Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Fernando Diniz

O Vasco recebe o Goiás nesta segunda-feira, às 20h, em São Januário, buscando a sseussegundovtriunfosob o comando de Fernando Diniz. Essa vai ser também a segunda partida com público em São Januário. Até o meio-dia de ontem, 3 mil dos 7.777 ingressos postos à venda já haviam sido cadquiridos A marca já ultrapassa, e bastante, o número de presentes no jogo contra o Cruzeiro, o primeiro com torcida, que foi de somente 309 torcedores.

Fernando Diniz Silva, mais conhecido somente como Fernando Diniz, é um treinador e ex-futebolista de Brasil que atuava como meio-campista.

O jogo é um reencontro do Vasco com Marcelo Cabo, treinador que começou a Série B no comando do time e hoje está na terceira colocação da competição no comando do Goiás. O cruz-maltino, apesar de estar na oitava posição, a sete pontos da zona de acesso, vê o jogo como confronto direto. Para conservar viva a chance de acesso, o Vasco, que e para esta partida, o time de Fernando Diniz não vai contar com o lateral direito Léo Matos, que foi expulso no sexta-feira na triunfo em cima do Brusque, precisa vencer. Para sua posição, Diniz avalia escalar Zeca, mas alegou que ainda irá analisar quem mais pode atuar na posição. Após suspensão, o volante Andrey e o atacante Léo Jabá voltam.

O jogo ainda confirmou o bom momento de Nenê neste regresso ao clube. Autor do gol, o meia já marcou dois em três partidas e já confirmou que pode auxiliar o Vasco em sua caminhada.

Na sábado 18 de setembro um integrante do G4 e outro da metade da tabela. Aproveitamento de 59,4% contra 45,8%. Acesso bem encaminhado versus dúvidas e pressão da torcida. Adversários na resolução da última Taça Rio, Botafogo e Vasco traçavam percursos diferentes nesta Série B: o cruz-maltino por ora patinava na tentativa de subir. Já o alvinegro vivia uma lua de mel com os resultados, que têm garantido, mesmo em momentos de instabilidade, a parte de cima da tabela — situação que inverteu as expectativas instituídas quando os adversários montavam seus elencos.

Um vídeo divulgado pelo Vasco ontem mostra Léo Matos reunido com os demais jogadores e agradecendo por terem conseguido o triunfo mesmo após ele ter sido expulso. Léo frisou como o triunfo foi importante para eles continuarem acreditando no acesso.

— Vocês falaram que iam ganhar o jogo para mim. Bastante obrigado, a gente precisava desse jogo para mostrar quem nós somos e fechar para conseguir esses nove triunfos — declarou.

No vídeo, Diniz alegou que o time jogou com o coração, e que vai ser essa postura que irá levar o Vasco ao acesso para a Série A:

O público que for a São Januário tem que ter comprovante de vacinação ou ter em mãos um exame negativo de antígeno realizado em laboratórios conveniados em até 48 horas antes do começo da partida. Os bilhetes para arquibancada custam R$ 20, e para a social do estádio, R$ 120. Sócios-torcedores, de acordo com o plano, vão ter acesso a ingressos a partir de R$ 6. Portões abrem as 18h.

Mas o maior destaque da partida não foi nenhum jogador em campo. E sim a arbitragem, que interferiu diretamente no resultado. Primeiro, exagerou ao expulsar Leo Matos aos 43 da etapa inicial. E, dois minutos depois, invalidou o gol do Brusque num equívoco grotesco. Ao traçar as linhas de marcação para saber se Jhon Cley estava em condições no começo da jogada, os operadores do VAR utilizaram o jogador errado como referência.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Vasco reencontra Marcelo Cabo, do Goiás, tentando conservar o sonho do acesso vivo
>>>>>Vasco respira na Série B ao vencer o Brusque em jogo marcado por erros graves da arbitragem – September 25, 2021 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 jogo 80 0 NONE 6 O jogo: 2, esse jogo: 1, o jogo: 3
2 Fernando Diniz 0 0 PERSON 6 Diniz: 2, Fernando_Diniz: 1, Fernando_Diniz_Silva: 1, (tacit) ele/ela (referent: Diniz): 2
3 Léo Matos 160 140 PERSON 5 o lateral direito Léo_Matos: 2, (tacit) ele/ela (referent: Léo): 1, Léo_Matos reunido: 1, Léo: 1
4 vitória 300 0 NONE 4 a vitória: 3, sua segunda vitória: 1
5 Vasco 0 0 ORGANIZATION 4 o Vasco: 3, O Vasco: 1
6 acesso 30 0 NONE 3 acesso: 1, o acesso: 2
7 São_Januário 0 0 PLACE 3 a São_Januário: 1, São_Januário: 2
8 partida 0 0 NONE 3 esta partida: 1, a segunda partida: 1, a partida: 1
9 público 0 0 NONE 3 público: 1, O público: 2
10 r 0 0 NONE 3 R: 3