A sombra de Messi

Por: SentiLecto

O hino tocava e Messi olhava para o chão, com a vista perdida, como se alguma coisa não estivesse bem. Passou a mão pelos cabelos, fechou os olhos e assim começou a partida, na qual foi uma sombra do craque que atua no Barcelona, e a Croácia venceu a Argentina por 3 a 0, deixando os argentinos à beira da eliminação da Copa da Rússia.

No primeiro tempo, Messi tocou na bola menos que o goleiro Willy Caballero. No segundo, sua criatividade foi quase nula: um par de conduções pelo centro, um passe em profundidade e um arremate desviado pela zaga. Nada além em meio a uma Argentina impotente que caía diante da Croácia na segunda rodada do Grupo D.

A Croácia saiu de campo classificada e os argentinos precisando derrotar a Nigéria e aguardar os outros resultados. O primeiro da partida entre nigerianos e islandeses, nesta sexta-feira, e o segundo do jogo Croácia e Islândia, na última rodada.

Jorge Sampaoli transformou completamente o esquema tático argentino para aproveitar ao máximo a habilidade de Messi, como antecipou na entrevista coletiva da véspera, mas o resultado foi catastrófico.

Na sua vez, “Desde que comecei a jogar futebol, eu atuei em muitas posições e sempre me senti confortável. Acredito que o percurso passa por tentar trabalhar junto e nos conhecer. Dentro de campo pode ser desordenado, mas, se você tiver intimidade com os seus companheiros, e não é preciso nenhum esquema”, deduziu, se eles te conhecerem.Dybala explicou que conta com a confiança de Sampaoli para ter uma chance nessa Copa do Mundo e que está sempre preparado para ter a melhor performance possível dentro de campo.

Na quarta-feira 30 de maio a noite dessa terça-feira havia sido de despedida e também de esperança para os argentinos. No mítico estádio da Bombonera, a seleção do técnico Jorge Sampaoli havia feito o que se esperava dela: havia goleado o Haiti. Com Messi inspirado, a equipe alviceleste havia enfiado 4 a 0 nos modestos visitantes, que pareciam mais encantados com a presença do camisa 10 do que concentrados no amistoso.

Com a atenção toda voltada para Messi, a linguagem corporal do craque falava por si só: desânimo no olhar, falta de reação, ausência de vontade e resignação com um jogo improdutivo.

Por outro lado, “Houve muita ira por não termos ganhado o jogo. Se Leo desejar assumir a responsabilidade por algo que não pertence a ele, acho que é um erro. É uma Copa do Mundo de 40 milhões de pessoas. No pênalti, erramos todos. Acreditamos que estamos aqui para algo, garantiremos que o torneio não passe despercebido”, alegou.Enquanto Luka Modric fez uma pintura para aumentar, aos 35, uma lambança do goleiro Willy Caballero deixou Ante Rebic livre para abrir o placar, aos 8 minutos do segundo tempo aos 35, e Ivan Rakitic fechou a conta aos 46.

Na primeira etapa, a TV falou no nome de Messi pela primeira vez aos 11 minutos, após falhar em receber um lançamento que o deixaria na cara do gol de Croacia, e nada mais.

Willy Caballero fez 12 passes nos primeiros 45 minutos e Messi, onze. O goleiro tocou na bola 20 vezes e Messi, 11. Estatísticas que valem mais que mil vocábulos.

Diego Maradona padecia na arquibancada, por ele, por milhões de argentinos e pelo próprio Messi, uma sombra do craque que atua no Barcelona.

– Andando –

No segundo tempo, Caballero errou feio e Ante Rebic abriu o placar. Messi mostrou então uma chama de motim e passou a distribuir o jogo entre seus companheiros, mas logo virou fumaça. A fagulha de inspiração somente serviu para que Sampaoli desacelerasse a substituição de seus meias por atacantes.

A partir deste momento, Messi se apagou por inteiro, sumiu de maneira definitiva, e os de Croaciade Croacia continuaram anotando para chegar aos 3 a 0.

A Argentina e Messi ainda têm uma bala no tambor, agora contra um oponente conhecido, a Nigéria, que os argentinos já derrotaram nas Copas de Estados Unidos-1994, Coreia do Sul/Japão-2002, África do Sul-2010 e Brasil-2014.

Fonte: clicrbs-pt

Sentiment score: SLIGHTLY POSITIVE

Countries: Croatia, Argentina, Spain, Russian Federation, Iceland

Cities: Barcelona

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>A sombra de Messi
>>>>>Dybala muda discurso e diz que pode atuar com Messi pela Argentina – (EfeGeneric)
>>>>>Sampaoli diz que Messi não pode ser responsabilizado por fracasso argentino – June 20, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>Maradona critica Agüero e diz que atacante não aguenta jogar 90 minutos – June 19, 2018 (clicrbs-pt)
>>>>>>>>>>>>>Messi perde pênalti, e Argentina empata com a Islândia na estreia da Copa – June 16, 2018 (EfeGeneric)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Messi erra pênalti, e Argentina empata com a Islândia na estreia na Copa do Mundo 2018 – (clicrbs-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Copa do Mundo 2018: Argentina estreia sábado e quer derrubar muralha islandesa na estreia – (clicrbs-pt)
>>>>>>>>>>>>>>>>>Argentina quer derrubar muralha islandesa em estreia na Copa – (clicrbs-pt)
>>>>>>>>>Argentina joga sua vida contra a Croácia – (clicrbs-pt)
>>>>>Croácia vence Argentina (3-0) e garante vaga nas oitavas de final – (clicrbs-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Messi 70 90 PERSON 9 Messi: 4, próprio Messi: 1, (tacit) ele/ela (referent: Messi): 3, Messi inspirado: 1
2 eu 0 70 NONE 9 Eu: 1, (tacit) eu: 7, me: 1
3 nós 0 145 NONE 5 (tacit) nós: 5
4 argentinos 40 60 NONE 4 os argentinos: 4
5 Willy Caballero 0 170 PERSON 3 Caballero: 1, Willy_Caballero: 1, o goleiro Willy_Caballero: 1
6 Jorge Sampaoli 0 80 PERSON 3 Jorge_Sampaoli: 1, Sampaoli: 1, (tacit) ele/ela (referent: Jorge_Sampaoli): 1
7 uma sombra de o craque 240 0 NONE 3 uma sombra de o craque: 3
8 Croácia 80 0 PLACE 3 a Croácia: 1, Croácia: 1, A Croácia: 1
9 nada além em meio a uma argentina impotente 0 280 NONE 2 Nada além em meio a uma Argentina impotente: 2
10 modestos 300 0 NONE 2 os modestos visitantes: 2