Ibovespa cai pressionado por bancos e ações atreladas a commodities

Por: SentiLecto

– O mercado acionário de Brasil operava em leve baixa nesta segunda-feira, morrendo à pressão dos papéis de bancos e de ecompanhiasatreladas a commodities, com investidores aatenciososà recuperação do presidente Jair Bolsonaro para o avprogressãoas reformas econômicas e ao noticiário em torno das negociações comerciais dechinas Estados Unidos. Às 11:39, o Ibovespa caía 0,43 por cento, a 94.937,2 pontos. O giro financeiro adicionava 1,92 bilhão de reais. O indicador fechou no vermelho em três dos cinco pregões da última semana, amargando queda de 2,57 por cento no fase e concluindo uma sequência de seis semanas de alta, em movimento de correção após renovar máximas recordes repetidamente em janeiro. Operadores de renda mutável avaliam que a bolsa paulista carece de gatilhos no curto prazo para engatar um movimento de alta, dado que a progressão das reformas econômicas, sobretudo a da Previdência, depende da recuperação de Jair Bolsonaro, ainda sem previsão de alta da clínica. Para o economista-chefe da gestora Infinity, Jason Vieira, embora já sido dada a largada, a temporada de resultados corporativos no Brasil ainda não exerce grande influência sobre o mercado doméstico em função do espaçamento maior do programa de balanços, que se vai esticar até o fim de março. Segundo o analista da Guide Investimentos, Rafael Passos, é possível que a abertura de Wall Street infecte positivamente a bolsa de Brasil na ausência de novidades no fronte doméstico. “Aqui o que mais pega é a Previdência, mas não tivemos grandes novidades, então temo que ter sinal mais claro sobre a direção do mercado com a abertura de Wall Street”, explicou Passos, realçando a menor aversão ao risco no exterior em meio a expectativas sobre as negociações comerciais entre Estados Unidos e China. DESTAQUES – PETROBRAS PN cedia 0,5 por cento, e PETROBRAS ON caía 0,4 por cento, em linha com o recuo dos custos internacionais do petróleo e tendo no radar notícia de que a controlada BR Distribuidora começou etapa de avaliação e seleção de potenciais interessados em parceria estratégica no segmento de lojas de conveniência BR Mania. – ITAÚ UNIBANCO perdia 0,8 por cento, entre as principais influências negativas do Ibovespa, em sessão de queda para o setor bancário como um todo, com BRADESCO PN em desvalorização de 0,6 por cento, BANCO DO BRASIL em baixa de 0,9 por cento e SANTANDER UNIT cedendo 0,8 por cento. – CEMIG PN recuava 0,15 por cento, tendo como pano de fundo a designação do ex-presidente da Fiat, Cledorvino Belini, para comandar a estatal mineira, em substituição a Bernardo Alvarenga, que deixou a empresa. – BRF caía 1,1 por cento. A companhia informou mais cedo que seu conselho da gestão aprovou refinanciamento de duas linhas de crédito contratadas junto ao banco Santander no valor de até 700 milhões de reais. – EMBRAER perdia 0,2 por cento, após anunciar que entregou um total de 181 jatos em 2018, sendo 90 comerciais e 91 executivos. A previsão para aviação comercial era de 85 a 95 unidades, e para a executiva era de 105 a 125. – VALE subia 0,1 por cento, se sustentando na forte progressão dos câmbios do minério de ferro na China na volta do feriado do Ano Novo Lunar. Siderúrgicas operavam sem direção habitual, com USIMINAS PNA subindo 0,3 por cento, Gerdau PN com oscilação negativa de 0,07 por cento e CSN perdendo 0,7 por cento. – BRASKEM PNA subia 2,2 por cento, entre as poucas ações que operavam no azul, beneficiada pela alta do dólar ante o real, que aumentava a receita obtida com as exportações.

