Por: SentiLecto

Estrela Galicia Caparica Surf Fest, que vai ter uma prova de qualificação masculina de 3.000 pontos e uma prova de qualificação feminina de 1.000 pontos, está agendado para entre 18 e 23 de maioAs previsões de ondulação para a etapa do circuito de qualificação da Liga Mundial de Surf , que arranca na próxima terça-feira na praia do Paraíso, na Costa de Caparica, são positivas, realçou Francisco Spínola, culpado da WSL.»A Costa de Caparica jamais decepciona. Esperamos ter uma semana repleta de ondas. Os bancos de areia da praia do Paraíso estão ótimos, melhores do que jamais, e quando têm que decorrer as finais, estamos verdadeiramente estimulados com as previsões de «swell’ [ondulação], especialmente para o fim de semana «, adiantou, esta segunda-feira, o presidente da WSL para a Europa, Médio Oriente e África .O Estrela Galicia Caparica Surf Fest, que conta com uma prova de qualificação masculina de 3.000 pontos e uma prova de qualificação feminina de 1.000 pontos, está agendado para entre 18 e 23 de maio, seguindo-se ao Pro Santa Cruz, prova de qualificação masculina de 3.000 pontos, que decorreu entre 11 e 16 de maio e que foi ganha pelo tetracampeão de Portugal Vasco Ribeiro.»A Costa de Caparica é espetacular, tem ondas o ano todo, e tudo menciona que teremos altas ondas neste campeonato. Isso é o mais importante. Desejo boa sorte a todos e, sobretudo, aos portugueses», arremessou Vasco Ribeiro, durante a conferência de jornalismo de apresentação da prova, garantindo que vai tentar repetir o triunfo que alcançou em Santa Cruz, a primeira da carreira no circuito de qualificação da WSL.Inês de Medeiros, presidente da Câmara Municipal de Almada, anfitriã do acontecimento, considerou que as praias da Caparica são «dos melhores «spots’ [locais de surf] do país», oferecendo «condições para todos os praticantes, desde os iniciantes até aos profissionais».E adicionou:» A execução do Caparica Surf Fest prova que Portugal é um destino seguro. Além disso, acho que não há outra capital europeia, além de Lisboa, com estas condições. Todos reconhecem a Costa de Caparica como um lugar único e extraordinário».Hugo Pinheiro rematou que esta etapa da Liga Mundial de Surf contará com uma «praia inacreditável, sol a semana toda e boas ondas» no oceano que banha a Costa da Caparica. Hugo Pinheiro é o diretor de prova.

Surfista de Portugal derrotou na final Timothée Bisso.O surfista Vasco Ribeiro venceu este sábado o Pro Santa Cruz, etapa do circuito de qualificação da Liga Mundial de Surf , disputado nas ondas torresonas, distrito de Lisboa.Na final, o luso levou de vencido Timothée Bisso, que habita em Portugal, por 16,67, contra uma pontuação de 11,73 do gaulês, levantando o troféu.O português sucede a Frederico Morais como ganhador do Estrella Galicia Pro Santa Cruz etapa que precede outra competição em Portugal, o Caparica Surf Fest, entre 18 e 23 de maio. A Frederico Morais como ganhador do Estrella Galicia Pro Santa Cruz é prova de qualificação masculina de 3.000 pontos.Ribeiro passou a manhã a vencer desportistas franceses, iniciando nos quartos de final, contra Leo Paul Etienne, que venceu por 11,03 contra 9.33, suprimindo nas «meias» Kauli Vaast, por 13,50-13.O triunfo deixa Vasco Ribeiro no segundo lugar do «ranking» do circuito de qualificação, atrás somente do italiano Leonardo Fioravanti, cimentando-se em lugar de apuramento para a Challenger Series deste ano.»Pude surfar relativamente relaxado, com os pontos do ano passado, mas é fantástico encontrar esta maneira e ganhar, confirmando isto. É ótimo seguir os passos do Frederico e conservar o título em Portugal. Agora é continuar a trabalhar», disse.

