Por: SentiLecto

A Organização Mundial da Saúde apelou nesta quarta-feira à responsabilidade individual de todos para evitar novos surtos e o rregressoao confinamento em países que já passaram pelo pior da pandemia da Covid-19, após a confirmação de infecções em boates da Suíça, onde fica a sede da agência.

Este é o menor número de mortes a nível global em semanas.Em comparação com o último trimestre de 2019, a queda é tão elevada que nem mesmo uma recuperação no segundo semestre de 2020, que ainda é considerada «extremamente incerta», seria suficiente para voltar aos níveis de emprego anteriores à crise sanitária, informou a Organização Internacional do Trabalho .Nas últimas 24 horas, foram registradas 163 mil novas infecções, uma ligeira queda em relação aos dias anteriores, enquanto os novos óbitos foram mais de 3,9 mil, número também um pouco menor do que nos dias anteriores.

Na segunda-feira 22 de junho muitos países que tiveram êxito no enfrentamento do coronavírus estavam testemunhando uma ampliação de casos devido a aglomerações religiosas ou de lazer, ou em locais fechados, como clubes noturnos ou dormitórios, declararam autoridades da Organização Mundial da Saúde nesta segunda-feira, desde que relaxaram as limitações.

«Nossa conduta pode facilitar a transmissão. Portanto, cada pessoa olhar para os riscos que corre, saber qual é o nível de transmissão em sua área, controlar seu destino e não depender apenas do que o governo faz», diretor-executivo da OMS para emergências sanitárias, Mike Ryan.

«Cada pessoa sozinha deve gerenciar seus riscos, decidir se voa ou não… todos tomamos resoluções que podem nos levar a viver ou falecer», advertiu o expert de Irlanda, insistindo: «Precisamos estar bem informados para tomar boas resoluções», completou.

A chefe do Departamento de Doenças Emergentes da OMS, Maria Van Kerkhove, advertiu que mesmo em países como a Suíça, que conseguiram suprimi as infecções da comunidade, «pode haver contratempos e novos surtos», então o alerta e as medidas de distanciamento físico de pelo menos um metro devem ser conservados.

«O vírus vê uma chance de se disseminar entre as pessoas em pequenos surtos, de modo que o sistema já existente deve ser utilizado para encontrar depressa novos casos, isolá-los e rastrear quem esteve em contato com eles»,adicionouu.

Os experts divulgaram hoje novos dados de uma missão de inquérito da OMS que vai viajar à China para estudar o coronavírus causador da Covid-19.

Nos próximos dias, um posto progredido de dois experts, um em enfermidades animais e um epidemiologista, vai viajar para se preparar para essa missão, explicou Ryan.

«Esse vírus da gripe porca está sendo investigado pelas autoridades de China desde 2011. Publicações recentes dizem respeito a dados coletados durante todo esse fase», embora também tenha, declarou ele notado que «toda a gripe tem potencial pandêmico», completou. EFE

Em ordem decrescente, pela Rússia, Índia, Reino Unido, Peru, Chile, Espanha, Itália, Irã, México e Paquistão, se os segue . EFE

Fonte: EfeGeneric

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: China

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>OMS pede que cada pessoa se responsabilize para evitar surtos de Covid-19
>>>>>OMS registra queda de casos diários do novo coronavírus – (EfeGeneric)
>>>>>Covid-19 causa perdas equivalentes a 400 milhões de empregos – June 30, 2020 (EfeGeneric)
>>>>>Número de vítimas da Covid-19 no mundo supera marca de 507 mil, diz OMS – (EfeGeneric)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 países 80 0 NONE 3 muitos países: 2, países: 1
2 EFE 0 0 ORGANIZATION 3 (tacit) ele/ela (referent: EFE): 1, EFE: 2
3 decisões 0 0 NONE 2 decisões: 2
4 novos dados de uma missão de investigação de a oms 0 0 NONE 2 novos dados de uma missão de investigação de a OMS: 2
5 nós 0 0 NONE 2 (tacit) nós: 2
6 o menor número de mortes 0 90 NONE 1 o menor número de mortes: 1
7 estudar o coronavírus causador 0 80 NONE 1 estudar o coronavírus causador: 1
8 morrer 0 70 NONE 1 morrer: 1
9 esse vírus de a gripe suína 0 65 NONE 1 Esse vírus de a gripe suína: 1
10 as restrições 0 60 NONE 1 as restrições: 1