Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – BRAlogo1

Uma lista com 16 cidades de vários estados de Brasil tem sido compartilhada nas redes sociais. Mensagens declaram que são os municípios que zeraram mortes e internações por Covid-19 após adoção do tratamento precoce contra a enfermidade. Isso é #FAKE.

16 cidades compõem a lista , sendo a maioria pequenas ou médias. O baixo número de internações e óbitos é, muitas vezes, proporcional ao número de moradores. Faz 1 mês, segundo boletins divulgados por as secretarias de Saúde de essas cidades havia tanto pacientes internados como óbitos registrados em a maioria de elas. Veja, abaixo, os números divulgados pelas secretarias:

Antes que a pandemia registrasse piora no país, algumas delas chegaram a diminuir muito o número de pacientes hospitalizados no início do ano. Foi o caso de Búzios, que não teve pacientes internados nem novos casos registrados no dia 17 de fevereiro. Mas a redução não foi resultado do chamado tratamento precoce.

Segundo o secretário de Saúde Marcelo Amaral, o enfrentamento feito pela secretaria consistia em erguer os casos de estado gripal, fazer triagem rápida de casos de Covid-19 e começar o tratamento nos primeiros dias da infecção. Ao G1, a assessoria de comunicação da prefeitura da cidade informa que «não realiza tratamento precoce, e sim diagnóstico precoce». «Os casos de internação foram muito diminuídos.»

Outra cidade que nega a utilização do chamado «kit Covid» é Taquara. «Taquara tem um centro Covid e nele trabalhamos com diagnóstico e tratamento. Não temos protocolo. Não temos kit Covid. Temos testagem. Anamnese do paciente com equipe de enfermagem e médico e, a partir da testagem, do tempo de sintomas e período da enfermidade, se estabelece a medicação a ser prescrita ao paciente», alega a secretária municipal de Saúde, Ana Maria Rodrigues.

O tratamento precoce ou kit Covid é um cocktail de alguns medicamentos, entre eles hidroxicloroquina, cloroquina, ivermectina e azitromicina, prescritos por alguns médicos para prevenir a infecção por Covid-19 ou tratar casos leves da enfermidade

Os remédios, no entanto, não têm efetividade comprovada para lutar a enfermidade e entidades médicas brasileiras e internacionais rechaçam eles. Faz 3 meses, o Conselho Nacional de Saúde encaminhou uma profissão a o Ministério da Saúde pedindo a revogação de qualquer orientação que incentivasse a utilização de remédios para tratar a Covid-19 sem efetividade comprovada por a Agência Nacional de Vigilância Sanitária,.

A plataforma mostra que houve uma ampliação geral no número de notificações de conseqüência adversos entre 2019 e 2020. No fase, a quantidade de notificações referentes a todos os remédios saiu de 8.587 em 2019 para 19.592 no ano seguinte, um crescimento de 128%. Apesar do crescimento dos dados gerais, a ampliação relacionada a remédios como cloroquina e azitromicina é superior à média.

O Ministério da Saúde, no Brasil, corresponde ao setor governamental culpado pela gestão e manutenção da Saúde pública do país.

O próprio Ministério da Saúde, na nota informativa Nº 17/2020 que estabelece orientações para manuseio medicamentoso precoce de pacientes com diagnóstico da Covid-19, reconhece que «até o momento, não existem evidências científicas robustas que possibilitem a indicação de terapia farmacológica específica para a Covid-19».

Se os bana recentemente, a Associação Médica Brasileira mudou seu parecer sobre os medicamentos e passou a recomendar que . O se o opõe posicionamento a um prévio, de julho de o ano passado, quando a entidade defendeu a «autonomia do médico» ao receitar os remédios.

Juntamente com a Sociedade Brasileira de Infectologia, a associação divulgou uma nota sobre o tratamento. «As melhores evidências científicas provam que nenhuma medicação tem efetividade na prevenção ou no ‘tratamento precoce’ para a Covid-19 até o presente momento. Atualmente, as principais sociedades médicas e organismos internacionais de saúde pública não recomendam o tratamento preventivo ou precoce com remédios, incluindo a Anvisa.»

