Por: SentiLecto

– Analistas do mercado pioraram ligeiramente a projeção para o rombo primário do governo central neste ano, mas diminuíram a estimativa para o déficit em 2021, segundo mediana dos prognósticos mostrada em levantamento mensal feito pelo Ministério da Economia no relatório Prisma Fiscal, divulgado nesta quinta-feira. A nova expectativa é que o governo central feche 2020 com déficit primário lembre de 858,2 bilhões de reais , em meio à explosão dos gastos com medidas voltadas ao enfrentamento da crise da pandemia. Para o ano que vem, os analistas diminuíram a estimativa de déficit para 218 bilhões de reais . Ambas as projeções seguem abaixo dos números calculados pelo governo, de déficit de 871 bilhões de reais neste ano e de 233,6 bilhões de reais para 2021. A expectativa do mercado agora é que a dívida bruta do governo feche este ano em 94,5% do PIB, ampliando para 95,7% do PIB em 2021. Faz 2 meses, até agosto, o governo central acumulou déficit de 601,283 bilhões de reais em suas contas, excluindo as despesas com juros, em o ano. A dívida bruta ficou em 88,8% do PIB, nível recorde.

– O mercado aumentou a expectativa para a inflação em 2020 a nível próximo ao platô mínimo da pausa da meta do Banco Central e ampliou também a projeção para a inflação do ano que vem, mostrou o relatório Focus divulgado nesta segunda-feira. A mediana das projeções colhidas pelo BC junto a cerca de 100 instituições assinala agora para um IPCA de 2,47% este ano e de 3,02% em 2021. Na semana passada, as estimativas eram de 2,12% e 3,00%, respectivamente. A meta central para os dois fases é de 4% e 3,75%, com uma margem de tolerância de 1,5 ponto para mais ou para menos. Os novos ajustes das projeções ocorrem depois de o IBGE ter mostrado, na semana passada, que o IPCA teve em setembro a maior alta para o mês em 17 anos, impulsionado pela ampliação dos alimentos. O BC já havia declarado que esperava essa ampliação e avaliou que ele não infectaria a inflação do próximo ano. Os economistas também aumentaram a projeção para a taxa de cotação no final deste ano para 5,30 reais por dólar, sobre 5,25 reais na semana anterior. Para 2021, a aposta agora é que o dólar chegue ao final do ano valendo 5,10 reais, acima dos 5,00 reais calculados há uma semana. Para a Selic, os investidores seguem calculando que conservará-se a taxa básica em %2 até o final deste ano e conclua 2021 em 2,50%.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Analistas aumentam projeção para rombo primário em 2020, mostra relatório Prisma
>>>>>Mercado eleva projeções para inflação em 2020 e 2021, vê câmbio mais desvalorizado – October 13, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Com avanço da inflação, poupança tem maior perda de rentabilidade desde 2016 – October 09, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Pressionada por alimentos, inflação acelera e fica em 0,64% em setembro, maior alta para o mês desde 2003 – October 09, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Reagendamento de perícias do INSS já está disponível no aplicativo; Veja o passo a passo – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>IPCA sobe 0,64% em setembro, maior alta para o mês desde 2003, diz IBGE – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Inflação dos alimentos afasta clientes e derruba consumo nos supermercados em agosto – October 08, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>FMI diz que países precisam adotar economia verde para assegurar futuro do planeta – October 07, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Preço das passagens de ônibus para o feriado está até 60% mais barato – October 07, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Lojas com estoques à mostra e grandes prateleiras podem ser risco ao consumidor – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>IPCA tem maior alta para setembro em 17 anos pressionado por alimentos, diz IBGE – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>BofA descarta corte adicional na Selic neste ano após divulgação de IPCA – October 09, 2020 (EntretenimientoBit)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 80 0 NONE 6 (tacit) eu: 6
2 BC 35 0 ORGANIZATION 4 o BC: 1, O BC: 1, (tacit) ele/ela (referent: O BC): 1, ele (referent: O BC): 1
3 projeção 0 90 NONE 3 a projeção: 3
4 reais 240 0 NONE 3 5,10 reais: 1, 5,30 reais: 1, 5,25 reais: 1
5 o PIB 0 0 OTHER 3 o PIB: 3
6 expectativa 100 0 NONE 2 A nova expectativa: 1, a expectativa: 1
7 déficit 80 0 PERSON 2 déficit de 601,283_bilhões de reais: 1, déficit primário: 1
8 Selic 0 0 ORGANIZATION 2 (tacit) ele/ela (referent: a Selic): 1, a Selic: 1
9 dólar 0 0 NONE 2 o dólar: 1, dólar: 1
10 esta 0 0 NONE 2 esta: 2