Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Cathedral-pvh

O governo de Rondônia delatou à Polícia Federal, que não informou a providência que tomou sobre o caso, uma oferta feita pela Davati Medical Supply de 2 milhões de doses da vacina da Janssen ao estado. O Executivo estadual pediu a apuração de eventuais crimes de estelionato, adulteração de documento e adulteração de produto destinado a fins medicinais pela companhia.

Está localizado na região Norte e tem como restrinjas os estados de Mato Grosso a leste, Amazonas a norte, Acre a oeste e a República da Bolívia a oeste e sul.

Luiz Paulo Dominguetti Pereira declarou na Folha de S.Paulo ter recebido uma oferta de propina do então diretor de logística do Ministério da Saúde, Roberto Ferreira Dias. Luiz Paulo Dominguetti Pereira é o vendedor da companhia.A companhia ofereceu 400 milhões de doses de AstraZeneca ao Ministério da Saúde, sem autorização da farmacêutica para a negociação.

O pedido de propina teria acontecido em um restaurante em Brasília em 25 de fevereiro deste ano. Se aprovaram requerimentos para que o restaurante e o shopping onde ele fica assim, também repassem as imagens de as câmeras de segurança. Para completar, a CPI aprovou requerimentos de informação à Davati e ao Ministério da Saúde.Em entrevista ao jornal «Folha de S.Paulo», Luiz Paulo alegou ter recebido o pedido de «adicionar» um dólar por dose por fora para o ministério como condição para o negócio. A proposta teria partido de Roberto, que teve sua exoneração da posição de diretor publicada na edição desta quarta-feira do Diário Oficial da União. Como seriam 200 milhões de doses, a propina chegaria a 200 milhões de dólares, ou seja, cerca de R$ 1 bilhão.- A CPI da Covid recebeu, nesta segunda-feira, Roberto Ferreira Dias o que teria frear uma negociação de vacinas da AstraZeneca com a companhia Davati Medical Supply. Roberto Ferreira Dias é material delatando um suposto pedido de propina pelo diretor do Departamento de Logística do Ministério da Saúde. Leia: PGR pede ao STF para aguardar finalização da CPI antes de decidir pedido de investigação contra Bolsonaro Em entrevista à Folha de S.Paulo publicada na noite desta terça-feira, Luiz Paulo Dominguetti Pereira, que se identifica como representante da ecompanhia aalegater recebido o pedido de «aadicionar US$ 1 por dose por fora para o ministério como condição para o negócio. A CPI quer escutei-lo na próxima sexta-feira, dia 2, segundo o presidente dadelegaçãoo, Omar Aziz . Segundo o senador Alessandro Vieira , a acusação chegou à CPI da Covid nesta segunda-feira. A delegação recebeu conversas de WhatsApp sobre a negociação em torno da vacina. Vieira exibiu um requerimento para convidar Dominguetti à CPI, que deve ser votado nesta quarta-feira, segundo ele. — Já exibi o pedido de convocação urgente . Segundo Vieira, porém, o material mandado à CPI não comprova que houve um pedido de propina. São conversas via WhatsApp mostrando que houve a oferta de vacinas que não foi adiante. Veja também: Ministério da Saúde interrompe contrato para compra da Covaxin Conforme mostrou o GLOBO, se menciona Ferreira Dias de o Centrão, com a atuação de o líder de o governo em a Câmara mencionado em as suspeitas que envolvem a contratação de a Covaxin que se modificou em alvo de inquérito de a CPI da Covid. A Câmara é deputado Ricardo Barros . Procurado, Roberto Ferreira Dias não respondeu ao contato da reportagem. Procurou-se O Ministério da Saúde também e ainda não se posicionou.O Brasil registrou 61.393 novos casos e 1.547 novas mortes por Covid-19 neste sábado, de acordo com o boletim do consórcio dos veículos de jornalismo. Agora, segundo o levantamento, o país conta com 18.384.150 infecções e 512.819 óbitos provocados pela pandemia.

