Por: SentiLecto

Circula pelas redes sociais um vídeo em que um homem lê o trecho de um documento que declara para que seja evitado o sexo sem proteção para não haver a possibilidade de acontecer uma gravidez. Ele afirma que se trata de um alerta feito pela Pfizer para todos que tomam a vacina, sob risco de um feto nascer com má-formação. É #FAK, que trata-se, na verdade, de umapré-requisitoa feita aos voluntários nofaseo de testes da vacina, E. O procedimento é considerado usual, ditado por normas internacionais e publicamente conhecido.

Em nota, a companhia alega que, em qualquer estudo clínico que não calcula a participação de população grávida, há recomendações para prevenção e sexo seguro.

A nota também declara que estudos iniciais de vacinas e remédios, em geral, não incluem grávidas, o que foi o caso da vacina da Pfizer e da BionTEch contra a Covid-19. Se as incluíram em os estudos de período 3 que envolveram mais de 44 mil voluntários não gestantes.

Ainda de acordo com a Pfizer, caso aconteça uma gravidez durante o estudo a gestação é acompanhada até o nascimento do bebê.

Vale realçar que não há qualquer registro de infertilidade, nascimento de crianças com alguma enfermidade ou de problemas relacionados à reprodução entre os voluntários.

O pesquisador da Fiocruz Pernambuco e doutor em biologia molecular Rafael Dhália alega que a indicação de se utilizar técnicas contraceptivos durante um determinado fase em estudos de avaliação de vacinas não é exclusivo para a vacina da Pfizer. Dhália reforça, porém, que depois da aprovação da vacina essa recomendação de risco de segurança reprodutiva deixa de existir.

Atualmente cerca de 9,5% da população de 1,35 bilhão recebeu vacina e o país enfrenta uma queda abrupta no número de doses ministradas. Há problemas de oferta e entrega. Ao menos três estados relatam falta de doses.

Declara: «Isto é uma recomendação genérica para quaisquer estudos de vacinação, que são regulados pelas agências , tomando-se como base diretrizes internacionais, baseadas nas Boas Práticas de Pesquisa Clínica».

Testam-se essas vacinas em etapas posteriores, de acordo com o pesquisador, também em gestantes e lactantes. Ele dá como exemplo os estudos que vêm sendo realizados com êxito pela própria Pfizer e prla Moderna, que provaram excelentes níveis de segurança em mulheres grávidas. Os anticorpos protetores , induzidos os anticorpos protetores induzidos , transferem para o bebê através de transferência passiva , por o leite materno. Testes em bebês também são necessários, antes da indicação de utilização .

O virologista Rômulo Neris, doutorando da Universidade Federal do Rio de Janeiro, alega que muitas pessoas, por escutarem os vocábulos «material genético» ou «RNA», acreditam que isso pode provocar mudança genética humana, o que não é verdade. Ele explica que se armazena nosso código genético em DNA e a vacina é de RNA, duas moléculas completamente diferentes; nem o organismo humano ou o coronavírus conseguem modificar RNA em DNA; e o conteúdo da vacina não fica no nosso corpo por muito tempo. Se encaminha nosso organismo todo RNA mensageiro que é lido em o pra ser arruinado em seguida logo. Por isso, o conteúdo da vacina não tem como permanecer por mais do que alguns poucos dias no corpo.

A Índia chegou à marca de 20 milhões de casos ninformadosde coronavírus na terça-feira e efetivamente vive uma situação caótica, mas não por causa da vacina e, sim, pela falta dela. A alta de infecções sobrecarregou o sistema de saúde do país, que enfrenta problema da falta de oxigênio. Há vítimas que falecem em ambulâncias ou mesmo em carros estacionados do lado de fora das clínicas.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>É #FAKE que Pfizer fez alerta de que vacina contra Covid-19 causa má-formação em fetos
>>>>>É #FAKE que imagens mostrem pessoas caindo nas ruas após tomarem vacina na Índia – May 19, 2021 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 RNA 0 0 ORGANIZATION 4 RNA: 2, Todo RNA mensageiro em o: 2
2 vacina 0 0 NONE 4 vacina: 1, a vacina: 3
3 estudos 80 0 NONE 3 os estudos: 3
4 Rômulo Neris 0 0 PERSON 3 O virologista Rômulo_Neris: 1, (tacit) ele/ela (referent: O virologista Rômulo_Neris): 1, Ele (referent: O virologista Rômulo_Neris): 1
5 estudo 0 0 NONE 3 qualquer estudo clínico: 2, o estudo: 1
6 vítimas 0 120 NONE 2 vítimas: 2
7 vídeo 0 60 NONE 2 um vídeo: 2
8 sexo 80 0 NONE 2 o sexo: 1, sexo seguro: 1
9 A Índia 50 0 PLACE 2 (tacit) ele/ela (referent: A Índia): 1, A Índia: 1
10 DNA 0 0 ORGANIZATION 2 DNA: 2