Enquanto a Ubisoft recuou após um alerta de receita da fabricante de videogames norte-americana Electronic Arts, os índices acionários europeus tocaram máximas de 12 semanas nesta quarta-feira, apoiados em fortes ganhos em bancos de Italia e ações de tecnologia.Além de bancos, desdobramentos de fusões e aquisições também impactaram as negociações.A produção industrial da Alemanha caiu inesperadamente em dezembro pelo quarto mês seguido, mostraram dados divulgados nesta quinta-feira, mandando novo sinal de que o crescimento da maior economia da Europa está enfraquecendo.A Tyson Foods não alcançou as estimativas de lucro para o custos seu primeiro trimestre em Wall Street , conforme a maior processadora de carne de os EUA atingiram ela de a carne porca abaixo da média , abalando suas vendas, reportou a companhia nesta quinta-feira.

Na terça-feira 22 de janeiro – O mercado acionário brasileiro operava no vermelho nesta terça-feira, alinhado ao menor apetite por risco no exterior em meio a renovadas preocupações sobre o crescimento da economia global, enquanto investidores aguardam o discurso do presidente Jair Bolsonaro no Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça. Às 11:56, o Ibovespa caía 0,41 por cento, a 95.612,51 pontos. O giro financeiro adicionava 2,6 bilhões de reais. Na véspera, o indicador havia fechado em baixa, com execuções de lucros em pregão marcado pelo vencimento de contratos de alternativas sobre ações e sem a referência de Wall Street, que havia estado fechado por feriado do Dia de Martin Luther King Jr. nos Estados Unidos. Em 2019, contudo, Faz 3 anos, o índice ainda acumulava valorização de cerca de 9 por cento, após altas de aproximadamente 39 por cento 27 por cento em 2017 e 15 por cento em 2018. “Todo mundo estava esperando o discurso lá de Davos para ver qual seria a receptividade … Tudo mencionava que será positivo”, havia declarado à Reuters o gadministradorde renda vmutáveldaoH.Commcor, Ari Santos. Segundo ele, os agentes do mercado esperavam sinalizações do presidente Jair Bolsonaro e sua equipe sobre a reforma da previdência, considerada fundamental para colocar as contas públicas em ordem, no discurso calculado para às 12:30 desta terça-feira. A B3 seguia atenciosa ao exterior, onde as preocupações sobre a economia global haviam voltado a ganhar força depois que o Fundo Monetário Internacional havia cortado em 0,2 ponto percentual a previsão do crescimento mundial em 2019, para 3,5 por cento, enquanto isso, haviam realçado outros operadores. Santos havia observado que o tímido movimento de queda do Ibovespa era puxado principalmente pelas perdas de Petrobras e Vale, na esteira do recuo dos custos do petróleo em Nova York e do minério de ferro na China. “Ainda assim, a bolsa tinha que sustentar essa pausa de 95 a 96 mil pontos”, havia alegado o administrador de renda mutável do H.Commcor. DESTAQUES – BRF recuava 2,3 por cento, entre os destaques negativos do Ibovespa, tendo no radar a notícia de que a Arábia Saudita desabilitou cinco exportadores de carne do Brasil, incluindo unidades da companhia e da JBS, que por sua vez subia 2,2 por cento. – B2W caía 2 por cento e sua controladora LOJAS de America PN também cedia 1,5 por cento, esticando as perdas da véspera desencadeadas pelo lançamento da plataforma de venda direta da gigante norte-americana Amazon.com no Brasil. Ainda no setor, MAGAZINE LUIZA perdia 1,17 por cento e via VAREJO progredia 2,9 por cento. – PETROBRAS PN tinha baixa de 0,5 por cento, e PETROBRAS ON desvalorizava-se 0,8 por cento, em sessão negativa para os custos internacionais do petróleo e com as atenções ainda voltadas às articulações envolvendo a tão aguardada revisão do contrato da cessão onerosa. – valia cedia 1,2 por cento, espelhando o recuo dos contratos futuros do minério de ferro na China em meio a sinais de que o processo de reabastecimento das siderúrgicas estava em período de finalização. – ITAU UNIBANCO PN e BRADESCO PN perdiam 0,4 por cento cada, reforçando o viés de baixa do Ibovespa, dado o peso desses dois papéis em sua composição. SANTANDER UNIT também cedia, 0,14 por cento, mas BANCO DO BRASIL seguia na contramão, com oscilação positiva de 0,9 por cento. – CARREFOUR perdia 0,35 por cento, após o grupo varejista divulgar vendas consolidadas de 15,8 bilhões de reais no quarto trimestre, um crescimento de 10,2 por cento sobre o mesmo pausa de 2017. Para analistas da Guide Investimento, os dados haviam mostrado “sólido desempenho”, reforçando as apostas de balanço mais forte no último trimestre do ano passado. – BRASKEM PNA saltava 5,6 por cento, liderando a ponta positiva do Ibovespa, em recuperação após quedas recentes, com as atenções ainda voltadas às movimentações da holandesa LyondellBasell Industries para compra da petroquímica bde Brasil

