Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Jair e Michelle Bolsonaro com a filha Laura em 7 de setembro de 2019

O quadro das intenções de voto para a presidência nas votações de 2022 continua favorável ao ex-presidente Lula, que o petista lidera em todos os cenários, em primeiro e segundo turnos, , segundo nova pesquisa da Genial/Quaest, companhia de inteligência de dados que faz análise de redes sociais e pesquisas de opinião pública. Já o presidente Jair Bolsonaro permanece em segundo lugar, mas se o derrota em qualquer situação de segundo turno.

Jair Messias Bolsonaro Gomm é um capitão reformado, político e atual presidente brasileiro, filiado ao Partido Liberal .

A pesquisa animada exibiu quatro cenários eleitorais. Em nenhum deles, no entanto, Lula vence em primeiro turno. Sua performance é melhor sem a presença do ex-juiz Sergio Moro na disputa, embora a variação do petista seja pequena: vai de 46% dos votos válidos, em seu pior cenário, até 48%, no melhor. Quando levou, bolsonaro também teve melhor performance -se seu ex-ministro de a Justiça não em conta.

— O presidente Jair Bolsonaro voltou a agredi o ex-ministro Sergio Moro nesta segunda-feira. Depois de passar seis minutos criticando Moro na transmissão que fez em suas redes sociais na última quinta-feira, o presidente voltou a criticar o ex-juiz para apoiadores nesta segunda-feira no Palácio da Alvorada. O GLOBO revelou na última sexta-feira que, com a entrada de Moro na disputa presidencial, o presidente Bolsonaro e seus aliados selecionaram o ex-ministro como alvo preferencial, com o temor de que Moro consiga roubar alguns dos eleitores de Bolsonaro. Na conversa com apoiadores, Bolsonaro ironizou o slogan usado por Moro, «povo acima de tudo». Segundo o presidente, seria uma cópia da frase que popularizou na campanha de 2018, «Brasil acima de tudo, Deus acima de todos». — Para copiar o meu, ele botou «o povo acima de tudo». Esse não suporta 10 segundos de discussão — declarou Bolsonaro. O presidente criticou ainda o ex-ministro por causa de sua declaração de que poderia ter atuado mais contra as regras do governo que flexibilizaram a posse e o porte de arma. — O Lula falou que recolherá as armas. O Moro também falou que ele podia ser mais rígido, me peitar mais durante a questão das portarias de armamento dele. Como que o cara aceita trabalhar comigo sabendo que eu sou armamentista? Tinha que ter personalidade. Era só falar: ‘Não me interessa trabalhar porque sou de esquerda’ — alegou. Na transmissão feita nas suas redes sociais na última quinta-feira, o presidente passou seis minutos contínuos criticando Moro e chegou a chamar o ex-juiz de «mentiroso deslavado». Moro arremessou um livro em que alegou que Bolsonaro teria comemorado a resolução que soltou o ex-presidente Lula porque isso o beneficiaria politicamente. Em conversas reservadas, o presidente tem reconhecido que o seu ex-ministro da Justiça e Segurança Pública pode lhe tirar votos valiosos durante as votações em 2022. Bolsonaro, segundo o relato de pessoas próximas, declara que prefere acreditar que a repercussão em volta da pré-candidatura do ex-juiz da Operação Lava-Jato é o conseqüência natural da novidade de sua entrada na política e ainda aposta no arrefecimento da pré-campanha de Moro, que tem que ser alvo de ataques constantes do presidente.

Na quarta-feira 10 de novembro uma nova pesquisa da Quaest sobre as intenções de voto para as votações de 2022, divulgada nesta quarta-feira, assinalava que o ex-presidente Lula seguia na liderança em todos os cenários, com o o presidente Jair Bolsonaro em segundo lugar. Sergio Moro, que se filiava ao Podemos, despontava como nome forte entre as outras candidaturas, tecnicamente empatado com Ciro Gomes .

Sergio Fernando Moro GCRB • GOMM • Dmjm é um político brasileiro, filiado ao Podemos, jurista, ex-magistrado.

No cenário com sete pré-candidatos, Lula teria 46% dos votos; Bolsonaro, 23%; Sergio Moro viria em terceiro, com 10%; Ciro Gomes, na quarta posição, com 5%; João Doria , com 2%; e Rodrigo Pacheco e Felipe D’Ávila empatados com 1%. O número de brancos e nulos é de 7% e o de indecisos, 5%.

