Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Searchtool

Faz 1 dia, a Polícia Civil prendeu terça-feira, dia 6, o homem assinalado como líder de a milícia que atua em as comunidades Terreirão, em o Recreio dos Bandeirantes; Dois irmãos, em Curicica; Gardênia Azul, em Jacarepaguá; e Santa Maria, na Taquara, todas na Zona Oeste do Rio. Wellington de Moraes Silva — conhecido como Munrá ou Tenente — encontraram Wellington de Moraes Silva conhecido como Munrá ou Tenente de a Delegacia de Repressão em as Ações Criminosas Organizadas.De acordo com a polícia, ele estaria no controle destas regiões ao ser selecionado por Wellington da Silva Braga, o Ecko, o miliciano mais procurado do Estado do Rio. A ação para recomeçar a comunidade de Santa Maria, na Taquara, na semana passada, inclusive, teria sido coordenada por Munrá, que portava uma pistola Glock, segundo os inquéritos, que contou com cerca de 40 milicianos.

Em nota, a secretaria de Administração Penitenciária do Rio informou que Toni deu entrada no sistema prisional e está satisfazendo o fase de isolamento em Bangu 1, como todos os presos que regressam de outros estados.De acordo com informações de fontes da Polícia Civil, Toni era antigo aliado de Três Pontes. No entanto, após a morte de Carlinhos, houve desavenças entre Ecko e Thiago Souza de Aguiar, irmão de Toni. Faz 1 ano, assassinou se Thiago três meses após ter saído de a cadeia.

Na quarta-feira 10 de março Narcomilicianos e paramilitares que atuavam em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, região dominada por Wellington da Silva Braga, o Ecko, de 34 anos, eram alvos de uma operação da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais na manhã desta quarta-feira. Ao todos os agentes tentavam satisfazer cinco mandados de prisão. Até as 8h30, quatro homens haviam sido presos.

Curicica é um bairro da Zona Oeste do município do Rio de Janeiro.

Faz 12 anos, ele foi preso em flagrante por receptação de veículo roubado em o bairro de Campinho, em 2009. Assinalou-se Munrá em a época, como principal cobrador de o grupo de milicianos comandado por Francisco César Silva de Oliveira, o Chico Bala, tendo sido preso e condenado a 8 anos de reclusão por os crimes de extorsão e associação criminosa. Durante suas ações, Munrá abordava motoristas de vans armado com uma granada. Ele então retirava o pino do produto, o que levava os motoristas a pagarem pelas taxas de cobranças.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: NEGATIVE

Countries: Brazil

Cities: Santa Maria

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Polícia Civil prende miliciano à frente de grupo que atua em quatro comunidades da Zona Oeste do Rio
>>>>>Miliciano Toni Ângelo volta ao Rio após quase oito anos em presídios federais fora do estado – April 07, 2021 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Munrá 0 0 PERSON 6 Munrá: 4, (tacit) ele/ela (referent: Munrá): 1, Ele (referent: Munrá): 1
2 da Wellington Silva Braga 0 0 PERSON 3 Wellington_da_Silva_Braga: 1, Wellington_de_Moraes_Silva conhecido como Munrá ou Tenente: 1, ele (referent: Wellington_de_Moraes_Silva conhecido como Munrá ou Tenente): 1
3 preso 0 160 NONE 2 preso: 2
4 presos 0 160 NONE 2 presos: 1, todos os presos: 1
5 Curicica 0 80 PLACE 2 Curicica: 1, ele (referent: Curicica): 1
6 Thiago Souza de Aguiar 0 56 PERSON 2 Thiago_Souza_de_Aguiar: 1, Thiago: 1
7 Ações Criminosas Organizadas 0 0 ORGANIZATION 2 as Ações_Criminosas_Organizadas: 2
8 Toni 0 0 PERSON 2 Toni: 2
9 esta 0 0 NONE 2 esta: 2
10 eu 0 0 NONE 2 (tacit) eu: 2