Por: SentiLecto

Antes de brigar com o seu filho porque ele não deitará no horário estipulado e cada vez dorme mais tarde, pode auxiliar saber que não é somente desobediência. Na adolescência, a norma de sono padece mudanças por motivos fisiológicos. Estudo publicado na revista “Adolescência e Saúde”, do Núcleo de Estudos de Saúde do Adolescente, que então, embora seja praticamente um consenso que o ideal é adolescentes dormirem pelo menos nove horas por noite, a tarefa não é simples e, de certa maneira, vai contra a natureza deles, . declara: “O adolescente é um ser biologicamente programado para dormir e acordar mais tarde”.

Hormônio modifica hora do sono

A melatonina, também conhecida como hormônio do sono, passa a ter seu pico de evacuação mais tarde, atrasando o sono e empurrando também o despertar para mais tarde. Como as tarefas escolares exigem o contrário , eles têm propensão à sonolência durante o dia.

Luzes das telas

Desacelera-se a produção de a melatonina também com a exibição em a luz, como com a utilização de aparelhos eletrônicos antes de dormir.Antes da pandemia, eram as celebrações, sociais, resenhas. Agora, em quarentena, são os encontros virtuais. A vida social mais intensa dos adolescentes também empurra a hora do sono para mais tarde.

Mas a concepção de adolescência como fase de transição entre a infância e a vida adulta é recente. Se o instituiu de acordo com a psicanalista Luciana Gageiro Coutinho, autora de o livro » Adolescência e errância – destinos de o laço social em o moderno «, só em o fim de o século XIX. Até então, o indivíduo deixava de ser criança entre os 10 e os 14 anos e passava à vida adulta.

O mesmo estudo assinala que o estresse gerado pela adolescência provoca maior secreção de outro hormônio, o cortisol, que diminui o sono REM , amplia o sono superficial e provoca obstáculo em permanecer dormindo. Assim, entre adolescentes, é habitual acordar à noite e ter insônia.

Algumas escolas pelo mundo passaram a começar as aulas dos adolescentes mais tarde por conta das constatações mencionadas acima. De maneira geral, nesses locais, a abstinência escolar caiu, a habilidade de memorização ampliou, e os estudantes exibiram menos mau humor e sonolência.

Como auxiliar o seu filho

– Tentar conservar horários regulares para dormir e acordar. O ideal é negociá-los com os adolescentes.

– Fazer atividade física durante o dia

– Evitar telas pelo menos meia hora antes da hora de deitar e não levá-las para a cama.

– Não dormir com a TV ligada

– Se tiver dormido pouco nas noites anteriores, evitar dormir de dia

Siga-me no Instagram @danieladariano

‘Na adolescência, o suicídio pode ocorrer bastante rápido, sem dar tempo de o jovem ficar deprimido’, declara psiquiatra da UFRJ

No século atual, a adolescência, apesar de ainda ser vista por muita gente como um fase de tormentas, também passou a ser observada em suas potencialidades. A ideia de que é preciso casar para sair da casa dos pais e construir uma nova família se tornou ultrapassada.

Adolescentes levam professores às lágrimas ao abrirem suas câmeras

Sobre pelos e a aceitação do corpo adolescente

Minha filha virou vegetariana na quarentena

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Se programa Adolescente biologicamente para dormir e acordar mais tarde
>>>>>Da invenção da adolescência à criação da adultescência – September 16, 2020 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 sono 0 40 NONE 4 o sono superficial: 1, o sono: 3
2 adolescência 0 0 NONE 4 a adolescência: 4
3 eu 0 0 NONE 4 (tacit) eu: 3, me: 1
4 ideal 205 0 NONE 2 O ideal: 1, o ideal: 1
5 consenso 180 0 NONE 2 um consenso: 2
6 Hormônio 0 0 PERSON 2 Hormônio: 1, o (referent: Hormônio): 1
7 adolescentes 0 0 PERSON 2 Adolescentes: 1, adolescentes: 1
8 cortisol 0 0 ORGANIZATION 2 o cortisol: 2
9 dormir 0 0 NONE 2 dormir: 2
10 estudo 0 0 NONE 2 estudo: 1, estudo publicado: 1