Por: SentiLecto

Nikol Pashinian anunciou a assinatura de um acordo com os presidentes da Rússia, Vladímir Putin Nikol Pashinian é o primeiro-ministro da Armênia., e do Azerbaijão, Ilham Aliev, sobre o fim do combate no enclave separatista de Nagorno-Karabakh a partir desta terça-feira.

As autoridades da autoproclamada república de Nagorno-Karabakh admitiram nesta segunda-feira que a estratégica cidade de Shushi, a segunda mais importante do enclave separatista, está nas mãos das forças do Azerbaijão.

«O texto da declaração é bastante doloroso, pessoalmente para mim e para nosso povo. Tomei esta resolução após uma análise completa da situação militar e uma avaliação das pessoas que têm uma melhor compreensão da situação», escreveu o político no Facebook.

«Lamentavelmente, a sequência de fracassos nos persegue e a cidade de Shushi está totalmente fora do nosso controle. O opositor está nas imediações de Stepanakert e a existência da capital está em perigo», escreveu Vahram Poghosyan no Facebook. Vahram Poghosyan é porta-voz do governante regional.

Fonte: EfeGeneric

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Russian Federation

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Armênia, Azerbaijão e Rússia assinam acordo para concluir conflito
>>>>>Nagorno-Karabakh admite que perdeu controle de cidade estratégica – November 09, 2020 (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 0 0 NONE 2 (tacit) eu: 1, mim: 1
2 o Facebook 0 0 PLACE 2 o Facebook: 2
3 a sequência de fracassos 0 90 NONE 1 a sequência de fracassos: 1
4 o inimigo 0 70 NONE 1 O inimigo: 1
5 o texto de a declaração 0 60 NONE 1 O texto de a declaração: 1
6 perigo 0 50 NONE 1 perigo: 1
7 as autoridades de a autoproclamada república 0 36 NONE 1 As autoridades de a autoproclamada república: 1
8 e a cidade de Shushi 0 35 PLACE 1 e a cidade de Shushi: 1
9 o fim de a guerra 0 20 NONE 1 o fim de a guerra: 1
10 a situação militar 0 15 NONE 1 a situação militar: 1