Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Senador Ciro Nogueira foto oficial 2

Ciro Nogueira alegou nesta terça-feira que a chamada terceira via «poderia até ter uma viabilidade» se houvesse uma união entre os candidatos Ciro Nogueira é o ministro da Casa Civil., mas declarou que devido à «fragmentação» nesse campo não vê «nenhuma pchance do presidente Jair Bolsonaro e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não estarem no segundo turno das evotaçõespresidenciais.

Os principais nomes postos ao Planalto enfrentam, em maior ou menor grau, este conflito interno. Pelo protagonismo na política nacional e posição nas pesquisas de intenção de votos, Jair Bolsonaro e Luiz Inácio Lula da Silva devem ter menos obstáculos internos para uma campanha rica, mas mesmo nessas siglas já há previsão de divergência.

Na terça-feira 28 de dezembro a menos de um ano das votações, os pré-candidatos à Presidência da República mais bem colocados em pesquisas recentes e que não e exerciamcargos públicos t têminvestido no impulsionamento de conteúdo nas redes sociais como fmaneirade se mconservarem evidência. De olho em uma base digital orgânica para a campanha de 2022, os partidos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e dos ex-ministros Ciro Gomes e Sergio Moro gastaram ao menos R$ 115 mil nos últimos 90 dias em posts patrocionados nas plataformas.

Ciro Nogueira Lima Filho é um advogado, empresário e político brasileiro, filiado ao Progressistas, do qual é presidente nacional licenciado.

Jair Messias Bolsonaro Gomm é um capitão reformado, político e atual presidente brasileiro, filiado ao Partido Liberal .

A terceira via reúne candidatos que recusam tanto Lula quanto Bolsonaro, nomes que lideram todas as pesquisas de intenção de votos. Estão nesse grupo Sergio Moro , Ciro Gomes , João Doria e Simone Tebet , entre outros pré-candidatos.

— São duas candidaturas já consolidadas, isso dá um certo desespero de candidaturas que não estão se viabilizando para tentar essa situação da terceira via. Terceira via poderia até ter uma viabilidade no nosso país se houvesse uma união, mas com essa fragmentação que ocorre hoje e com dois candidatos que têm um piso de um terço do eleitorado, não vejo chance nenhuma de não termos Jair Bolsonaro e o ex-presidente Lula no segundo turno — declarou Nogueira, em entrevista à Jovem Pan News.

— O deputado federal Paulinho da Força ofereceu nesta segunda-feira o Solidariedade como plano B para o ex-governador Geraldo Alckmin se filiar e formar uma possível chapa como vice do ex-presidente Lula nas votações à Presidência da República. Alckmin também tem conversado com o PSB de Márcio França, que debate formar uma federação com o PT. A formalização da coalizão depende, porém, de acordos para as disputas estaduais e o maior entrave hoje é em São Paulo. França pretende concorrer a governador de São Paulo, posição que já ocupou em 2018, mas o PT deseja arremessar o ex-prefeito Fernando Haddad. — Declarou a ele que o Solidariedade pode ser um plano B. Ele não precisaria estar no meio dessa confusão partidária, já que o PT não vai abrir mão da candidatura do Haddad em São Paulo — declarou Paulinho ao GLOBO, após se encontrar com Alckmin pela manhã numa padaria da zona sul de São Paulo. O deputado contou que Alckmin tratou na conversa sobre o cenário das próximas votações nacionais e provou descrença na viabilidade de uma terceira via. — Falamos das candidaturas que estão postas hoje e ele consentiu comigo que a terceira via não tem como se viabilizar — contou Paulinho. Embora Alckmin seja conhecido como um político que não costuma revelar suas estratégias, Paulinho declarou que ficou supreso com a disposição do ex-governador de falar de assuntos nacionais, como crescimento econômico e desemprego. Segundo ele, Alckmin segue sem revelar a qual partido vai se filiar e se de fato pretende mesmo ser vice de Lula. No entanto, o ex-governador teria deixado uma pista — Declarou a ele que se fosse vice, o Lula venceria as votações no primeiro turno. Ele não respondeu, mas sorriu.O presidente Jair Bolsonaro diminuiu nesta segunda-feira as críticas que padece por sua filiação ao PL, partido que inclui o Centrão. O presidente, que durante sua campanha à Presidência fez críticas ao grupo de legendas, ddeclarouque é «um cara do Centrão».

