Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Complexo Penitenciário de Gericinó 1

No último domingo, o piloto da Polícia Civil Adonis Lopes de Oliveira tinha agendado levar um casal de Angra dos Reis de volta à cidade do Rio. Realizou-se a viagem em o lugar de um amigo, também piloto, que estava se sentindo mal e não poderia trazer os passageiros que levara horas antes para o sul de o Estado do Rio. No ponto de encontro, os dois homens embarcaram. Já no aviãozinho, eles anunciaram a mudança de planos: um resgate a um detento no Complexo de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio.

O Complexo Penitenciário de Gericinó é um complexo penitenciário situado no bairro de Gericinó, na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro. O Complexo Penitenciário de Gericinó é antigo Complexo Penitenciário de Bangu.

Com pistolas e fuzis em punho, os dois homens exigiram a mudança de rota. Adonis conseguiu frustrar o plano fazendo manobras e desviando a rota, que teve entre os pontos o Batalhão de Bangu, onde fez movimentos bruscos com o helicóptero para chamar a atenção do que ocorria no interior da cabine. O desembarque dos criminosos foi feito no Morro do Caramujo, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio. Se os localizaram ainda não .

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais e tem asuporteda Secretaria de Estado de Administração Penitenciária , que poderá fornecer imagens de câmeras de segurança do complexo e investigar se houve movimentação atípica entre os detentos. Cheque questões sem respostas até o momento:

1. Qual criminoso seria salvado pela dupla?

A Polícia Civil deseja descobrir quem é a ladrinha que seria liberto e escaparia pelo ar. O que se sabe é que o criminoso estaria no Instituto Penal Vicente Piragibe, no Complexo de Gericinó. Em testemunho, Adonis Lopes de Oliveira contou que os sequestradores mostraram uma das unidades prisionais e exigiram que ele seguisse para lá. O Vicente Piragibe é a cadeia que abriga presos da maior facção criminosa. Atualmente, 1.400 detentos satisfazem pena no regime semiaberto, mas nem todos têm autorização para deixar a unidade.

2. Quem é a dupla que sequestrou o piloto?

Os investigadores tentam identificar os dois homens que sequestraram o piloto e tentaram salvar o preso. A identificação poderá ser feita pelas impressões digitais deixadas no aviãozinho. Em testemunho, o comandante do aviãozinho declarou que eles alegavam, durante o voo, que tinham que “salvar o amigo” e que “tudo já estava preparado”. A dupla embarcou em Angra dos Reis e dois minutos depois anunciaram o plano. Com pistolas e fuzis, eles renderam Adonis e exigiram que o piloto seguisse para Bangu. No momento em que eles estavam perto do presídio, houve uma briga, já que o policial civil se rejeitou a pousar. Adonis conta que se o agarrou , teve luta corporal e em seguida ele declara que conseguiu persuadi a dupla a abortar a missão. Posteriormente, a dupla pediu para descer perto do Morro do Caramujo, em Niterói.

— Consegui pensar na resolução que quando chegasse no momento, tomaria . Na minha mente eu pensava: “Para o presídio eu não iria de jeito nenhum”. Só desejava pensar num resultado melhor para mim e para o helicóptero. A intenção era não ir para o presídio — declarou.Faz 2 dias, Adonis foi vítima de sequestro de este domingo, dia 19, por dois homens que teriam contratado um passeio para sobrevoar a Praia dos Ossos em Angra dos Reis,. Na volta, os passageiros ameaçaram o piloto com uma arma e pediram que ele se conduzisse ao »complexo». Por um código, o piloto conseguiu adverti autoridades da aviação de que estava acontecendo uma «interferência injustificada» a bordo. O piloto ainda tentou argumentar com as ladrinhas que se ele pousasse no complexo penitenciário a aviãozinho poderia ser abatida. Seguiu-se um debate, quando o comandante do aviãozinho simulou uma pane e tentou aterrissar no 14º BPM . Todos entraram em luta corporal.— Eu só fui atender um pedido para auxiliar um piloto que tinha adoecido. Não sei o motivo por que as ladrinhas foram parar lá em Angra. Eles estavam em um hotel. O pessoal pediu para pegar um casal lá. Eu declarou que iria sem problemas. Chegando lá, havia dois homens. Eles embarcaram e logo em seguida anunciaram que iriam tentar salvar um preso — recordou Adonis.

Faz 16 dias, a polícia flagou, em a manhã de este domingo, dia 5, duas mulheres que tentavam entrar em o Presídio Elizabeth Sá Rego, em o Complexo de Gericinó, em Bangu, Zona Oeste do Rio, com três invólucros contendo pasta preta, supostamente haxixe, escondidos em suas partes íntimas, em o domingo 05 de setembro.

3. Em qual local do complexo a dupla pretendia pousar?

— Eu sempre pensava qual seria a minha atitude antes de chegar a Bangu. Pensava em parar para frustra aquilo. Por ser bastante próximo do presídio, eu já estava por certo de pousar, jogar o helicóptero lá no campo de futebol. Eu imaginei que aquilo pudesse ser o último voo. Não sei se era ousadia ou falta de noção deles. Tudo isso passa na cabeça — contou.

Ainda não há confirmação, mas a polícia suspeita que os criminosos desejavam descer no Instituto Penal Vicente Piragibe, em Bangu.

4. Se elaborou o plano que estão em o Complexo de Gericinó que não se sabe ainda por detentos, se o plano de escapada foi arquitetado por os presos, ? A Secretaria de Administração Penitenciária alegou que não registrou nenhuma movimentação atípica na cadeia. Entretanto, a pasta determinou que a Corregedoria Interna e a Inteligência apure possíveis planos de escapada e a participação de detentos no planejamento da escapada. Ainda que têm equipes de segurança prontas para intervir em caso de alguma tentativa de escapada ou de invasão, a pasta garante.

