Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Marielle Franco

Documentos encontrados na casa do sargento reformado da PM Ronnie Lessa, réu nos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, acabaram o levando a ser suspeito de outras duas realizações: a do ex-policial André Henrique da Silva Souza, conhecido como André Zóio, e de sua companheira, Juliana Sales de Oliveira. Faz 2 anos, durante a prisão de Lessa em decorrência de o Caso Marielle, foram apreendidos, durante as buscas em a sua casa, pedaços de papel com anotações que o ligam não só em a morte de Zóio, como também o vinculam a o ex-vereador e ex-bombeiro Cristiano Girão Matias.Caso Marielle:, que na matéria completa, tenha acesso aos manuscritos que, para o inquérito, são evidências da ligação entre o PM e Cristiano Girão, Entenda a relação da prisão de Girão com o homicídio da vereadora

Na época da CPI das Milícias, Marielle atuava na salinha de Freixo, dando suporte às famílias de vítimas das milícias. Com o tempo, passou a ser afilhada política do então deputado estadual, se tornando vereadora em 2017. Como Freixo andava cercado de seguranças, seria necessário buscar um alvo com menos resistência. Daí, segundo o inquérito, a escolha pelo nome da parlamentar.se agrediu André Zóio e Juliana em a Gardênia quando o miliciano a levava para o trabalho. Se o matou o casal com 40 tiros dentro de um Honda Civic prata, conduzido por Zóio que foi fechado por uma Fiat Doblo, prata ocupada por três homens, em frente em a sede de a associação de habitantes local.a loja, a polícia satisfez mandado de busca e apreensão. Uma grande quantidade de documentos, além de celulares e computadores foram levados do local.De fato, o artigo 2º do Decreto nº 10.627, de 12 de fevereiro de 2021, determina que quebra-chamas não são mais considerados PCE. Após a publicação dos decretos, a ministra do Supremo Tribunal Federal Rosa Weber deferiu uma liminar para interromper alguns trechos dos decretos. Consideram-se alguns itens como prensas para recargas de munição e miras telescópicas alguns itens que faziam parte de o decreto original, como prensas para recargas de munição e miras telescópicas, ainda PCE, graças a resolução de a ministra. O quebra-chamas, entretanto, não fez parte dos trechos suspensos por Rosa Weber e, portanto, atualmente não são considerados PCE, o que facilitou sua utilização e compra.

Faz 1 mês, a Força-Tarefa do Caso Marielle e Anderson do Ministério Público do Rio e a Delegacia de Homicídios da Capital deduziram os inquéritos que comprovavam a ligação de Cristiano Girão, ex-vereador e ex-chefe de a milícia de Gardênia Azul, em a Zona Oeste do Rio, com o sargento reformado de a PM Ronnie Lessa, em o domingo 18 de julho. Girão teria contratado Lessa para executar o ex-policial André Henrique da Silva Souza, o André Zóio, e sua companheira, Juliana Sales de Oliveira, de 27 anos, crimes acontecidos em 14 de junho de 2014, em razão de uma disputa pelo controle da Gardênia. O vínculo era considerado pela polícia e pelo MPRJ como um passo decisivo na elucidação do Caso Marielle.

Marielle Francisco da Silva, conhecida como Marielle Franco, foi uma socióloga e política brasileira.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Manuscritos ligam Ronnie Lessa ao ex-vereador Girão Ronnie Lessa é preso pela morte de Marielle.
>>>>>Ex-vereador Girão é preso em São Paulo por morte de rival; crime teria sido cometido por Ronnie Lessa, preso pelo homicídio de Marielle Franco – July 30, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Preso por morte de rival, ex-vereador Girão foi monitorado pela polícia para evitar fuga – July 30, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Decreto de Bolsonaro pode beneficiar Ronnie Lessa em processo por tráfico internacional de armas – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 André Zóio 0 0 PERSON 5 (tacit) ele (referent: André_Zóio): 1, André_Zóio: 1, (tacit) ele/ela (referent: André_Zóio): 1, Zóio: 2
2 Marielle Francisco da Silva 0 0 PERSON 5 Caso Marielle: 2, Marielle_Francisco_da_Silva: 1, Marielle_Franco: 1, Marielle: 1
3 PCE 0 0 ORGANIZATION 4 (tacit) ele/ela (referent: PCE): 1, mais considerados PCE: 1, PCE: 2
4 Lessa 0 0 PLACE 3 o (referent: Lessa): 2, Lessa: 1
5 a Força-Tarefa_do_Caso_Marielle e Anderson_do_Ministério_Público_do_Rio 30 0 ORGANIZATION 2 a Força-Tarefa_do_Caso_Marielle e Anderson_do_Ministério_Público_do_Rio: 1, (tacit) eles/elas (referent: a Força-Tarefa_do_Caso_Marielle e Anderson_do_Ministério_Público_do_Rio): 1
6 anotações 0 0 NONE 2 anotações: 2
7 investigação 0 0 NONE 2 a investigação: 2
8 investigações 0 0 NONE 2 as investigações: 2
9 prata 0 0 NONE 2 prata ocupada: 1, prata: 1
10 quebra-chamas 0 0 NONE 2 quebra-chamas: 2