May busca assistência para o Brexit em domo em Bruxelas

Por: SentiLecto

Theresa May chegou a Bruxelas nesta quinta-feira para cortejar a assistência de líderes europeus depois de sobreviver a uma revolta parlamentar que expôs o impasse a respeito do Brexit. Theresa May é a enfraquecida primeira-ministra do Reino Unido.

Ela aos repórteres no começo do domo de dois dias, adicionando que “escutou em alto e bom som” as preocupações dos rebeldes de seu partido, que tentaram depô-la em reação aoconvênioo de separação britânica da União Europeia que ela acertou com os líderes no mês passadodeclaroue: “Precisamos fazer esse acordo passar”..

May enfrenta forte oposição no Parlamento em relação a seu acordo do Brexit e muitos acreditam que sua busca pela aprovação não vai ser bem sucedida, desencadeando novas tensas negociações com a União Europeia quando for para Bruxelas na quinta-feira para domo de líderes nacionais.”Nós não temos um governo funcional… o plano alternativo do Partido Trabalhista para um acordo de empregos primeiro precisa assumir a posição central em qualquer negociação futura com Bruxelas”.O Partido Trabalhista, principal legenda de oposição do Reino Unido, também comentou a resolução, descrevendo o deferimento da eleição como um passo desesperado.

Na quarta-feira 28 de novembro o governo do Reino Unido havia intensificado suas advertências sobre um não-acordo para o Brexit nesta quarta-feira, declarando que isso podia encarnar um grande golpe para a economia, enquanto o plano da primeira-ministra Theresa May, que tinha oposição por parte de muitos parlamentares, podia diminuir este efeito.

May, especialmente no tocante ao risco de uma solução emergencial para a fronteira de Irlanda se tornar permanente. declarou: “Não espero uma progressão imediata”.

Faz 9 meses, Líderes da UE descartaram qualquer renegociação de o pacote de o mês passado, concebido, mas o primeiro-ministro luxemburguês Xavier Bettel, abraçou May de forma calorosa na entrada do domo e declarou: “Eu, realmente, desejo auxiliar-la.”

Mas ao ser instado a opinar se a UE vai deixar Londres se separar caoticamente sem um acordo, Bettel respondeu que não há como renegociar e insistiu: “O Brexit foi escolha do Reino Unido.”

Ele adicionou, no entanto, que em vez do caos da ausência de um acordo preferiria que os britânicos revertessem o plebiscito de 2016 sobre o Brexit.

Se a recusou por 117 em uma eleição secreta que aprofundou as divisões poucas semanas antes de necessitar de o endosso de a legislação para o convênio para evitar uma desfiliação desordenada de a UE, may obteve o suporte de 200 membros do Partido Conservador no Parlamento e.

O Brexit, a resolução mais importante que o Reino Unido tomou em décadas, polarizou a nação e vai moldar o futuro de sua economia de 2,8 trilhões de dólares, incluindo o status londrino como polo financeiro.

O Tribunal Europeu de Justiça decidiu nesta segunda-feira que o governo britânico pode reverter a resolução de deixar a União Europeia sem consultar os demais Estados-membros do bloco, em uma decisão bem recebida por aqueles que fazem campanha para impedir o Brexit.

Os pró-europeus temem que a ruptura enfraqueça o Ocidente, já em obstáculos para assimilar o poder de Rússia e China, além da presidência imprevisível do norte-americano Donald Trump. Os apoiadores do Brexit o retratam como o descarte de um projeto europeu liderado pela Alemanha que perde força.

O documento de seis pontos do bloco declarou que quaisquer garantias não “mudariam ou desdiriam” o acordo de retirada vinculante acertado em novembro depois de dois anos de negociações.

Fonte: Extraoglobo-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: United Kingdom, Russian Federation, Luxembourg, China

Cities: London

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>May busca assistência para o Brexit em domo em Bruxelas
>>>>>Tribunal da Justiça da UE decide que Reino Unido pode reverter unilateralmente o Brexit – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Premiê britânica May decide cancelar votação do Brexit no Parlamento – (Extraoglobo-pt)
>>>>>Premiê britânica decide adiar votação sobre acordo do Brexit no Parlamento – (Extraoglobo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 May 80 60 PERSON 6 May: 5, (tacit) ela (referent: May): 1
2 Theresa May 70 40 PERSON 5 Theresa_May (apposition: A enfraquecida primeira-ministra de o Reino_Unido): 1, a (referent: Theresa_May): 1, (tacit) ele/ela (referent: Theresa_May): 1, ela (referent: Theresa_May): 2
3 eu 170 15 NONE 5 (tacit) eu: 5
4 Brexit 0 0 ORGANIZATION 4 O Brexit a decisão mais importante e: 1, o Brexit: 2, O Brexit: 1
5 as preocupações de os rebeldes de seu partido 0 330 NONE 3 as preocupações de os rebeldes de seu partido: 3
6 garantias 160 0 NONE 3 quaisquer garantias: 1, as garantias legais e políticas: 2
7 negociações 0 60 NONE 2 novas tensas negociações: 1, negociações: 1
8 nós 0 17 NONE 2 Nós: 1, (tacit) nós: 1
9 oposição 80 0 NONE 2 forte oposição: 1, oposição: 1
10 Bettel 0 0 PERSON 2 (tacit) ele/ela (referent: Bettel): 1, Bettel: 1