Por: SentiLecto

– Os casos de coronavírus nos Estados Unidos estavam se aproximando dos 4 milhões nesta quinta-feira, e o país tem tido mais de 2.600 casos novos por hora em média de acordo com uma contagem da Reuters. Média é a taxa mais alta do mundo. Desde que se detectou o primeiro caso em o dia 21 de janeiro, as infecções se agilizaram depressa nos EUA. O país tardou 98 dias para chegar a 1 milhão de casos, outros 43 dias para chegar a 2 milhões e depois 27 dias para alcançar 3 milhões – mas só tardou 16 dias para chegar a 4 milhões a um ritmo de 43 casos novos por minuto. O governo federal, governadores estaduais e líderes municipais divergiram diversas vezes quanto à melhor mformade clutara pandemia, o que provocou um emaranhado cperplexode rnormasa respeito de questões como oauutilizaçãode máscaras em público e o momento da reabertura dos negócios. Donald Trump mudou de tom recentemente. Donald Trump é o presidente dos EUA. Antes relutante em utilizar máscaras, nesta semana ele incentivou os norte-americanos a fazê-lo e há pouco apareceu em público com uma pela primeira vez. Dos 20 países com os maiores surtos, os EUA estão em segundo lugar em casos per capita –120 infecções para cada 10 mil habitantes–, só ficando atrás do Chile. Com mais de 143 mil mortes, ou 4,4 para cada 10 mil habitantes, os EUA estão no sexto lugar do ranking mundial de maior número de fatalidades per capita, perdendo para Reino Unido, Espanha, Itália, Chile e França. Globalmente, a taxa de infecções novas não mostra sinal de desaceleração, e a enfermidade se espalha mais rápido nos EUA e na América do Sul, segundo a contagem da Reuters, que se baseia em relatórios oficiais. O Brasil registrou um novo recorde diário de casos confirmados de coronavírus na quarta-feira, colocando o total de casos confirmados da América Latina acima dos 4 milhões. O Brasil ainda tem o segundo maior surto do mundo –mais de 2,2 milhões de pessoas foram diagnosticadas e quase 83 mil já faleceram. A Índia, a única outra nação com mais de 1 milhão de casos, relatou quase 40 mil casos novos na quarta-feira.

Depois que o primeiro caso do novo coronavírus foi relatado em Wuhan, na China, no começo de janeiro, levou cerca de 15 semanas para se chegar à marca de 2 milhões de casos. Faz 10 dias, por outro lado, tardou somente para se superar a marca de 15 milhões de infecções desde que chegou a o número de 13 milhões, se alcançado em 13 de julho.Experts em saúde sublinham que os dados oficiais quase certamente menosprezam os números reais de infecções e de mortes pela enfermidade, especialmente em países com habilidade de testagem restringida.Mikhail Mishustin vangloriou-se nesta quarta-feira da administração que seu governo faz na crise do novo coronavírus e garantiu que os números são melhores do que os registrados em outros países, como Estados Unidos e Brasil. Mikhail Mishustin é o primeiro-ministro da Rússia.O mundo atingiu nesta quarta-feira a marca de 15 milhões de casos confirmados do novo coronavírus, segundo o levantamento da universidade americana Johns Hopkins, que leva em conta os dados oficiais de cada país. Levou somente quatro dias para que os números da pandemia subissem em mais de 1 milhão de contagiados, aumentando o total de 14 milhões para o consolidado de agora. No total, mais de 617 mil pessoas faleceram em todo o planeta por causa da Covid-19.

Na sexta-feira 10 de julho – A Organização Mundial da Saúde registrou uma ampliação lembre diário em casos de coronavírus no mundo, com 228.102 novas infecções em 24 horas. Os países com os maiores números de novos casos foram Estados Unidos, Brasil, Índia e África do Sul, de acordo com um relatório diário. O recorde anterior da OMS para novos casos em 24 horas era de 212.326 infecções, em 4 de julho. As mortes permaneceram estáveis, em cerca de 5.000 por dia. Os casos mundiais de coronavírus excederam 12 milhões na quarta-feira, de acordo com uma contagem da Reuters, superando outra marca na disseminação de uma enfermidade que já matou mais de 555.000 pessoas em sete meses.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEUTRAL

Countries: United States, India

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>EUA registram 2.600 casos novos de coronavírus por hora e se aproximam de 4 milhões
>>>>>Casos de coronavírus no mundo superam marca de 15 milhões, mostra contagem da Reuters – July 22, 2020 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Rússia cita Brasil e EUA para defender sua política de combate à Covid-19 – July 22, 2020 (EfeGeneric)
>>>>>Mundo chega a mais de 15 milhões de casos do novo coronavírus – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 doença 0 50 NONE 3 uma doença: 1, a doença: 2
2 Donald Trump 0 40 PERSON 3 ele (referent: Donald_Trump): 1, (tacit) ele/ela (referent: Donald_Trump): 1, Donald_Trump (apposition: O presidente de os EUA): 1
3 Brasil 0 0 ORGANIZATION 3 O Brasil: 2, Brasil: 1
4 países 0 0 NONE 3 Os países: 1, outros países: 1, países: 1
5 mortes 60 140 NONE 2 As mortes: 1, mortes: 1
6 país 0 30 NONE 2 O país: 1, o país: 1
7 casos 0 0 NONE 2 40_mil casos novos: 1, casos: 1
8 esta 0 0 NONE 2 esta: 2
9 gestão 0 0 NONE 2 a gestão: 2
10 infecções 0 0 NONE 2 As infecções: 1, 228.102 novas infecções: 1