Por: SentiLecto

O primeiro dos temores dos clubes grandes de futebol do Brasil já começou a ocorrer. Com a paralisação súbita das atividades em todo o país, os patrocinadores começaram a rever seus pagamentos aos clubes. Depois de a Azeite Royal utilizar a pandemia como motivo para deixar de patrocinar Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco, além do Maracanã, duas marcas informaram ao Corinthians que enquanto o futebol estiver, vão interromper o pagamento dos patrocínios parado.

Marjosports e Orthopride chegaram a um acordo com a diretoria de marketing corintiana para interromper os pagamentos a princípio pelo mês de abril. A rede de franquias de consultórios de ortodontia, por exemplo, está praticamente com as atividades paralisadas por conta do coronavírus e também patrocina outras equipes pelo país.

De acordo com o site SportBusiness, a Nike já está com a fabricação em estágio muito progredido, assim como o processo de distribuição. Isso por conta da necessidade de transportar produtos de suas fábricas dos mercados de Asipovicy, como China e Paquistão, para o centro de distribuição na Bélgica.

Na segunda-feira 23 de março o Azeite Royal, que nos últimos dois anos se colocou como «salvador» dos clubes de Cariacica, utilizou a pandemia do coronavírus para concluir precocemente o contrato de patrocínio que tinha com Botafogo, Flamengo, Fluminense e Vasco, além do Estádio do Maracanã.

Fotografia: Reprodução

A suspensão dos primeiros patrocínios tem que gerar um conseqüência cachoeira no futebol de Brasil. Com diversas marcas de pequeno e médio porte como patrocinadores, os clubes vão ver as companhias com obstáculos para homenagear os compromissos.

Nos últimos dias, diversos clubes anunciaram férias coletivas pelos primeiros 20 dias do mês de abril. Se tomou a medida como maneira de estender final de a temporada, dentro de um cenário de recomeçada de o futebol em o próximo mês . o já dentro de um cenário de retomada do futebol no próximo mês. Os clubes começaram a procurar os patrocinadores, enquanto tomavam essa resolução.

«O Corinthians informa que mantém ativos todos os contratos de patrocínio em sua camisa e montou uma força-tarefa para entender as necessidades e possibilidades de cada um de seus parceiros comerciais durante essa crise ocorrida em função da pandemia do Covid-19», disse o clube, em nota ao Globoesporte.com.

A busca por soluções de exibição de marca para os patrocinadores é algo que, na Europa e nos Estados Unidos, os clubes procuraram fazer a partir das redes sociais. Com vídeos dos jogadores, ações para o público e até mesmo shows beneficentes, as entidades desportivas têm conseguido conservar as marcas ativas. Por aqui, até agora, somente a Federação Alagoana de Futebol teve a iniciativa de instituir e transmitir um torneio de Fifa 2020 com a presença de desportistas dos times do Campeonato Alagoano.

Vale recordar que a Adidas já arremessou as camisas de suas principais seleções participantes da Euro em novembro do ano passado. A Adidas é a principal concorrente da Nike. Em 10 meses, a marca terá que ter perda em relação em as vendas mas espera recuperar os cofres quando a pandemia passar, já que terá um ano a mais para isso com o deferimento do torneio para junho/julho de 2021.

Fonte: maquinadoesporte-pt

Sentiment score: NEGATIVE

Countries: United States, Brazil

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Pandemia leva marcas a interromperem pagamentos no Corinthians
>>>>>Pandemia leva Nike a adiar lançamentos de uniformes da Euro – March 30, 2020 (maquinadoesporte-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 clubes 50 40 NONE 6 diversos clubes: 1, os clubes grandes: 1, os clubes cariocas: 1, os clubes: 3
2 patrocinadores 0 60 NONE 3 patrocinadores: 1, os patrocinadores: 2
3 futebol 0 0 NONE 3 o futebol: 1, o futebol brasileiro: 1, futebol: 1
4 Azeite Royal 0 160 ORGANIZATION 2 o Azeite_Royal: 2
5 a Federação_Alagoana_de_Futebol 50 0 PLACE 2 (tacit) ele/ela (referent: a Federação_Alagoana_de_Futebol): 1, a Federação_Alagoana_de_Futebol: 1
6 Corinthians 0 0 ORGANIZATION 2 o Corinthians: 2
7 Flamengo Fluminense e Vasco 0 0 PLACE 2 (tacit) eles/elas (referent: Flamengo Fluminense e Vasco): 1, Flamengo Fluminense e Vasco: 1
8 país 0 0 NONE 2 o país: 1, todo o país: 1
9 usar a pandemia como motivo para deixar de patrocinar botafogo flamengo fluminense e vasco 15 110 NONE 1 usar a pandemia como motivo para deixar de patrocinar Botafogo Flamengo Fluminense e Vasco: 1
10 prejuízo 0 80 NONE 1 prejuízo: 1