5. O governador fala em alguém pago. Seria alguém do sistema penitenciário?

Os dois homens declararam a Adonis que salvariam um preso no Complexo Penitenciário de Gericinó, na Zona Oeste do Rio. Eles mostraram uma fotografia e o piloto acredita que o pouso seria no Instituto Penal Vicente Piragibe, mesma suposição dos investigadores. O governador Cláudio Castro viu a situação com «estranheza». No momento em que o aviãozinho chegou à região, os presos já haviam sido recolhidos às celas. Ele realçou: «Não houve nenhuma movimentação de nenhuma natureza na penitenciária, o que faz até a gente achar que era alguém que foi pago e que achou que teria essa condição». A penitenciária tem, entre os detentos, integrantes da maior facção criminosa do Estado do Rio.

6. As inteligências da Polícia Civil ou da Seap falhou em não interceptar o plano?

As inteligências da Seap e Polícia Civil não tiveram informações sobre o plano de escapada. De acordo com a Seap, não foram identificadas movimentações atípicas nas unidades prisionais do Complexo de Gericinó. A pasta abriu uma investigação interna para apurar qual detento poderia ser beneficiado com o possível resgate e investigará houve movimentação atípica entre os presos. As imagens das câmeras de segurança do complicado serão analisadas. O delegado Allan Turnowski declarou já ter alguns suspeitos e que espera «em breve dar uma resposta». O delegado Allan Turnowski é o secretário de Polícia Civil. A Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas e Inquéritos Especiais , que assumiu o caso, vai cgovernaroaiinvestigaçãosob sigilo.

7. Os criminosos encontraram com alguém no hotel?

Ainda não se sabe se as ladrinhas encontraram comparsas no hotel de opulência no Frade, em Angra dos Reis. O que se sabe até agora é que a dupla ficaria hospedada no local de domingo para segunda-feira. No entanto, os homens decidiram voltar horas depois do check-in. Sabe-se também que ambos pagaram cerca de R$ 3 mil no estabelecimento. Os investigadores vão requerer câmeras de segurança do hotel no Frade para descobrir se as ladrinhas tiveram contato com outras pessoas.

8. Por que as ladrinhas anteciparam a volta de Angra? Isso já estava planejado?

A polícia ainda tenta elucidar se já estava nos planos dos criminosos regressar para o Rio no próprio domingo ou se houve alguma mudança. Os criminosos alugaram o aviãozinho com a desculpa de passarem o domingo e a segunda-feira em Angra dos Reis. Ainda não se sabe o que os levou a antecipar voltar no domingo mesmo. Nesse dia o piloto que fez a viagem de ida pediu a Adonis que trouxesse os passageiros de volta ao Rio, declarando que estava se sentindo mal. No trajeto de volta as ladrinhas o renderam de pistola e em seguida com fuzis, além de cobrirem a facezinha com capuz. Eles então passaram a selecionar o itinerário, desviando a rota para Bangu.

A polícia ainda não elucidou totalmente o motivo da ida para essa cidade. O que já se sabe é que a quadrilha tinha procurado o táxi aéreo para um casal que passaria o domingo em Angra, voltando na segunda-feira. No entanto, quem apareceu para o voo foram os dois homens, e o regresso acabou “antecipado”. Ainda não se sabe se houve contratempos que levaram a dupla a partir para a cadeia no mesmo dia.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

Countries: Brazil

Cities: Niteroi, Angra Dos Reis

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Tentativa de resgate de preso com helicóptero tem questões sem respostas; cheque
>>>>>‘A intenção era não ir para o presídio’, conta piloto sequestrado que frustrou resgate de bandido no Complexo de Bangu de helicóptero – September 20, 2021 (EntretenimientoBit)
>>>>>>>>>Piloto é sequestrado por passageiros que queriam resgatar bandido no Complexo de Bangu – September 19, 2021 (Extraoglobo-pt)
>>>>>’Deu ruim aqui, o piloto aloprou’, disse um dos sequestadores que tentou resgatar comparsa no Gericinó – (Extraoglobo-pt)
>>>>>‘Foi um mix de audácia com tolice’, diz piloto de helicóptero sequestrado por bandidos que queriam resgatar preso – September 20, 2021 (EntretenimientoBit)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 40 0 NONE 19 (tacit) eu: 11, eu: 3, mim: 1, Eu: 4
2 Adonis Lopes de Oliveira 0 240 PERSON 14 ele (referent: Adonis): 2, Adonis_Lopes_de_Oliveira: 1, Adonis: 5, (tacit) ele (referent: Adonis): 1, ele (referent: Adonis_Lopes_de_Oliveira): 1, (tacit) ele/ela (referent: Adonis): 4
3 piloto 0 270 NONE 11 O piloto: 1, o piloto: 7, um piloto: 1, piloto: 2
4 homens 0 100 NONE 10 dois homens: 3, os homens: 1, os dois homens: 5, Os dois homens: 1
5 dupla 0 80 NONE 9 A dupla: 1, a dupla: 8
6 A Polícia_Civil 1 0 PERSON 6 Polícia_Civil: 1, (tacit) ele/ela (referent: A Polícia_Civil): 3, A Polícia_Civil: 1, a Polícia_Civil: 1
7 bandidos 0 450 NONE 5 os bandidos: 5
8 Bangu 0 60 PERSON 5 Bangu: 5
9 Complexo de Gericinó 0 0 ORGANIZATION 5 o Complexo_de_Gericinó: 5
10 criminosos 0 320 NONE 4 Os criminosos: 2, os criminosos: 2