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Brazil, United States, China

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Ibovespa cai pressionado por bancos e ações atreladas a commodities
>>>>>Bancos italianos e ações de tecnologia fazem índices tocarem máximas em 12 semanas – February 06, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Índices das bolsas de valores dos EUA fecham mistos após dados de emprego e previsão decepcionante de Amazon – February 01, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Alertas de Caterpillar e da Nvidia assustam e derrubam índices de bolsas dos EUA – January 28, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Resultados trimestrais fazem índices fecharem em leve alta em Wall Street – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>S&P e Dow Jones têm leve alta após comentários de secretário dos EUA; Nasdaq sobe – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Caterpillar e Nvidia soam alarme sobre demanda da economia da China – January 28, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>China diz que terá conversas aprofundadas com EUA sobre questões econômicas e comerciais – January 24, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Bolsas da China avançam apoiadas em setor bancário – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Caterpillar tem resultado abaixo do esperado no 4º tri, ações recuam – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Índices chineses recuam sob pressão de redução de lucro industrial – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Índices chineses recuam com preocupações sobre desaceleração – January 30, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Dólar tem leve variação ante real monitorando exterior e cirurgia de Bolsonaro – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Wall Street avança com compromisso de governo dos EUA com fim de paralisação – January 25, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Nasdaq avança com rali de fabricantes de chips, Dow e S&P 500 ficam próximos da estabilidade – January 24, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>Índices de Wall Street recuam após 4 altas seguidas – January 22, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Índices das bolsas dos EUA fecham mistos após dados de emprego e previsão decepcionante de Amazon – February 01, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Índices de bolsas dos EUA fecham em forte alta após Fed – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Índices das bolsas dos EUA fecham em forte alta após Fed – (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>Otimismo com China e temporada de resultados impulsionam índices – February 04, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>>>>>>>>>Atividade da indústria da China encolhe em janeiro pelo 2º mês, mostra PMI oficial – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Produção industrial da Alemanha cai em dezembro e levanta risco de recessão – February 07, 2019 (Extraoglobo-pt)
>>>>>Vendas da Tyson Foods ficam aquém do esperado; lucro também cai – February 07, 2019 (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 por_cento 0 30 NONE 24 0,8 por_cento: 3, 1,5 por_cento: 1, 9 por_cento: 1, 0,14 por_cento: 1, 5,6 por_cento: 1, 2,9 por_cento: 1, 0,35 por_cento: 1, 0,15 por_cento: 1, 0,2 por_cento: 1, 1,1 por_cento: 1, 1,17 por_cento: 1, 15 por_cento: 1, 1,2 por_cento: 1, 2,2 por_cento: 1, 2 por_cento: 1, 0,1 por_cento: 1, 0,3 por_cento: 1, 27 por_cento: 1, 0,7 por_cento: 1, 0,4 por_cento: 2, 39 por_cento: 1
2 eu 4 60 NONE 8 (tacit) eu: 8
3 On Petrobras 50 40 PERSON 5 Petrobras_On: 2, (tacit) ele/ela (referent: Petrobras_On): 2, Petrobras_Pn: 1
4 esta 0 0 NONE 5 esta: 5
5 a China 0 0 PLACE 4 a China: 3, China: 1
6 bolsa 0 56 NONE 3 a bolsa paulista: 1, a bolsa: 1, a bolsa brasileira: 1
7 o Brasil 25 0 PLACE 3 o Brasil: 2, (tacit) ele/ela (referent: o Brasil): 1
8 ações 0 0 NONE 3 as poucas ações: 2, ações: 1
9 exterior 0 0 NONE 3 o exterior: 3
10 meio 0 0 NONE 3 meio: 3