Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Evomorales

Os bolivianos começaram a votar neste domingo em um cenário de profundo antagonismo entre esquerda e direita, que disputam o governo de um país afligido pela pobreza e por temores de convulsões sociais.

A capital administrativa La Paz é uma cidade dividida radicalmente por classe e raça. Os mais ricos e mais brancos moram na parte inferior, fundada por espanhóis em uma altitude na qual o oxigênio é mais abundante e a temperatura é mais alta. Quanto mais se sobe, mais pobreza se vê.

Na sexta-feira 09 de outubro a disputa entre os dois principais candidatos presidenciais bolivianos estava acirrada, mostrou uma pesquisa de opinião divulgada na sexta-feira, embora muitos eleitores tenham alegado que ainda estavam indecisos a pouco mais de umda eleição.

O esquerdista Luis Arce, aliado do líder indígena Evo Morales, chega nas pesquisas com estreito benefício sobre Carlos Mesa que nos últimos anos se inclinou para o centro político a fim de ganhar mais suporte. Carlos Mesa é ex-presidente ligado na direita de Bolivia.

Faz 14 anos, foi presidente boliviano por três mandatos consecutivos a 2019.

Analistas preveem uma «governança frágil» nos próximos cinco anos, já que nem o Movimento pelo Socialismo nem a Comunidade Cidadã , de centro, alcançariam a maioria absoluta. Com isso, o futuro presidente conduziria sem controlar o Parlamento.

Analista Carlos Valverde isse: «As votações de 18 de outubro seriam as votações mais importantes desde o regresso à democracia , porque ou o partido do ex-presidente Morales segue ou ciniciaum processo de desmantelamento do poder masista «,.A eleição deste domingo é uma repetição das votações de outubro de 2019, invalidadas por uma suposta fraude atribuída ao ex-presidente Evo Morales, que então pretendia estender seu mandato até 2025.

Esse evento gerou violentos protestos que culminaram com a renúncia do líder esquerdista, asilado hoje na Argentina. A discórdia latente e a fragmentação social na Bolívia se refletem nas pesquisas, que preveem um segundo turno eleitoral.

As falas de ambos os candidatos alimentaram incerteza, segundo o analista Carlos Börth. Com a experiência de 2019, muitos bolivianos optaram por fazer previsões e estocar alimentos para resistir a um eventual cenário de protestos nas cidades e bloqueios de estradas.

Nos últimos dias, os mercados das principais cidades do país ficaram lotados por milhares de pessoas, e foram registradas longas filas de veículos em busca de combustível.

Muitos, porém, desejam simplesmente evitar o derramamento de sangue do ano passado, quando ao menos 30 pessoas foram mortas.

O embaixador da União Europeia na Bolívia, Michael Doczy declarou: «Há muita preocupação com um possível surto de violência após as votações».

A União Europeia é uma união económica e política de 27 Estados-membros independentes situados principalmente na Europa.

As urnas vão permanecer abertas até as 17h no horário local , e se esperam os primeiros resultados de a contagem provisória para três horas depois.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Bolivia, Argentina

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Bolívia decide seu futuro em meio a incerteza e temor de mais convulsão social
>>>>>Bolivianos rejeitam violência às vésperas de eleição tensa e dizem ‘chega de sangue’ – October 16, 2020 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 direita 0 0 NONE 4 direita: 2, a direita boliviana: 2
2 eleições 0 0 NONE 4 A votação: 1, As eleições: 1, as eleições mais importantes: 1, as eleições: 1
3 La_Paz 115 0 PLACE 3 (tacit) ele/ela (referent: La_Paz): 2, La_Paz: 1
4 Evo Morales 75 0 PERSON 3 o ex-presidente Evo_Morales: 2, Evo_Morales: 1
5 pesquisas 0 0 NONE 3 as pesquisas: 3
6 protestos 0 300 NONE 2 violentos protestos: 2
7 pobreza 0 140 NONE 2 mais pobreza: 1, a pobreza: 1
8 bolivianos 90 0 NONE 2 muitos bolivianos: 1, Os bolivianos: 1
9 a Bolívia 0 0 PLACE 2 a Bolívia: 2
10 altitude 0 0 NONE 2 uma altitude: 2