Sporting estão em representação dos respetivos clubes na reunião que decorre esta terça-feira.Pinto da Costa, Luís Filipe Vieira e Frederico Varandas, presidentes de FC Porto, Benfica e Sporting, respetivamente, estão presentes na reunião dos clubes da Liga NOS que decorre esta terça-feira na Mealhada.A «cimeira» dos símbolos do principal escalão do futebol nacional une os líderes dos adversários, situação que se tinha verificado em abril do ano passado, quando os três presidentes – juntamente com Pedro Proença e Fernando Gomes – tinham sido recebidos por António Costa na Assembleia da República, a finalidade da recomeça do futebol em contexto de pandemia.A reunião na Mealhada, esta terça-feira, tem como objetivo a discussão de vários assuntos relacionados com a atualidade do futebol profissional, entre os quais os suportes e tratamento do Governo para com o sector e o retorno dos adeptos aos estádios.De lembrar que, na segunda-feira, em declarações à Lusa, Pedro Proença vincou a necessidade de contar com um tratamento semelhante ao de outros sectores da economia no futebol profissional, mdemonstrandoa ideia de «reunir muito em breve» os clubes.Ora, O JOGO sabe que que disputam o principal escalão de o futebol nacional já os símbolos são encontrados reunidos e debruçados sobre os assuntos acima indicados, entre outros.Quanto ao retorno dos adeptos aos estádios, refira-se que a Liga e a FPF tinham anunciado a execução de jogos-teste na última jornada da Liga NOS. Dias depois, registou-se um recuo na resolução, com o organismo liderado por Proença a assinalar para a possível falta de justiça esportiva numa jornada de resoluções e os obstáculos de logístico rostito ao pouco tempo de preparação como motivos para a anulação do plano inicial.Liga convida Assembleia Geral extraordinária para o dia 2 de junho.A Liga Portugal convidou esta terça-feira uma Assembleia Geral extraordinária para o dia 2 de junho, onde será levada a votos uma carta aberta ao Governo «traduzindo o descontentamento da Liga e das Sociedades Desportivas pela discriminação de que o futebol profissional tem sido objeto e para a reclamação de medidas concretas e de implementação imediata».A convocatória surge na sequência da cimeira de clubes da Liga NOS que decorre esta terça-feira na Mealhada, na qual marcaram presença os presidente de diversos clubes e que uniu Pinto da Costa, Luís Filipe Vieira e Frederico Varandas.Em debate estiveram diversos temas, incluindo os suportes do Governo ao futebol profissional e o retorno dos adeptos aos estádios. Agora, a Liga vai levar uma carta aberta a votos, conforme menciona no ponto 5 da ordem de trabalhos da AG: «Apresentação, debate e eleição de proposta de Carta Aberta ao Governo, traduzindo o descontentamento da Liga Portugal e das Sociedades Desportivas pela discriminação de que o futebol profissional tem sido objeto e para a reclamação de medidas concretas e de implementação imediata, destinadas a compensar as perdas resultantes deste tratamento injustificável pelo Governo de Portugal».Em apreciação e eleição vão estar também propostas de mudança ao Regulamento das Competições sob a tutela da Liga.Saiba que pontos vão estar na ordem do dia da AG da Liga:»1. Leitura e aprovação das atas das reuniões da assembleia geral: a) extraordinária de 30.09.2020; b) ordinária de 30.09.2020;2. Apreciação, debate e eleição das propostas de mudança ao Regulamento das Competições coordenadas pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional, exibidas pela Direção;3. Apreciação, debate e eleição das propostas de mudança ao Regulamento Disciplinar das competições coordenadas pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional, exibidas pela Direção;4. Apreciação, debate e eleição das propostas de mudança ao Regulamento de Arbitragem das competições coordenadas pela Liga Portuguesa de Futebol Profissional, exibidas pela Direção;5. Apresentação, debate e eleição de proposta de Carta Aberta ao Governo, traduzindo o descontentamento da Liga Portugal e das