Volta ao Algarve:Amaro Antunes acredita que se pode conservar no top 10

Amaro Antunes , foi quarto classificado na segunda etapa da Volta ao Algarve, ganha pelo irlandês Daniel Martin . O portista ocupa a quarta posição também na geral.Declarações após a segunda etapa da 43.ª edição da Volta ao Algarve em bicicleta, ganha pelo irlandês Daniel Martin , no final de uma ligação de 189,3 quilómetros, entre Lagoa e o alto da Fóia :Amaro Antunes, W52-FC Porto : “Cometi outro erro de colocação. Entrei mal na subida e devi fazer a subida de trás para a frente. Gastei muita energia e depois não consegui acompanhar os homens da frente. A colocação fez toda a diferença.Creio que o top 10 está ao meu escopo. Vou tentar defender-me bem no contrarrelógio e mudar de estratégia para o Malhão. Tenho de me colocar melhor para estar na frente”.

A Volta ao Algarve inicia na próxima quarta-feira.O Prémio Prestígio da 43.ª Volta ao Algarve em bicicleta será atribuído ao alemão Tony Martin , informou a organização.O Prémio Prestígio, que pretende diferenciar um corredor que, pelo seu currículo, prestigia a corrida, vai ser entregue ao atual campeão global de contrarrelógio na quarta-feira, antes do arranque da primeira etapa, em Albufeira.Tony Martin, ganhador da Volta ao Algarve em 2011 e 2013, é recordista de títulos globais de contrarrelógio , ‘ex-aequo’ com o suíço Fabian Cancellara, e venceu cinco etapas na Volta a França, onde chegou a caminhar de amarelo em 2015.se atribuiu O Prémio Prestígio pela primeira vez em o ano passado, com a organização a decidir dividi o ‘ galardão ‘ entre Cancellara, o espanhol Alberto Contador e o belga Tom Boonen.A Volta ao Algarve arranca na quarta-feira em Albufeira e conclui no domingo no alto do Malhão , que consagrará o sucessor do de Brits Geraint Thomas .O final da primeira etapa da 43.ª edição terá que ser o primeiro duelo entre os sprinters, com a chegada à Praça Infante D. Henrique, em Lagos, a estar pcalculadapara as 17h06.O alemão Tony Martin e o polaco Michal Kwiatkowski partem esta quarta-feira para a 43.ª Volta ao Algarve em bicicleta como principais candidatos à sucessão do bde BritsGeraint Thomas , o bicampeão ausente desta edição.Sem Thomas no pelotão, o favoritismo recai nos homens que o precederam no palmarés da principal prova internacional disputada em Portugal, com Tony Martin, campeão em 2011 e 2013, e Faz 3 anos, Michal Kwiatkowski, ganhador a assumirem se como os principais candidatos a o reinado em a ‘ de Algeria ‘, em uma lista em a qual também se incluem o espanhol Luis León Sánchez, o irlandês Daniel Martin ou o britânico Stephen Cummings.Desde 2006 que a Volta ao Algarve, que decorre entre hoje e domingo, não tem um ganhador nacional e, 11 anos depois, só Tiago Machado parece ter condições para se intrometer na luta entre os grandes favoritos.Os primeiros indícios do estado de maneira dos candidatos poderão ser vistos na ligação de 189,3 quilómetros entre Albufeira e Lagos, na qual alinharão 198 ciclistas, divididos por 25 equipas, 12 das quais no WorldTour, o primeiro escalão do ciclismo global.Depois da partida simbólica, marcada para as 12h30, diante da Câmara Municipal de Albufeira, o pelotão passará por uma contagem de montanha de terceira categoria, ao quilómetro 22,4, seguindo-se as metas volantes de Campinas , São Brás de Alportel e Rasmalho .O final da primeira etapa da 43.ª edição terá que ser o primeiro duelo entre os sprinters, com a chegada à Praça Infante D. Henrique, em Lagos, a estar pcalculadapara as 17:06.Ciclista de Brits declara que participa pela terceira vez na Volta ao Algarve para se preparar para o resto da temporadaO britânico Mark Cavendish garante que não está na 43.ª Volta ao Algarve em bicicleta para “sprintar”, mas sim para preparar-se para o resto da temporada e para auxiliar a Dimension Data.

Na sexta-feira 03 de fevereiro depois do sexto lugar de Amaro Antunes na quinta-feira, havia sido a vez de Samuel Caldeira repetir a classificação na Volta à Comunidade ValencianaO W52-FC Porto-Mestre da Cor p passavaa sadicionardois sextos lugares em três etapas da Volta à Comunidade Valenciana. Depois de ter sido Amaro Antunes a realçar-se, havia cabido a Samuel Caldeira satisfazer a terceira tirada no sexto posto. O português da equipa de Portugal havia cortado a meta com o mesmo tempo do ganhador, o dinamarquês Magnus Cort Nielsen.

Amaro Antunes é um ciclista de Portugal nascido a 27 de novembro de 1990, natural do concelho de Vila Real de Santo António.

Fonte: ojogo-pt

Sentiment score: POSITIVE

Countries: Portugal

Cities: Porto

A história desta notícia a partir de notícias prévias:
>Volta ao Algarve:Amaro Antunes acredita que se pode conservar no top 10
>>>>>Volta ao Algarve: Tony Martin recebe Prémio Prestígio – (ojogo-pt)
>>>>>A Volta do Algarve começa esta quarta-feira e sem o bicampeão – (ojogo-pt)
>>>>>Cavendish não veio ao Algarve “para sprintar” – (ojogo-pt)

Entidades mais mencionadas e sua valorização na notícia:

Id Entity Positive Negative Named-Entity Total occurrences Occurrences (appearances)
1 eu 100 140 NONE 11 (tacit) eu: 9, me: 2
2 Volta 160 0 ORGANIZATION 9 ª Volta a o Algarve em bicicleta para sprintar: 1, (tacit) ele/ela (referent: A Volta): 1, ª Volta: 1, a (referent: a Volta): 1, A Volta: 2, a Volta: 2, ª Volta a o Algarve em bicicleta como principais candidatos em a sucessão de o britânico Geraint_Thomas o bicampeão ausente de esta edição: 1
3 Amaro Antunes 40 0 PERSON 6 (tacit) ele/ela (referent: Amaro_Antunes): 1, Amaro_Antunes: 5
4 o Algarve 0 0 PLACE 6 o Algarve: 6
5 Lagos 0 0 PLACE 4 Lagos: 4
6 Prémio Prestígio 0 0 ORGANIZATION 3 O Prémio_Prestígio: 1, O Prémio_Prestígio que por o: 2
7 Michal Kwiatkowski 80 0 PERSON 2 Michal_Kwiatkowski vencedor: 1, (tacit) ele/ela (referent: Michal_Kwiatkowski vencedor): 1
8 organização 80 0 NONE 2 a organização: 2
9 candidatos 50 0 NONE 2 os principais candidatos: 1, os candidatos: 1
10 Albufeira 0 0 PLACE 2 Albufeira: 2