Na mesma entrevista, o ministro alegou que o companheiro de chapa na campanha à reeleição de Bolsonaro precisa ser alguém de «extrema-confiança»:

Na sua vez, o crescimento do fundo eleitoral aprovado pelo Congresso — para R$ 4,9 bilhões neste ano, 192% a mais que nas votações passadas — atendeu à vontade dos partidos, e ao mesmo tempo faz detonar a segunda etapa da disputa por recursos: a briga pelo rateio interno do dinheiro. Nas legendas que vão ter nome ao Planalto, a pressão sobre o comando das siglas costuma opor os presidenciáveis às bancadas parlamentares, interessadas em primeiro lugar na própria reeleição.

— Eu defendo que a pessoa que seja selecionada pelo presidente, seja uma pessoa de extrema-confiança, que dê tranquilidade para o presidente e não seja uma pessoa que venha trazer insegurança e conflitos no futuro governo.

— Esses nomes que você mencionou são grandes nomes. Mas até hoje o presidente em momento nenhum ou fez algum convite ou fez sondagem, acho que essa escolha nós iremos fazer lá para o mês de abril.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Ciro Nogueira alega que terceira via poderia ter possibilidade se houvesse ‘união’ de candidatos
>>>>>Partidos já têm disputa interna entre parlamentares e presidenciáveis por verbas eleitorais – January 10, 2022 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Sem cargos públicos, Lula, Ciro, Moro e presidentes de partidos ganham em média R$ 20 mil por mês; veja os salários – January 06, 2022 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Bolsonaro aposta em marcas do PT para atrair eleitorado de baixa renda – January 05, 2022 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Paulinho da Força oferece plano B a Alckmin e diz que ele não acredita em terceira via – (Extraoglobo-pt)
>>>>>’Vocês votaram num cara do Centrão’, diz Bolsonaro sobre críticas por ingresso no PL – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Geraldo Alckmin 0 0 PERSON 9 Alckmin: 4, ele (referent: Alckmin): 2, o ex-governador Geraldo_Alckmin: 1, (tacit) ele/ela (referent: Alckmin): 2
2 eu 40 0 NONE 8 (tacit) eu: 7, Eu: 1
3 nomes 200 0 NONE 6 Os principais nomes postos: 1, grandes nomes: 1, Esses nomes: 2, nomes: 2
4 da Paulinho Força 0 0 PERSON 6 Paulinho: 2, Paulinho_da_Força: 1, ele (referent: Paulinho): 1, (tacit) ele/ela (referent: Paulinho_da_Força): 1, (tacit) ele/ela (referent: Paulinho): 1
5 candidatos 0 0 NONE 5 os candidatos: 1, dois candidatos: 2, candidatos: 2
6 presidente 0 0 NONE 5 O presidente: 2, o presidente: 2, presidente nacional: 1
7 Ciro Nogueira 0 0 PERSON 4 Ciro_Nogueira (apposition: O ministro de a Casa_Civil): 1, Nogueira: 1, (tacit) ele/ela (referent: Ciro_Nogueira): 2
8 PT 0 0 ORGANIZATION 4 (tacit) ele/ela (referent: o PT): 1, ele (referent: o PT): 2, o PT: 1
9 eleições 0 0 NONE 4 as eleições: 3, as eleições passadas: 1
10 via 0 0 NONE 4 A terceira via: 1, Terceira via: 1, via: 1, a terceira via: 1