Clima menciona uma colheita de café com característica no Brasil, declara Abic

Por: SentiLecto

– Mais do que uma colheita recorde de café, a safra brasileira a percurso em 2018 deve exibi grãos com boa característica, favorecidos pelas condições climáticas até o momento, declarou o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Café , nesta terça-feira. “Mais importante que a quantidade é a característica. Está vindo uma colheita com característica… Tudo auxiliou, choveu na época certa, na quantidade certa”, disse Ricardo Silveira, que é produtor de café em Patos de Minas e também proprietário da torrefadora Café Cristal, antes do começo do acontecimento da Abic que marcou a 14ª edição dos Melhores Cafés do Brasil, da colheita 2017. “O que era da mão de Deus, Ele auxiliou. Agora é a mão do homem no processo, envolve a safra e a secagem dos grãos”, completou ele. Para efetivar uma colheita de característica, cuja safra está só iniciando –intensificando-se a partir de maio e junho, dependendo da região–, o setor precisaria de tempo seco na época dos trabalhos de campo. Ele comentou que há produtores colhendo em Rondônia, que se realça pela produção de café robusta, e alguns poucos no Cerrado de Minas Gerais, onde ele atua. O cafeicultor recordou que a Abic não faz projeções sobre o tamanho da colheita, e cogitou que os números da Companhia Nacional de Abastecimento parecem adaptados. Faz 3 meses, em seu primeiro levantamento divulgado em janeiro, a Conab estimou a produção cafeeira de o país, maior produtor e exportador global, entre 54,44 milhões e 58,51 milhões de sacas de 60 quilos, alta de 21 a 30 por cento sobre 2017 e superior também a o recorde anterior de 51,37 milhões de sacas,, registrado em 2016. Além de uma ampliação de até 30 por cento na produção de café arábica, que está no ano de alta do ciclo bianual, a colheita de robusta também pode saltar na mesma proporção, segundo a Conab, com uma recuperação das lavouras após anos de seca, especialmente no Espírito Santo. Isso pode permitir que a indústria de torrado e moído aumente o uso de robusta no “blend”, declarou ele, ao ser questionado. “É natural que aumente o percentual do conilon, mas nada que seja grande. A indústria aprendeu e não mudará bastante, pois declarou ele, em referência ao fase de seca severa que diminuiu a colheita de Brasil do conilon há alguns anos, que levou até a pedidos do setor para liberação da importação do café verde, quando faltou e teve obstáculo”. Ele explicou também que é um problema modificar bastante a composição do “blend”, pois o consumidor percebe e pode mudar de marca. No passado, a utilização do conilon na composição do torrado e moído variou de 20 a até 50 por cento, comentou Silveira. Se usa O conilon é mais usado em a fabricação de produção de café solúvel. APROXIMAR O SETOR Silveira declarou que a associação está com iniciativas para aumentar o número de pequenos torrefadores na Abic, com foco em valorizar a fabricação café de boa característica. Entre as ações está a diminuição da mensalidade na Abic em quase pela metade para atrair as pequenas companhias. No lado da produção de café, a associação que está completando 45 anos em 2018 tem realizado concursos para animar cafeicultores a investirem em grãos de melhor característica e maior valor agregado, cujo consumo está crescente, bastante mais do que a procura geral por café no Brasil. Ele, antes do começo do concurso que reuniu grandes torrefadores, como o líder no país 3corações declarou: “Buscamos aproximar os elos da cadeia”, e produtores de café de alta característica ganhadores do concurso promovido pela Abic.

– O grupo 3corações, líder de Brasil no segmento de café torrado e moído, vai buscar aumentar suas vendas de cafés especiais com novos produtos, em um segmento de maior valor agregado cujo consumo tem aumentado mais do que o mercado geralmente. O lançamento, que deve ocorrer em maio, vai permitir que a empresa venda cafés especiais em outras regiões brasileiras, além do Nordeste, onde já os comercializa, declarou nesta terça-feira o diretor Comercial e Marketing da companhia, Paulo Lima, durante acontecimento em São Paulo. No Nordeste, a companhia atua nessa linha de cafés especiais desde o ano passado, com a marca Santa Clara. “É um negócio que não tem volta. Estamos atendendo aas pretensões dos consumidores”, disse Lima no acontecimento, recordando que os cafés especiais geram maior lucratividade e têm atraído cada vez mais pessoas. De acordo Lima, da família dos fundadores da companhia com origem no Rio Grande do Norte, nos anos 50, o grupo já está vendendo mais de 15 toneladas ao mês de cafés especiais com a marca Santa Clara. Ele realçou a boa performance de vendas, sem dar comparações, evidenciando que a desempenho acontece com o produto especial e mais caro apesar de a linha de maior valor agregado ser vendida em uma região de menor poder aquisitivo na comparação com outras do país. As declarações foram feitas durante acontecimento em que a Associação Brasileira da Indústria de Café realçou os compradores de cafés especiais do 14º Concurso Nacional dos Melhores Cafés do Brasil, realizado pela entidade, no qual a 3corações dominou os negócios. Se considerou Strauss a 3corações, uma joint venture entre a brasileira São Miguel Holding e a de Holguín Coffee, pertencente a o Grupo israelense , a campeã de o concurso de a Abic, arrematando um lote de seis sacas de um produtor de Piatã por 2.500 reais por saca. Além disso, o grupo arrematou outras duas sacas, por 9 mil reais cada, da produtora Letícia Conceição Quintela de Alcântara, também de Piatã. Foi o maior arremesse dado por um microlote de café no certame. A 3corações, com mais de 20 por cento de participação no mercado brasileiro de café torrado e moído, não deu mais detalhes sobre o lançamento dos produtos especiais para outras regiões de Brasil. A assessoria de jornalismo da empresa informou somente que o lançamento acontecerá em maio.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Brazil, Uruguay

Cities: Patos De Minas, Minas

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Clima menciona uma colheita de café com característica no Brasil, declara Abic
>>>>>3corações terá novos cafés especiais para ampliar presença em segmento no Brasil – April 24, 2018 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Conab 130 0 ORGANIZATION 4 (tacit) ele/ela (referent: a Conab): 2, a Conab: 2
2 Abic 50 0 ORGANIZATION 4 a Abic: 3, (tacit) ele/ela (referent: a Abic): 1
3 evento 0 0 NONE 4 evento: 3, o evento: 1
4 seca 0 100 NONE 3 seca: 1, seca severa: 2
5 cafés 270 0 NONE 3 os cafés especiais: 1, cafés especiais: 2
6 qualidade 260 0 NONE 3 boa qualidade: 1, qualidade: 1, a qualidade: 1
7 safra 170 0 NONE 3 uma safra: 1, a safra: 2
8 Ricardo Silveira 0 0 PERSON 3 Ricardo_Silveira: 2, Silveira: 1
9 associação 0 0 NONE 3 a associação: 3
10 companhia 0 0 NONE 3 a companhia venda: 1, a companhia: 1, a empresa: 1