Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Manaus-Satelite-2016

Manaus recebeu, na madrugada deste sábado , uma carga de 70 mil metros cúbicos de oxigênio, vinda por meio de balsas da cidade de Belém. Segundo o Governo do Amazonas, a nova remessa tem que garantir a «recomeçada do do equilíbrio do fornecimento da rede de saúde do estado para os próximos dias».

Manaus é um município brasileiro, capital do estado do Amazonas e principal centro financeiro, corporativo e mercantil da Região Norte do Brasil.

Experts: Falta de oxigênio vista em Manaus pode se alastrar pelo país

“Eu tenho um carinho especial por Manaus porque foi uma das primeiras cidades a me dar moral como artista. Jamais me esqueço, me auxiliou a ser o que eu sou hoje”, postou Whindersson.

Ainda neste sábado, a aeronave que buscaria vacinas na Índia levará mais uma carga de oxigênio a Manaus. O voo tem que partir às 14h de Campinas, no interior de São Paulo. Se o informou a quantidade de insumo que será transportado ainda não .

Com ampliação lembre de internações por Covid-19, a rede hospitalar entrou em colapso em Manaus: unidades ficaram superlotadas e, sem oxigênio, pacientes faleceram asfixiados. A procura diária por oxigênio chegou a ser quase três vezes maior do que os provedores locais conseguiam produzir. Na quinta-feira , o déficit diário era de cerca de 48 mil metros cúbicos. O governo ainda não informou qual é a situação do consumo neste sábado.

O que deu errado em Manaus? Veja como a cidade morreu ao coronavírus

Até esta sexta-feira , em todo o estado, mais de 6 mil pessoas faleceram por complicações da Covid-19. Manaus, que registrou 213 enterros somente nesta sexta, voltou a bater o recorde diário de funerais , e

Conforme o governo , a provedora White Martins comprou o oxigênio que chegou em balsas em este sábado e já começou a ser distribuído em as clínicas.

Os governos montaram uma força-tarefa estadual e federal , além de diversos outros órgãos e doadores , para mandar oxigênio para a cidade ao longo da semana. Aviões das Forças Armadas mandaram cilindros de oxigênio para clínicas de Manaus. A capital também recebeu cargas de oxigênio e doações de diversos estados, e artistas, como Whindersson Nunes.

Whindersson Nunes Batista, é um comediante, youtuber, cantor e ator brasileiro, conhecido pelos seus vídeos de humor no YouTube desde 2013.

Entrevista: Manaus é um alerta do que pode ocorrer com o resto brasileiro, declara infectologista da Fiocruz