Sociedades Desportivas pela discriminação de que o futebol profissional tem sido objeto e para a reclamação de medidas concretas e de implementação imediata, destinadas a compensar as perdas resultantes deste tratamento injustificável pelo Governo de Portugal;6. Outros temas de interesse associativo.»Reunião decorre na Mealhada.Os clubes da Liga NOS estão reunidos na Mealhada, esta terça-feira, para discuti vários assuntos relacionados com a atualidade do futebol profissional, entre os quais os apoios do Governo ao sector e o regresso dos adeptos aos estádios.De lembrar que, na segunda-feira, em declarações à Lusa, Pedro Proença vincou a necessidade de contar com um tratamento semelhante ao de outros sectores da economia no futebol profissional, mdemonstrandoa ideia de «reunir muito em breve» os clubes.Ora, O JOGO sabe que que disputam o principal escalão de o futebol nacional já os símbolos são encontrados reunidos e debruçados sobre os assuntos acima indicados, entre outros.Quanto ao retorno dos adeptos aos estádios, refira-se que a Liga e a FPF tinham anunciado a execução de jogos-teste na última jornada da Liga NOS. Dias depois, registou-se um recuo na resolução, com o organismo liderado por Proença a assinalar para a possível falta de justiça esportiva numa jornada de resoluções e os obstáculos de logístico rostito ao pouco tempo de preparação como motivos para a anulação do plano inicial.

Na segunda-feira 17 de maio Decisões do Governo sobre público nos estádios criticadads pela presidente da Associação Portuguesa de Defesa do Adepto.As resoluções do Governo sobre a presença de adeptos nos estádios de futebol durante a pandemia de covid-19 eram «para inglês ver», declarou a presidente da Associação Portuguesa de Defesa do Adepto .Em declarações à agência Lusa, Martha Gens frisou que «não se p percebiaqual é eraa posição do Governo» em relação a este tassunto no mesmo dia em que o secretário de Estado da Juventude e do Desporto confirmou que a final da Taça de Portugal, entre Benfica e Sporting de Braga, não t teriapúblico nas bancadas.A posição do Governo contrapunha com a resolução de receber a final da Liga dos Campeões, no Estádio do Dragão, no Porto, que seria disputada entre as equipas de Inglaterra do Manchester City e do Chelsea.» era para inglês ver. Enquanto os adeptos de Portugal parecia, afinal, eram duas equipas de Inglaterrade Inglaterrade Inglaterra que têm direito a 25% da habilidade de um estádio em Portugal que caminhavam a mendigar essa chance. Esta não era a maneira de olhar para a pirâmide institucional que tinha que ser o futebol», criticou a presidente da APDA.Segundo a representante dos adeptos, » era insólito» que a UEFA tenha garantido que, fosse qual fosse o destino, a final da Liga dos Campeões » teria adeptos e, quando selecionavam um país onde, eis senão não há adeptos nos estádios há um ano e meio».» podia ser que finalizações sejam retiradas para a próxima época, ou que deva vir o senhor Aleksander Ceferin [presidente da UEFA] a Portugal para declarar que efetivamente os portugueses não tinham que ter receio de frequentar um estádio de futebol», desabafou Martha Gens.O secretário de Estado da Juventude e do Desporto declarou que a final Taça de Portugal de futebol entre Sporting de Braga e Benfica, que seria disputada domingo, em Coimbra, não teria público.João Paulo Rebelo revelou que o Governo não coloca a suposição de permitir a presença de público na final a ter lugar em Coimbra, como uma espécie de teste-piloto, à ssimilaridadedo que fez para a última jornada do campeonato, decisão que a Liga de clubes declinou em nome da equidade entre os clubes.O governante reconheceu que esse era um cenário que não colocava nesta altura e, questionado respondeu, se se podia vir a colocar que «não haveria condições para que isso ocorra».Q isse.: «Até porque fomos bastante claros na abertura dada: era à I Liga, na última jornada e não se falou em nada da final da Taça de Portugal»,.uestionado sobre a presença de público na final da Liga dos Campeões, no Estádio do Dragão, no Porto, entre o Manchester City e o Chelsea, o governante notou que esse era «uma exigência» para que o jogo viesse para Portugal.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Portugal