A Davati procurou o governo de Rondônia pedindo que assinasse uma carta de intenção para se credenciar para o pedido junto à farmacêutica, mesmo procedimento que adotou junto ao Ministério da Saúde.

Segundo o governo estadual, a SENAH , mencionada no testemunho de Dominguetti à CPI da Covid nesta quinta-feira, também participou da oferta de 2 milhões de doses da vacina da Janssen.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Governo de Rondônia delatou à PF oferta de vacinas pela ecompanhiade vendedor oescutadona CPI da Covid
>>>>>CPI da Covid convoca empresário que disse ter recebido pedido de propina da Saúde por vacina – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Indicado de Ricardo Barros na Saúde pediu propina para comprar vacina, diz empresário a jornal – June 30, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Rosa Weber irá julgar pedido para que Bolsonaro seja processado por prevaricação – June 28, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Senador aliado diz que Bolsonaro conversou com Pazuello sobre suspeitas na compra de vacina – June 24, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>CPI da Covid começa a delinear equívocos do governo Bolsonaro que levaram à marca de 500 mil mortos – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>MPF identifica indícios de crime em compra de R$ 1,6 bi de vacina indiana Covaxin – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>CPI da Covid convida servidor da Saúde que disse ter sido pressionado para importar a vacina Covaxin – June 23, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Na mira do MPF: enquanto dose da AstraZeneca custa R$ 19, governo pagou R$ 80 pela da Covaxin – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Itamaraty atuou para agilizar aprovação da Covaxin na Anvisa – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Bolsonaro diz não se preocupar com depoimento dos irmãos Miranda à CPI da Covid – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Governo quer afastar Bolsonaro de caso Covaxin e questionar credibilidade de irmãos Miranda – June 25, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Documentos mostram que Ministério da Saúde exigia aprovação da Covaxin na Anvisa, mas em pouco tempo mudou de ideia – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Servidores da Saúde denunciam pressões, ligações e e-mails para favorecer empresa do mesmo dono da representante da Covaxin – June 25, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Brasil registra 1.547 mortes por Covid-19 em 24 horas; total chega a 512.819 – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 0 0 NONE 6 (tacit) eu: 6
2 Ministério da Saúde 0 0 ORGANIZATION 5 (tacit) ele/ela (referent: O Ministério_da_Saúde): 1, Ministério_da_Saúde: 1, o Ministério_da_Saúde: 2, O Ministério_da_Saúde: 1
3 Alessandro Vieira 0 15 PERSON 4 Vieira: 2, (tacit) ele/ela (referent: Vieira): 1, o senador Alessandro_Vieira: 1
4 CPI 0 0 ORGANIZATION 4 A CPI quer segundo o presidente de a comissão Omar_Aziz: 1, a CPI: 3
5 CPI da Covid 0 0 ORGANIZATION 4 a CPI_da_Covid: 2, (tacit) ele/ela (referent: A CPI_da_Covid): 1, A CPI_da_Covid: 1
6 Luiz Paulo Dominguetti Pereira 0 0 PERSON 4 Luiz_Paulo_Dominguetti_Pereira: 2, Luiz_Paulo: 1, Luiz_Paulo_Dominguetti_Pereira (apposition: O vendedor de a empresa): 1
7 esta 0 0 NONE 4 esta: 4
8 Davati 0 0 ORGANIZATION 3 a Davati: 1, A Davati: 1, (tacit) ele/ela (referent: A Davati): 1
9 O Executivo estadual 0 0 PERSON 3 (tacit) ele/ela (referent: O Executivo estadual): 2, O Executivo estadual: 1
10 Roberto Ferreira Dias 0 0 PERSON 3 Ferreira_Dias: 1, Roberto_Ferreira_Dias (apposition: material): 1, Roberto_Ferreira_Dias: 1