Ao mesmo tempo em que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva negocia uma possível chapa com o ex-governador Geraldo Alckmin , os outros pré-candidatos à Presidência também buscam quem seria o vice ideal. No cálculo, entram questões como a estrutura partidária do parceiro de chapa, que pode garantir tempo de TV e recursos do fundo eleitoral, e o pedido em determinadas regiões ou grupos em que o titular tenha obstáculo.Após o ex-ministro da Justiça Sergio Moro divulgar uma entrevista onde fala sobre suas propostas como possível candidato à Presidência nas redes sociais, a deputada Carla Zambelli provoca o ex-aliado e questiona qual é o verdadeiro perfil do ex-juiz que se filiou recentemente ao podemos e deve se larremessarpré-candidato à Presidência da República. No Twitter, o ex-ministro da Justiça escreveu que no projeto dele e do Podemos, «as pessoas vão estar em primeiro lugar, as pessoas vão estar acima de tudo”, em referência ao slogan de Bolsonaro «Brasil acima de tudo, Deus acima de todos». E a deputada respondeu:

Em um cenário sem a presença de Doria, Pacheco e D’Ávila, Lula segue na liderança com 47% das intenções de voto, seguido por Bolsonaro, com 24%. Enquanto Ciro vem em seguida, sergio Moro aparece com 11% , com 7%.

Em um terceiro cenário, sem Doria, Moro e D’Ávila, Lula tem sua melhor performance, com 48% dos votos. Bolsonaro também aumenta, chegando aos 27%. Ciro aparece com 8%, e Pacheco, com 2%, completam a lista.

Já no último quadro sem Moro, Pacheco e D’Ávila, Lula tem 47% das intenções de votos, seguido por Bolsonaro, com 27%; Ciro Gomes, com 7%; e João Doria, com 5%.

Nas simulações de segundo turno, Lula vence em todos os cenários: 55% dos votos contra 31% de Bolsonaro; 53% contra 29% de Sergio Moro; 54% contra 21% de Ciro Gomes; 57% contra 14% de João Doria; e 58% contra 13% de Rodrigo Pacheco.

Mesmo sem a presença do petista, Bolsonaro também seria derrotado nos cenários erguidos pela pesquisa. Ele aparece com 31% das intenções de voto contra 34% de Sergio Moro, e com 34%, contra 39% de Ciro Gomes.

O levantamento foi feito presencialmente entre os dias 2 e 5 de dezembro, com 2.037 entrevistas em 120 municípios nos 26 estados e no Distrito Federal. O nível de confiança da pesquisa é de 95%, e a margem de erro, de 2 pontos percentuais, para cima ou para baixo. O estudo que vem monitorando a avaliação do governo desde julho foi feito pela Quaest.

Faz 1 mês, a reprovação a o governo Bolsonaro caiu de %56 para %50, em este mês. Esta foi a primeira queda desde julho, quando o índice era de 45%. A aprovação oscilou de 19%, no último mês, para 21% desta vez.

Na contramão do cenário nacional, porém, o Nordeste foi a única região que registrou ampliação na reprovação ao governo. Faz 1 mês, oscilou de %60 para %61, em este mês. A aprovação entre os nordestinos também oscilou negativamente: de 16% para 14% no mesmo fase. A região em que o governo Bolsonaro mais progrediu foi o Sul do Brasil. Lá, sua reprovação saiu de 54%, no último mês, para 40%, em dezembro. A aprovação ampliou sete pontos percentuais: de 19% para 26%, no mesmo fase.

A principal deficiência do governo, segundo a pesquisa, está na guerrazinha à inflação, já que 70% dos entrevistados avaliam negativamente a postura de Bolsonaro sobre o atema Além disso, 41% veem a Economia como o principal problema do país. Em novembro, porém, esse índice era de 48%.

Dentre os fatores econômicos, 18% veem o desemprego como o pior item, seguido pelo crescimento econômico e pela inflação .

Reconhece-se o ex-juiz Sergio Moro mesmo em terceiro lugar em as intenções de voto para o primeiro turno em 2022, não por %13 de os entrevistados. A maioria, 61%, o conhece, mas não votaria nele para a Presidência. Segundo a pesquisa, 19% conhecem e poderiam votar no ex-juiz, enquanto 6% o conhecem e votariam nele.

Conhece-se O ex-ministro Ciro Gomes não por %18 e %55 o conhecem, mas não votariam nele, enquanto %22 conhecem e poderiam votar. Convictos, estão 4%, que conhecem o pedetista e votariam nele.

Reconhece-se João Doria outro candidato de a chamada » terceira via «, não por %24 de os eleitores e %59 o conhecem, mas não votariam nele. João Doria é o governador de São Paulo.