Cities: Estoril, Olhao

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Secretário de Estado declara-se «disponível para escutar» clubes da I Liga: «Há um dever…»
>>>>>Pinto da Costa, Vieira e Varandas presentes na reunião dos clubes na Mealhada – (ojogo-pt)
>>>>>Liga convoca AG extraordinária: carta aberta ao Governo sujeita a votação – May 25, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Vizela regressa à I Liga 36 anos depois. Arouca no play-off com o Rio Ave – May 22, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Já são conhecidos os horários para os jogos do play-off de acesso à Liga NOS – May 20, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Liga divulga datas e horários das 34.ª e última jornada da Liga SABSEG – May 18, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Um jogo na terça-feira e campeão a fechar: os horários da última jornada da Liga NOS – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Quatro clubes de calculadora na mão: todas as contas da permanência da Liga NOS – May 18, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Boavista quebra jejum e está em zona tranquila de forma provisória – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Jesualdo e uma célebre pergunta: «Disse que não sabia. De facto, é a mais difícil de todas» – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Farense bate Tondela e deixa luta pela permanência ao rubro na Liga NOS – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>O que falta decidir na Liga NOS: Europa e permanência nas contas a fazer esta quarta-feira – May 18, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Vitória do FC Porto em Vila do Conde selou permanência do Marítimo – May 16, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>V. Guimarães empata na Madeira e complica as contas europeias – May 16, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Exclusivo O FC Porto um a um frente ao Rio Ave: arranques de Díaz até fizeram fumo – May 16, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Benfica volta à carga e aponta «decisão pouco desportiva da Liga» – May 20, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>O golo da confirmação: Pedro Gonçalves é o melhor marcador da Liga NOS. Veja o lance – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Armando Evangelista eleito treinador do mês da Liga SABSEG – May 18, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Liga reitera que tentou ter público nos estádios na penúltima jornada – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Vizela bate Penafiel, recupera segundo lugar e está a um passo da Liga NOS – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Recuo na decisão: jogos da última jornada da Liga NOS sem público. Saiba porquê – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>>>>>A Liga NOS 2020/21 contada ao estilo do MotoGP – (ojogo-pt)
>>>>>>>>>Proença exige respeito no tratamento do futebol e revela que vai convocar os clubes – May 24, 2021 (ojogo-pt)
>>>>>Clubes da Liga NOS reunidos: apoios do Governo e regresso dos adeptos em discussão – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 103 0 NONE 25 Eu: 2, (tacit) eu: 21, me: 2
2 futebol 240 0 NONE 10 o futebol: 2, O futebol: 1, o futebol profissional: 4, o futebol nacional: 3
3 o Governo 0 0 PERSON 9 o Governo: 6, ele (referent: o Governo): 1, (tacit) ele/ela (referent: o Governo): 2
4 João Paulo Rebelo 0 35 PERSON 7 João_Paulo_Rebelo: 5, (tacit) ele/ela (referent: João_Paulo_Rebelo): 2
5 discriminação 0 360 NONE 6 discriminação: 6
6 nós 0 6 NONE 6 nos: 2, (tacit) nós: 4
7 emblemas 70 0 NONE 6 os 17 emblemas: 2, os emblemas: 4
8 estádios 0 0 NONE 6 os estádios criticadads: 1, os estádios: 5
9 era 0 60 NONE 5 era estranho: 1, era: 4
10 Pedro Proença 0 0 PERSON 5 Pedro_Proença: 3, Proença: 2