«Até o presente momento, nós não temos nenhum remédio que comportar-se diretamente sobre o vírus. Não existe remédio para a utilização precoce», declara Leonardo Weissmann, infectologista do clínica Emílio Ribas e professor da Universidade de Ribeirão Preto.

O painel da Anvisa reproduz as notificações recebidas de todo o Brasil sobre conseqüência adversos relativos aa utilização de alguma espécie de remédio. Ele faz parte do VigiMed, um sistema informatizado de notificações implantado em dezembro de 2018 pela agência. Um conseqüência adverso é uma reação imprevista do paciente após receber uma medicação específica. Essas notificações podem ser feitas tanto por companhias, profissionais e serviço de saúde como pelos próprios pacientes. De acordo com a Anvisa, as notificações encarnam “suspeitas” e nem todas se as investigam . Apesar de as notificações estarem associadas a um determinado remédio, ainda de acordo com a agência os conseqüência adversos registrados podem ter relação com outras substâncias.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>É #FAKE mensagem que lista cidades sem morte nem internação por Covid-19 após adoção de tratamento precoce
>>>>>‘Kit Covid’: Reações adversas à cloroquina disparam 558% e Anvisa já registra nove mortes – April 05, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Após primeira reunião do comitê contra a Covid, Bolsonaro volta a atacar lockdown e isolamento – March 31, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Mourão diz que vai se vacinar contra a Covid-19 nesta segunda-feira – March 29, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Covid-19: Após atritos com governadores, Bolsonaro se afasta, e Pacheco assume interlocução – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>’Pô, ultrapassou o limite do bom senso’, diz Mourão sobre número de mortos por Covid-19 – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Lockdown e cloroquina provocam conflito em reunião de Bolsonaro com chefes do Legislativo e Judiciário – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>No mesmo dia que Butantan anuncia nova vacina, governo Bolsonaro corre para divulgar segundo imunizante nacional – March 26, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Após dar posse a novo ministro da Saúde, Bolsonaro fará pronunciamento na TV – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Ao rebater críticas, Bolsonaro diz que ainda não foi convencido a mudar de postura sobre pandemia – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Após tomar posse, Queiroga promete aumentar em três vezes o ritmo da vacinação contra Covid-19 – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Bolsonaro quer embaixador Luis Fernando Serra para lugar de Ernesto no Itamaraty – March 29, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Bolsonaro se reúne com Lira e diz que ‘não tem problema nenhum’ entre eles – March 25, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Insatisfeito, Lira faz discurso duro ao Planalto: ‘Remédios políticos no Parlamento são conhecidos e todos amargos’ – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Pressão sobre Bolsonaro cresce no auge da pandemia. Entenda a crise em quatro pontos – March 25, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Além de Ernesto Araújo, Centrão mira outros ministros e quer reforma ampla – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Ministro Ernesto Araújo decidiu pedir demissão do cargo – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 tratamento 15 275 NONE 5 o tratamento: 1, o tratamento preventivo ou precoce: 1, o tratamento precoce: 1, tratamento precoce: 1, tratamento: 1
2 nós 0 40 NONE 5 nós: 1, (tacit) nós: 4
3 Ministério da Saúde 0 0 ORGANIZATION 5 O próprio Ministério_da_Saúde em a nota informativa Nº 17-2020 de a Covid-19: 1, (tacit) ele/ela (referent: O próprio Ministério_da_Saúde em a nota informativa Nº 17-2020 de a Covid-19): 2, o Ministério_da_Saúde: 1, O Ministério_da_Saúde: 1
4 medicamentos 0 0 NONE 5 os remédios: 1, Os medicamentos: 1, todos os medicamentos: 1, medicamentos: 2
5 medicamento 160 0 NONE 4 um determinado medicamento: 1, nenhum medicamento: 2, medicamento: 1
6 diagnóstico 0 160 NONE 3 diagnóstico precoce: 1, diagnóstico: 2
7 evidências 268 0 NONE 3 As melhores evidências científicas: 1, evidências científicas robustas: 2
8 notificações 14 0 NONE 3 as notificações: 2, Essas notificações: 1
9 efeitos 0 160 NONE 2 os efeitos adversos registrados: 1, efeitos adversos relativos: 1
10 medicação 0 20 NONE 2 nenhuma medicação: 1, a medicação: 1