Por: SentiLecto

A Organização Mundial de Saúde informou nesta quarta-feira que recebeu dados da vacina contra Covid-19 desenvolvida pela Pfizer e pela BioNTech e a está analisando para «possível listagem para utilização emergencial», um marco para que países autorizem a aplicação em âmbito nacional.

– A Moderna anunciou nesta segunda-feira que vai pedir autorização para utilização emergencial de sua potencial vacina contra Covid-19 nos Estados Unidos e na Europa com base em resultados inteiros de estudos em estágio progredido que mostraram que a vacina tem efetividade de 94,1% sem preocupações graves de segurança. A companhia também relatou que o imunizante teve 100% de êxito na prevenção de casos graves da enfermidade. A informação coloca a Moderna como a segunda companhia que tem que receber autorização para utilização emergencial de sua vacina nos EUA ainda neste ano. «Acreditamos que temos uma vacina que é extremamente eficaz. Agora temos os dados para confirmar isso», declarou Tal Zaks em entrevista por telefone. Tal Zaks é o chefe médico da Moderna. «Esperamos desempenhar um papel importante na virada sobre esta pandemia.» Zaks declarou ter ficado emocionado ao ver o resultado de efetividade de 94,1% no fim de semana: «Foi a primeira vez que eu me permiti chorar. Quando você faz as contas do que significa para a pandemia que está nos devastando, neste nível de efetividade é esmagador». O anúncio da Moderna vem depois de notícias da Pfizer e de sua parceria de Alemania BioNTech de que a candidata a vacina de ambas tem 95% de efetividade. A Pfizer pediu autorização para utilização emergencial nos EUA e está cerca de uma semana à frente da Moderna. Além do pedido nos EUA, a Moderna declarou que também requererá aprovação condicional na Agência Europeia de Medicamentos, que já começou uma análise ininterrupta dos dados.Faz 1 mês, a norte-americana Pfizer e a alemã BioNTech anunciaram o resultado final de os testes com sua vacina, mostrando que sua candidata é %95 eficaz em a prevenção de a Covid-19, sem preocupações de segurança pertinentes, erguendo a perspectiva de uma aprovação em os EUA e em a UE em dezembro.Ao lado da americana Moderna, a coalizão Pfizer/BioNTech é a primeira a submeter oficialmente sua solicitação de comercialização à autoridade sanitária da UE.

No domingo 22 de novembro – Os primeiros norte-americanos poderão receber a vacina contra a Covid-19 já em 11 de dezembro, declarou o pesquisador-chefe do programa de vacinas do governo dos Estados Unidos neste domingo. «Dentro de 24 horas a partir da aprovação a vacina estará em movimento para as áreas onde cada Estado terá nos informado querer as doses», disse o doutor Moncef Slaoui, integrante do programa «Operação Warp Speed», ao programa «Meet the Press» da NBC. Os consultores externos da Administração de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos se reuniriam no dia 10 de dezembro para debater se autorizavam a vacina contra Covid-19 desenvolvida pela Pfizer com sua parceira de Alemania BioNTech para utilização de emergência. A vacina, que solicitava duas doses gerenciar com cerca de três semanas de pausa, provou ser 95% eficaz, sem maiores problemas de segurança. A Pfizer esperava ter doses suficientes para proteger 25 milhões de pessoas até o final do ano. A vacina será distribuída com base na população de cada Estado, disse Slaoui. Cada Estado decidirá quem recebe a vacina primeiro, com a recomendação de que seja dada prioridade aos profissionais de saúde, trabalhadores da linha de frente e idosos que enfrentam os maiores riscos de morrer pelo vírus. Cerca de 70% da população precisa ser imunizada para obtenção da imunidade coletiva, meta que o país pode atingir até maio, declarou ele.

Organização Mundial de Saúde é uma agência especializada em saúde, fundada em 7 de abril de 1948 e subordinada na Organização das Nações Unidas.

Em uma referência à Agência Regulatória de Medicamentos e Saúde do Reino Unido , que mais cedo aprovou a vacina Pfizer/BioNTech, a agência da ONU aalegouem comunicado à Reuters: «A OMS também está em didebatesom a MHRA sobre a pochancee acessar algumas das informações da avaliação que fizeram, o que acagilizaria listagem emergencial pela OMS».

O Reino Unido aprovou a vacina contra a Covid-19 da Pfizer em parceria com a BioNTech, saindo na frente dos Estados Unidos e da União Europeia para se tornar o primeiro país ocidental a formalmente endossar um imunizante, que o governo britânico declarou que começará a chegar para os mais vulneráveis na semana que vem.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United Kingdom, United States

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>OMS analisa vacina Pfizer/BioNTech para possível listagem de emergência
>>>>>Moderna buscará autorização emergencial pata vacina nos EUA e na UE após eficácia de 94,1% – November 30, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Xi parabeniza Biden por vitória na eleição dos EUA – November 25, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Pensilvânia certifica vitória de Biden no Estado na eleição presidencial – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Putin se diz pronto para trabalhar com qualquer líder dos EUA – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Ministro francês diz compartilhar de opinião de Biden sobre ação irresponsável de Trump – November 22, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Equipe de Trump busca recontagem parcial dos votos em Wisconsin – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Suprema Corte da Pensilvânia vai analisar recurso de Trump sobre milhares de votos – November 18, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Trump encara provável revés em contagem na Geórgia e vê chances encolherem – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>EUA ultrapassam 2.000 mortes por Covid em um dia com hospitais lotados – November 25, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Autoridades dos EUA temem aumento adicional de casos de coronavírus nos feriados – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Casa Branca planeja festa de fim de ano, enquanto população é exortada a ficar em casa – November 23, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Após derrota em tribunal da Pensilvânia, Trump enfrenta pressão para reconhecer eleição de Biden – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Biden escolhe cubano-americano Mayorkas como chefe de Segurança Interna dos EUA – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Número de pacientes de Covid-19 hospitalizados nos EUA chega a 90 mil antes de aumento previsto – November 27, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>>>>>Herói de ‘Hotel Ruanda’ diz que foi sequestrado e vendado antes de prisão – November 27, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Pfizer e BioNTech pedem uso emergencial de vacina contra Covid-19 na UE – December 01, 2020 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Anvisa recebe documentos da Pfizer para submissão contínua de vacina contra Covid-19 – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Candidata à vacina da J&J inicia processo de submissão contínua na Anvisa – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Pfizer e BioNTech solicitam uso emergencial de vacina contra Covid-19 à União Europeia – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 vacina 229 20 NONE 9 sua vacina: 1, A vacina: 2, uma vacina: 2, a vacina: 4
2 Pfizer 0 0 ORGANIZATION 9 (tacit) ele/ela (referent: A Pfizer): 1, (tacit) ele/ela (referent: a Pfizer): 2, a Pfizer: 4, A Pfizer: 2
3 nós 0 0 NONE 5 nos: 1, (tacit) nós: 4
4 Organização_Mundial_de_Saúde 70 140 OTHER 4 Organização_Mundial_de_Saúde: 1, (tacit) ele/ela (referent: Organização_Mundial_de_Saúde): 3
5 BioNTech 0 0 ORGANIZATION 4 BioNTech: 2, a BioNTech: 2
6 os EUA 0 0 PLACE 4 os EUA: 4
7 Moderna 0 0 ORGANIZATION 3 a Moderna: 2, A Moderna: 1
8 autorização 0 0 NONE 3 autorização: 3
9 empresa 0 0 NONE 3 a segunda empresa: 2, A empresa: 1
10 eu 0 0 NONE 3 eu: 1, me: 1, (tacit) eu: 1