COBRANÇA PARA SE LIGAR : Giancarlo compreende que o grupo pelotense deve se cobrar mais

Por: SentiLecto

Depois de dois resultados imprevistos – empate com Bagé na Boca do Lobo e derrota para o São José em Porto Alegre -, o Pelotas passa por momento de cobrança interna. A missão é clara: vencer, sem deixar dúvida, a partida de domingo, às 11h, diante do Barra, na última rodada daopprimeirofperíododa Copa Wianey Carlet.

Giancarlo assinala que amizade às vezes rdiminuicobranças no grupo

O experiente atacante Giancarlo, que ontem completou 36 anos, compreende que o grupo precisa se cobrar mais. “O nosso grupo é um baita grupo. A gente tem uma amizade bastante boa. Não tem aqui jogador com maldade. E por isso às vezes, por se ter tanta amizade assim, a gente não se cobra tanto. A gente precisa se cobrar mais entre nós e pedimos também que o professor venha cobrar nós, mais do que ele cobra, para a gente se ligar um pouco mais. Não é porque está disputando uma Copinha que a gente vai jogar de qualquer forma”, declarou o atacante.

ESCALAÇÃO – Na partida de domingo, o técnico Paulo Porto tem que escalar uma formação mista. Alguns titulares devem ser conservados – é o caso de Mateus Claus, Dão, John Lennon, Cleverson e Jarro. A provável escalação para enfrentar o Barra é Vinícius Parise; Adriano Lara, Luiz Felipe, Felipe e Bruno Costa; Reinaldo Dutra, Germano, Erik, Jefferson e Luquinhas; Giancarlo . O volante Parrudo está suspenso pelo terceiro cartão amarelo.

Na sua vez, um susto ais seis minutos iniciais, quando levou uma bola na trave. Só. No restante da etapa inicial o Pelotas foi soberano. Faz 6 meses, depois que o goleiro de o Barra se atrapalhou e a bola, o placar a os 17 minutos ficou com Cleverson que abriu o placar : 1 a 0, abril. Dois minutos depois,  após troaca de passes áureo-cerúleos, Lara atravessou na cabeça de Jeferson Luiz que aumentou: 2 a 0.O terceiro gol azul e amarelo chegou aos 14 minutos do tempo final, com Giancarlo. Ele começou a jogada, ganhou da marcação e abriu para Luquinhas que atravessou da esquerda. Giancarlo aproveitou a encruzilhada para fazer um golaço: 3 a 0. Placar final. Após o terceiro gol pouco áureo-cerúleo foi visto com chance de modificar o escore em a Boca do Lobo.

Na segunda-feira 15 de outubro o Pelotas havia perdido a invencibilidade na Copa Wianey Carlet ao ser derrotado pelo São José por 1 a 0 no Passo D’Areia. O resultado chamava atenção porque o time áureo-cerúleo não estava acostumado a perder. Faz 5 meses, a última derrota tinha. Mesmo assim seguia na liderança do Grupo C, com 24 pontos – dois a mais do que o Zequinha.

Fonte: diariodamanhapelotas-pt

Sentiment score: SLIGHTLY NEGATIVE

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>COBRANÇA PARA SE LIGAR : Giancarlo compreende que o grupo pelotense deve se cobrar mais
>>>>>COPA WIANEY CARLET : Pelotas atropela o Barra – October 22, 2018 (diariodamanhapelotas-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 Giancarlo 160 160 PERSON 6 O experiente atacante Giancarlo: 2, Giancarlo: 4
2 o terceiro gol 0 80 OTHER 5 o terceiro gol: 1, Ele (referent: O terceiro gol azul e amarelo): 1, O terceiro gol azul e amarelo: 1, (tacit) ele/ela (referent: O terceiro gol azul e amarelo): 2
3 grupo 0 0 NONE 4 grupo: 1, o grupo: 2, nosso grupo: 1
4 Pelotas 0 40 ORGANIZATION 3 o Pelotas: 3
5 amizade 80 0 NONE 2 uma amizade muito boa: 1, amizade: 1
6 gente 80 0 NONE 2 A gente: 1, a gente: 1
7 Cleverson 0 0 PERSON 2 Cleverson: 2
8 Luiz Jeferson 0 0 PERSON 2 Jeferson_Luiz: 2
9 Luquinhas 0 0 PERSON 2 Luquinhas: 2
10 Paulo Porto 0 0 PERSON 2 (tacit) ele/ela (referent: o técnico Paulo_Porto): 1, o técnico Paulo_Porto: 1