E SÃO PAULO — A falta de oxigênio nas clínicas em Manaus com a escalada de casos de coronavírus é um alerta para o restante do país, na avaliação de experts. Para eles, há risco de novos equívocos no fornecimento, em especial na Região Norte. O drama registrado na capital do Amazonas reflete a combinação da falta de uma ação planejada com a indústria — que agora se desdobra para aumentar depressa a produção — e uma complicada estrutura de escoamento, que pode levar dias para entregar um produto que precisa ser reposto em personalidade imediata. Industriais da região alegam que as doações se avolumam, mas o oxigênio não chega a tempo. Entrevista: Manaus é um alerta do que pode ocorrer com o resto brasileiro, declara infectologista da Fiocruz Na primeira onda de Covid-19, no ano passado, o consumo de oxigênio era de 30 mil metros cúbicos em Manaus, platô bastante acima do registrado antes da pandemia. Agora, segundo a White Martins, companhia que tem a maior fatia do mercado, a procura já chegou a 70 mil metros cúbicos diários, quase três vezes a habilidade de produção da companhia na cidade. Leia mais: Secretário de Saúde do Amazonas declara que sociedade ‘optou pela contaminação’ A White Martins produz 25 mil metros cúbicos diários e está aumentando esse platô para 28 mil metros cúbicos, além de deslocar oxigênio de outras sete fábricas do país. A companhia recebeu autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária para diminuir provisoriamente o percentual de pureza do oxigênio de 99% para 95%, a que facilitaria o ampliação da produção. Há uma multiplicação de gargalos para fazer chegar o oxigênio de outros estados. Ele pode ser transportado nas maneiras líquida ou gasosa, por embarcação ou aeronave. O transporte, a pouca oferta de tanques de armazenamento para o produto na maneira líquida e o efeito da crise econômica, que diminuiu a produção em cerca de 30% no ano passado, segundo a consultoria R S Santos, são alguns dos entraves. O oxigênio pode ser utilizado tanto para a indústria quanto na medicina. Segundo o consultor Ronaldo S Santos, diante da diminuição no ano passado, não haveria um problema de habilidade para aumentar a produção de oxigênio para as clínicas. Mas cogita que a falta de planejamento público explica o quadro atual: — Teria que ter sido pedido um plano de ação das companhias para abastecimento ao longo do ano passado. Compreenda: O que deu errado em Manaus? Veja como a cidade morreu ao coronavírus Para o professor de Gestão de Cadeia de Suprimentos do Insper Vinícius Picanço, o que está ocorrendo em Manaus, com a nova cepa, pode se repetir em outras localidades com restrições na infraestrutura de transportes, em parte do Nordeste e no interior, o que ressalta o protagonismo do planejamento. — Não dá para declarar que era imprevisível a carência. Por mais que a procura tenha uma conduta exponencial, existem modelos matemáticos para isso. A questão envolve logística e previsão de estoque — declarou. — Houve teve tempo na pandemia de posicionar os estoques de forma adequada, de armazenar insumos em regiões estratégicas. Segundo Jorge Nascimento, presidente da Eletros, associação de produtos eletroeletrônicos, desde a semana passada, as grandes indústrias do estado doaram seus estoques de oxigênio para ser convertido em oxigênio medicinal, utilizado na rede pública de saúde, mas não foi suficiente. Ao menos 20 grandes fabricantes com operações na Zona Franca de Manaus, se dispuseram a auxiliar, segundo ele. Mas, para isso, é preciso que os cilindros voltem para a usina de oxigênio. O produto utilizado na área hospitalar solicita percentual maior de pureza. A partir daí, foi necessário buscar fora do estado. Segundo Nascimento, o grupo de Convergência Empresarial da Amazônia, que reúne empresários do estado, tem reunido doações: — Tarda para chegar. Uma encomenda que saiu de uma fábrica de aço do Maranhão vai tardar no mínimo cinco dias para chegar porque deve fazer parte do trajeto de embarcação. A Força Aérea Brasileira tem operado voos a partir de Guarulhos, mas há restrição de quantidade da produto para transporte por via aérea porque é carga arriscada, nem todinho aviãozinho está ajustada — alegou. Santos realça outros problemas que vão além da demora no transporte, a falta de tanques para transportar o produto no estado líquido: — Não temos grande produção, as companhias importam da Índia e da China. E a maior parte das clínicas recebe esse oxigênio líquido em tanques, já que os cilindros têm volume menor. Muitas companhias têm realocado os tanques da indústria, mas não é rápido. Para os experts, pode haver equívoco na oferta de oxigênio em outras partes do país a depender da ampliação de casos, mas o tempo de reação seria menor do que em Manaus. Segundo Jorge Mathuiy, diretor comercial da MAT, maior produtora de cilindros brasileira, a maior preocupação é com outros estados da Região Norte, onde não há produção local de oxigênio. Ele já se prepara para procura maior: — Estamos ampliando a produção de 22 mil cilindros por mês para 25 mil com um novo turno. Estamos preparados para a ampliação da procura. A White Martins tenta importar oxigênio da Venezuela. Em nota, explica que colocou à disposição o envio de 32 tanques criogênicos que estão em São Paulo aguardando para serem transportados para Manaus. Além disso, seguem rumo ao estado 23 carretas criogênicas . A Fiam declara que o cenário é de caos e que o governo do estado fala em licitar 11 minifábricas de oxigênio para clínicas, segundo Antônio Silva, presidente da entidade. A Fiam é federação das indústrias do estado. segundo Antônio Silva, presidente da entidade. Grandes companhias da setor financeira, consumo e aéreo estão doando equipamentos e cilindros, o maior obstáculo, porém, é fazer a assistência chegar.Whindersson Nunes mobilizou uma grande rede de amigos famosos para doarem juntos cilindros de oxigênio para clínicas em Manaus. Tirullipa entre outros, se dispuseram a contribuir. Tirullipa é tata Werneck.

«Hoje nós temos uma ampliação significativa, extraordinária. Em menos de 15 dias, passamos de 15 mil m³ para 75 mil m³, superando a habilidade que o provedor devia produzir oxigênio», declarou o governador Wilson Lima à GloboNews, nesta sexta.