Na segunda-feira 10 de maio o circuito global de surf retornava à Europa, com o Pro Santa Cruz, na praia do Mirante.O circuito global de surf retornava à Europa, com o Pro Santa Cruz, na praia do Mirante, competição aexibidae para a qual «as previsões s erammuito animadoras e com muitas ondas a cpercurso.»Em termos de ondas, Santa Cruz era do melhor que há, isso era bastante bom para a organização e era, quase sempre, uma certeza dFrancisco Spínola admitindo ser um «orgulho» que o retorno na competição ocorra em Portugal, após mais de um ano de paragem devido na pandemia de covid-19. Francisco Spínola é diretor-geral para a Europa da Liga Mundial de Surf . Francisco Spínola é diretor-geral para a Europa da Liga Mundial de Surf .ancisco Spínola referiu que «Portugal era claramente o principal país de acontecimentos de surf na Europa, com provas em todas as categorias», adicionando: «Não podíamos iniciar melhor, do que aqui na praia do Mirante.»O culpado recordou que Santa Cruz e a Costa da Caparica vão sediar durante o mês de maio provas do circuito de qualificação, da categoria 3.000, importantes para o apuramento dos surfistas para o challenger series, que dava acesso ao circuito principal.O tetracampeão de Portugalde Portugal de surf Vasco Ribeiro, presente na apresentação da prova, que decorria entre terça-feira e domingo, demonstrou-se «bastante contente» com o retorno à competição internacional e referiu que «Santa Cruz é erao sítio ideal para ciniciar.Afonso Antunes, de 17 anos, alegou o que o Pro Santa Cruz, » era a espécie de provas para a qual todos se preparavam» e garantiu «sentir-se em casa, em Santa Cruz».» costumava surfar aqui todos os dias. Em Santa Cruz, a onda tem poucos segredos, quem estiver no sítio certo, à hora certa, é eraquem v vganhará ddeclarouA presidente da câmara municipal torresão, Laura Antunes, considerou o acontecimento «extraordinariamente importante para Santa Cruz e para o concelho, em várias vertentes».A autarca, referindo o trabalho que estava a ser feito a nível local para a «democratização do surf, tornando-o uma modalidade acessível a todos». declarou: «O Pro Santa Cruz mostrava a preocupação do concelho com os desportos de ondas, sendo importante para várias áreas, entre as quais o turismo».A apresentação da prova, que contaria também com a presença dos internacionais Joan Duru , Ramzi Boukian e Kauli Vaast , ficou marcada por uma homenagem a Carlos Bernardes, antigo presidente da autarquia, que faleceu npassada, que se o descreveu como o principal impulsionador de a criação de o acontecimento.A autarca pediu: «se trouxe este acontecimento para Santa Cruz pelava presidente Carlos Bernardes, orgulhávamo-nos da visão que teve, que esta prova lhe seja dedicada».O Estrela Galicia Pro Santa Cruz, prova de qualificação masculina de 3.000 pontos, decorrerá entre 11 e 16 de maio, e o Estrela Galicia Caparica Surf Fest, que contava com uma prova de qualificação masculina de 3.000 pontos e uma prova de qualificação feminina

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Portugal, Costa Rica, Bolivia

Cities: Caparica, Santa Cruz, Paraiso

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>WSL espera «semana repleta de ondas» na Caparica: «Bancos de areia estão melhores do que jamais»
>>>>>Surf: Vasco Ribeiro vence Pro Santa Cruz em Torres Vedras – May 15, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Quarta ronda do Pro Santa Cruz terá catorze surfistas portugueses – May 12, 2021 (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Santa_Cruz 0 0 PLACE 10 Santa_Cruz: 7, (tacit) ele/ela (referent: Santa_Cruz): 3
2 nós 430 0 NONE 6 nos: 1, (tacit) nós: 5
3 Cruz Pro 0 0 PERSON 6 o Pro_Santa_Cruz: 5, O Pro_Santa_Cruz: 1
4 Portugal 80 0 PLACE 5 Portugal: 5
5 Vasco Ribeiro 80 0 PERSON 5 Vasco_Ribeiro: 3, O surfista Vasco_Ribeiro: 1, Ribeiro: 1
6 ondas 80 0 NONE 5 muitas ondas: 1, ondas: 2, boas ondas: 1, altas ondas: 1
7 o Estrela_Galicia_Caparica_Surf_Fest 0 0 PLACE 5 o Estrela_Galicia_Caparica_Surf_Fest: 2, (tacit) ele/ela (referent: O Estrela_Galicia_Caparica_Surf_Fest): 1, O Estrela_Galicia_Caparica_Surf_Fest: 2
8 a Costa_de_Caparica 90 0 PLACE 4 a Costa_de_Caparica: 2, A Costa_de_Caparica: 2
9 era 80 0 NONE 4 era muito bom: 1, era: 3
10 competição 0 0 NONE 4 a competição internacional: 1, a competição: 1, competição apresentada: 1, outra competição: 1