Jenson Button e a última corrida: “Não tenho vontade de continuar”

Foto: Wikipedia – Jenson Button bahrain 2012

Piloto britânico Jenson Button anunciou que abandonará a competição este fim de semana após o Grande Prémio de Abu Dhabi em Fórmula 1. Faz 7 anos, Jenson Button é campeão global.O piloto britânico Jenson Button anunciou que abandonará a competição este fim de semana após o Grande Prémio de Abu Dhabi, última prova da época do Mundial de Fórmula 1. Faz 7 anos, Jenson Button é campeão global.Button em conferência de jornalismo, adicionando : “Não tenho vontade de pilotar um Fórmula 1 para lá desta corrida”. alegou: “Olho para este fim de semana como o da minha última corrida”.vai conhecer-se o campeão global de Fórmula em o domingo, em Abu Dhabi 1 que poderá ser o alemão Nico Rosberg ou o britânico Lewis Hamilton,.

Nico Rosberg declarou que deve olhar para o Grande Prémio do Dubai, no domingo, em que pode ser consagrado campeão do mundo de Fórmula 1, como “uma corrida como qualquer outra”.O piloto alemão de Fórmula 1 Nico Rosberg declarou que deve olhar para o Grande Prémio do Dubai, no domingo, em que pode ser consagrado campeão do mundo, como “uma corrida como qualquer outra”.Nico Rosberg e Lewis Hamilton disputam em Abu Dhabi a última prova do campeonato do mundo e o título de campeão na F1, com o alemão em busca do primeiro campeonato e o britânico do quarto.Depois do Grande Prémio do Brasil, a 13 de novembro, Rosberg passou a somar 367 pontos e continua dependente de si próprio para festejar, mas Hamilton venceu a corrida e soma 355, tornando-lhe a vida mais difícil. Em caso de triunfo do inglês, o germânico está obrigado a concluir no pódio.O piloto alemão ao sítio oficial da Fórmula 1, que tem “boas memórias” de Abu Dhabi, pelo que tem “todas as razões para estar confiante”. declarou: “Nada neste desporto é fácil”.O piloto, de 31 anos, persegue o primeiro título da carreira, o que lhe permitiria emular o feito do pai em 1982.Faz 34 anos, o finlandês Keijo ‘ Keke ‘ Rosberg foi campeão, pela Williams, batendo o francês Didier Peroni e o inglês John Watson. Agora, o filho procura o mesmo feito na F1 depois de dez anos na competição.”Depois de vencer no Brasil, declarou a brincar que ia continuar a encarar o campeonato uma corrida de cada vez, mas quanto mais penso nisso, mais percebo que isso não é assim tão louco. Tenho que tratar esta corrida como qualquer outra”, declarou.Tarefa mais complicada para ser campeão tem Lewis Hamilton, a 12 pontos do colega de equipa, que garante não diminuir os braços na luta pelo título.”Não posso e não desistirei. Jamais se sabe o que pode ocorrer, por bastante improvável que pareça”, declarou o piloto da Mercedes, de 31 anos, que venceu as últimas três corridas.Faz 8 anos, as ” probabilidades impossíveis ” que o britânico enfrenta não o desencorajam de ” fazer tudo “.”Abordarei esta prova como todas as outras. Desejo ganhar e farei tudo para acabar a temporada com nota positiva”, alegou o britânico.O Grande Prémio do Dubai, a última prova da temporada 2016 da Fórmula 1, realiza-se domingo em Abu Dhabi.Lewis Hamilton fez sua parte e Faz 11 dias, venceu o GP do Brasil em o último, mas a segunda colocação de Nico Rosberg deixou o alemão com as mãos no título da temporada 2016 da Fórmula 1. O próprio inglês reconhece o extenso favoritismo do colega de Mercedes e adversária, mas promete não desistir às vésperas da última etapa do calendário, em Abu Dabi.A temporada de Fórmula 1 conclui neste domingo em Abu Dhabi e, Nico Rosberg alegou que deseja fechar o ano ganhando, se as possibilidades de Lewis Hamilton ser tetracampeão são mínimas.