Rodrigo Pacheco e Felipe D’Ávila são os mais desconhecidos pelos eleitores. Reconheceu-se o presidente de o Senado não por %57 de os entrevistados, enquanto D » Ávila não alcançou %74.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Pakistan

Cities: Moro

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Lula segue na liderança, seguido por Bolsonaro e Moro, segundo pesquisa Quaest; veja os números
>>>>>Bolsonaro volta a atacar Moro e diz que ex-juiz ‘não aguenta 10 segundos de debate’ – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Moderado, mulher, nordestino, evangélico: pré-candidatos ao Planalto já buscam vice – December 07, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Chapa com Lula e Alckmin sofre resistência de aliados à esquerda do PT – December 03, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Alckmin diz que hipótese de ser vice de Lula ‘caminha’, após ouvir apelo de centrais sindicais – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>As vantagens e desvantagens da parceria Lula e Alckmin – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Candidaturas de Haddad e França são entrave para aliança entre Lula e Alckmin – December 01, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Lula se reúne com lideranças evangélicas e busca reduzir resistências – November 29, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Bolsonaro acusa aliados de tumultuarem escolha de vice para 2022: ‘Quem escolhe sou eu’ – December 07, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Bolsonaro diz que compromisso de levar ao STF um ‘terrivelmente evangélico’ se concretizou – December 02, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Bolsonaro recebe evangélicos para jantar no Palácio da Alvorada – November 30, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Bolsonaro grava vídeo por Andre Mendonça, que será sabatinado na CCJ – November 29, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>‘Alguns extrapolam na Praça dos Três Poderes’, diz Bolsonaro em discurso de filiação ao PL – November 30, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Ligado a Bolsonaro, pastor Silas Malafaia diz que evangélicos darão resposta a Alcolumbre na próxima eleição – November 29, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Michelle Bolsonaro, Damares e parlamentares evangélicos vão ao Senado comemorar aprovação de Mendonça ao STF – December 01, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>’Um passo para um homem, um salto para os evangélicos’, diz Mendonça após aprovação para o STF – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Mendonça vai ao Planalto para dar ‘abraço’ em Bolsonaro, mas descobre que presidente está no Rio – December 02, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Bolsonaro recebe Mendonça e festeja aprovação do novo ministro do STF – December 02, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Acusado por Moro de comemorar soltura de Lula, Bolsonaro ataca: ‘Mentiroso deslavado’ – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Carla Zambelli provoca Moro nas redes sociais: ‘qual deles é você?’ – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Jair Bolsonaro 131 90 PERSON 20 (tacit) ele/ela (referent: O presidente Jair_Bolsonaro): 1, (tacit) ele (referent: o presidente Jair_Bolsonaro): 1, O presidente Jair_Bolsonaro: 1, o governo Bolsonaro: 2, Ele (referent: Bolsonaro): 1, Bolsonaro %23: 1, Bolsonaro segundo o relato de pessoas próximas e: 2, Bolsonaro: 9, o presidente Jair_Bolsonaro: 2
2 Sergio Moro 60 120 PERSON 14 o ex-juiz Sergio_Moro: 1, o ex-ministro Sergio_Moro: 1, (tacit) ele/ela (referent: o ex-juiz Sergio_Moro): 2, Moro: 4, Sergio_Moro: 6
3 eu 9 8 NONE 12 (tacit) eu: 9, me: 2, eu: 1
4 Lula 260 0 PERSON 10 Lula: 6, o ex-presidente Lula: 4
5 Ciro Gomes 0 0 PERSON 9 Ciro_Gomes com %7: 1, Ciro_Gomes em a quarta posição com %5: 1, o (referent: O ex-ministro Ciro_Gomes): 1, O ex-ministro Ciro_Gomes: 1, Ciro_Gomes: 3, Ciro: 2
6 presidente 60 0 NONE 6 o presidente: 4, O presidente: 2
7 cenário 0 90 NONE 5 o cenário nacional: 1, um terceiro cenário: 1, um cenário: 1, seu pior cenário: 1, o cenário: 1
8 votos 50 0 NONE 5 os votos: 3, votos: 1, os votos válidos: 1
9 João Doria 0 0 PERSON 5 João_Doria: 2, João_Doria (apposition: o governador de São_Paulo): 1, João_Doria com %2: 1, o (referent: João_Doria): 1
10 cenários 0 0 NONE 5 os cenários levantados: 1, quatro cenários eleitorais: 1, todos os cenários: 3