Uma fila enorme de familiares de doentes que precisam de oxigênio se formou nesta sexta-feira , em frente à White Martins em Manaus. A companhia é a principal provedora do produto na cidade.

Clínicas da capital de Amagasaki não têm o gás, o que fez com que as pessoas tentassem, por conta própria, encher cilindros de oxigênio para auxiliar parentes internados.

Além de Whindersson, o youtuber Felipe Neto mobilizou sua rede para arrecadar doações para Manaus. Ele mencionou a assistência da jornalista Cristina Tardáguila, da atriz Fabiula Nascimento, do apresentador Otaviano Costa, da ex-BBB Thelminha, da cantora Maria Gadú e do ator Bruno Gagliasso, que criticou a ampliação dos valores das cilindros de oxigênio.

Vídeo: Pacientes dividem ala de clínica com mortos por suspeita de Covid-19 em Manaus

Muitas pessoas também buscam o produto por terem familiares, em casa, com outras enfermidades que dificultam a respiração.

O Ministério da Saúde informou, nesta sexta , que comprou cilindros de oxigênio que têm que durar 48h para conservar 61 bebês prematuros em leitos de UTIs em Manaus. Estados já haviam sinalizado oferta de leitos para receber bebês e grávidas que possam ficar sem oxigênio na capital.

Colapso: Secretário de Saúde do Amazonas declara que sociedade ‘optou pela contaminação’

O Governo Federal informou que irá prestar suporte em todo o processo logístico de remoção. Nesta quinta, a Justiça determinou que a União também realiza, imediatamente, a transferência de pacientes que podem falecer pela falta de oxigênio.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: Brazil, India

Cities: Sao Paulo, Manaus, Campinas, Belem

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Manaus recebe 70 mil metros cúbicos de oxigênio vindos de Belém
>>>>>Primeiras doações de Whindersson Nunes chegam a Manaus neste sábado; humorista providenciou até avião – January 16, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Por doação de cilindros para Manaus, Whindersson agradece apoio de famosos – January 15, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Famosos se mobilizam para doar cilindros de oxigênio para hospitais em Manaus – January 15, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Por doação de cilindros para Manaus, Whindersson agradece apoio de famosos e fala de arrecadação – January 15, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Itamaraty negocia com EUA dois aviões para transportar oxigênio a Manaus – January 14, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Governador do AM decreta toque de recolher em meio a aumento de casos de Covid-19 e falta de oxigênio hospitalar – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Governador do AM pede ‘socorro’ e Ministério da Saúde anuncia transferência de pacientes com Covid-19 para outros estados – January 14, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Governador do AM decreta toque de recolher em meio a aumento de casos de Covid-19 – January 14, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Em 9 dias, número de novas internações por Covid em Manaus supera todo o mês de dezembro – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Governo do AM pede oxigênio para empresas do Polo Industrial de Manaus; montadora doa 14 cilindros para hospitais – January 15, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>Falta de oxigênio vista em Manaus pode se alastrar pelo país, dizem especialistas – January 16, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Revezamento de cilindro de oxigênio, maca de ambulância que vira leito e mais de 200 enterros; veja relatos sobre caos em Manaus – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Manaus 50 80 PERSON 20 (tacit) ele/ela (referent: Manaus): 2, Manaus: 18
2 eu 140 2 NONE 15 me: 3, Eu: 1, eu: 1, (tacit) eu: 10
3 oxigênio 0 0 PERSON 8 oxigênio: 8
4 nós 150 25 NONE 7 nós: 1, (tacit) nós: 6
5 Batista Whindersson Nunes 30 0 PERSON 5 Whindersson_Nunes: 1, Whindersson_Nunes_Batista: 1, (tacit) ele/ela (referent: Whindersson_Nunes_Batista): 2, Whindersson: 1
6 White Martins 0 0 ORGANIZATION 5 A White_Martins: 2, a White_Martins: 2, a fornecedora White_Martins: 1
7 oxigênio 0 0 NONE 5 O oxigênio: 1, o oxigênio: 3, esse oxigênio líquido: 1
8 Ronaldo S Santos 0 90 PERSON 4 o consultor Ronaldo_S_Santos: 1, (tacit) ele/ela (referent: o consultor Ronaldo_S_Santos): 3
9 empresa 50 0 NONE 4 empresa: 2, A empresa: 2
10 cidade 0 0 NONE 4 a cidade: 4