Leer Más

Taça das Confederações: Portugal cabeça de série

Seleção portuguesa, ganhadora do Euro2016 e oitava do ranking da FIFA, está integrada no pote 1 do sorteio da Taça das Confederações.A seleção portuguesa, ganhadora do Euro2016 e oitava do ranking da FIFA, está integrada no pote 1 do sorteio da Taça das Confederações, anunciou o organismo que tutela o futebol global.Os campeões europeus são cabeças de série, juntamente com a Alemanha, o Chile e a Rússia, anfitriã do torneio, enquanto as restantes quatro seleções — México, Austrália, Nova Zelândia e o campeão africano que será conhecido em fevereiro — vão figurar no pote 2.O sorteio do torneio que serve de ensaio para o Mundial2018 vai realizar-se no sábado em Kazan, com as seleções a serem distribuídas por dois grupos — A e B.Ao contrário do que, habitualmente, a FIFA defende, vai ser impossível evitar que duas equipas da mesma confederação se defrontem na fase de grupos, uma vez que há três seleções europeias, pelo que Portugal ou Alemanha poderão defrontar a anfitriã Rússia no Grupo A ou encontrar-se na poule B.A Taça das Confederações vai decorrer de 17 de junho a 2 de julho de 2017, na Rússia.

Leer Más

Gerrard anuncia o ponto final na carreira

Foto: Wikipedia – Steven Gerrard – Franck Ribéry 20120611

Steven Gerrard anunciou o final da sua carreira profissional de futebolista, aos 36 anos.O antigo médio do Liverpool e ex-capitão da seleção inglesa Steven Gerrard anunciou o final da sua carreira profissional de futebolista, aos 36 anos. Gerrard, um emblema do futebol inglês e em especial do Liverpool, passou 17 anos nos reds, 12 como capitão, e apesar de jamais ter sido campeão inglês conquistou uma Liga dos Campeões, uma Liga Europa e uma Supertaça europeia. A nível interno, Gerrard conquistou duas Taças de Inglaterra, três Taças da Liga e uma Supertaça.O jogador em comunicado revelou: “No seguimento da especulação do jornalismo em relação ao meu futuro, posso confirmar a minha retirada do futebol profissional”.Gerrard salientou na mesma nota que teve “uma carreira incrível” e que está “grato por cada momento do seu tempo no Liverpool, em Inglaterra e nos LA Galaxy”.Gerrard esteve mais de 23 anos no Liverpool que deixou no começo de 2015, assinando pelos norte-americanos dos LA Galaxy, pelos quais ainda fez 39 jogos e marcou cinco golos.Em relação ao futuro, Steven Gerrard revelou que está a “considerar uma série de alternativas” e que vai falar brevemente em relação a isso.

Na Inglaterra, acabou perdendo as Copa do Mundo de 2002 por conta de lesão, mas Faz 2 anos, esteve nos grupos que defenderam o time britânico em 2006, 2010 e em o Brasil. Também disputou as Eurocopas de 2000, 2004 e 2012.Faz 15 anos, venceu títulos como a Copa da Uefa e a Copa da Inglaterra em 2006, mas Faz 11 anos, foi a sua maior conquista em os Reds, a Liga dos Campeões, vencida em os pênaltis após o emblemático e histórico 3 a 3 em a final diante do Milan. No Mundial de Clubes daquele ano, esbarraria no São Paulo de um inspirado Rogério Ceni e acabaria com o vice-campeonato.

Leer Más

Napoli empata e deixa classificação para última rodada

O Napoli não conseguiu sair do 0 a 0 com o Dínamo de Kiev e se complicou no grupo B na Liga dos Campeões da Europa nesta quarta-feira . Com isso, a equipe italiana ficou com oito pontos, a mesma pontuação do Benfica – seu oponente na última rodada do período de grupos, com jogo em Portugal. O problema é que o Besiktas, que está em terceiro, tem sete pontos e encara o já suprimido Dínamo de Kiev, podendo chegar a 10 pontos com um triunfo.

Leer Más