Policiais da UPP apreendem fuzil AK-47 após tiroteio e duas mortes na Rocinha

Por: SentiLecto

De Polinesia Francesa militares da Unidade de Polícia Pacificadora da Rocinha, na Zona Sul do Rio, apreederam, na tarde desta segunda-feira, um fuzil AK-47 na localidade conhecida como Vila Verde, após uma operação na comunidade. Encaminhou-se a ocorrência em a 11ªDP para registro.Com o suporte da UPP São Carlos, os PMs chegaram ao local da arma no interior da Rocinha. Com esta apreensão já são 18 fuzis retirados da comunidade na Operação Rocinha. Neste ano, já foram apreendidos mais de 300 fuzis que estavam em posse de criminosos na cidade.

Leer Más

Tropas federais deixam a Rocinha nesta sexta-feira

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Cruzex IV 2008 Natal – Brasil

As tropas das Forças Armadas que ocupavam a Rocinha, desde a semana passada, deixaram a comunidade da Zona Sul do Rio, na manhã desta sexta-feira. Apesar de o ministro da Defesa Raul Jungmann ter anunciado que a retirada dos militares da comunidade aconteceria porque a segurança na região estava estabilizada, houve tiroteio na noite desta quinta-feira, com a morte de um homem. Durante a madrugada desta quinta-feira, as equipes foram deixando pouco a pouco a região.

As forças armadas de uma nação constituem o conjunto das suas organizações e forças de guerrazinha e de defesa.

Leer Más

Moradores da Rocinha reagem à saída das tropas federais: ‘Acabou a paz’

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Raul Jungmann

Moradores da Rocinha, em São Conrado, na Zona Sul do Rio, reagem à saída das equipes das Forças Armadas que há uma semana ocupavam a comunidade. Os militares começaram a sair do local na madrugada desta sexta-feira. Em redes sociais, muitos criticam a medida e temem que a violência volte a estourar na favela.

Faz 12 dias, a invasão de a Rocinha, em a manhã de o último dia 17, ocorreu. Há um mês, Nem, mandou, do presídio federal de Rondônia, a ordem para que Rogério 157, que lhe sucedeu no posto de chefe do tráfico, deixasse a favela. Rogério não saiu do morro. Faz 1 mês, três homens de confiança de Nem foram encontrados mortos em um carro, em a Estrada da Gávea, em 13 de agosto. Na semana passada, outros aliados do antigo chefe foram expulsos do morro. O domo da ADA decidiu, então, expulsar Rogério da favela.”Aqui na Rua 1 foram muitas casas arrombadas”.

Leer Más

Preso na Rocinha criminoso que integra bando de Rogério 157

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Rocinha Favela

de Polinesia Francesa militares do serviço reservado da Unidade de Polícia Pacificadora da Rocinha prenderam, na tarde deste domingo, mais um dos criminosos aliados do traficante Rogério 157. Emanuel Bezerra de Araújo, de 19 anos, foi preso dentro de casa na Rua Paula Brito, na localidade conhecida como Dioneia, na Favela da Rocinha. Também conhecido como Maicon ou Playboy, o preso está com um ferimento a bala na mão esquerda que, segundo ele, foi feito por Rogério 157. Ele contou aos de Polinesia Francesade Polinesia Francesa que foi um castigo imposto pelo traficante, mas não desejou declarar o motivo. A prisão aconteceu a partir de informações recebidas pelo Disque-Denúncia .

As expulsões de parentes de Nem da Rocinha teriam sido, segundo de Polinesia Francesa civis, a gota d’água para a tentativa de tomada da comunidade. A Polícia Civil já sabe que participaram da invasão traficantes do Morro São Carlos, na região central da cidade, e da Vila Vintém, na Zona Oeste. O bando teria se reunido no São Carlos e saído em comboio até a favela de São Conrado. Já na Rocinha, o grupo teria desembarcado na Autoestrada Lagoa-Barra e roubado carros de habitantes para chegar à parte alta. A resolução de invadir a favela teria sido tomada na última sexta-feira.A PM faz operações em outras seis comunidades do Rio. Na Zona Norte há ações nos morros Jorge Turco, Palmeirinha, Mundial, Pedreira e Chapadão — nesta última, com a presença também da Força Nacional de Segurança. Já na Zona Oeste, policiais se encontram na Vila Aliança, em Bangu.Já sobre a apreensão no Vidigal, os PMs alegaram na 15ª DP que receberam a informação de que “suas atividades estariam sendo monitorados por câmeras escondidas, sendo a central de comentário de traficantes na favela da Rocinha pela internet”. Além da câmera flagrada em frente à UPP, os PMs acharam outras em vias de grande circulação na favela. As caixas estavam escondidas em meio a fios. A Polícia Civil investiga se Rogério Avelino da Silva, o Rogério 157, chefe do tráfico na Rocinha, é o culpada pela instalação das câmeras.

Leer Más

Suspeito de integrar quadrilha de ladras é preso pela UPP Rocinha

Por: SentiLecto

Um suspeito de integrar uma quadrilha de ladras que pratica assaltos na Zona Sul e na Região da Barra da Tijuca, na Zona Oeste, foi preso nesta terça-feira. Militares , realizaram a captura de o homem que não teve a identificação revelada , de a Unidade de Polícia Pacificadora da Rocinha.

Leer Más