Para favorecer Temer em acusação, PTB faz troca na CCJ

Por: SentiLecto

O PTB realizou nesta quarta-feira troca na CCJ que terá que favorecer o peemedebista na tramitação de acusação contra ele por corrupção passiva. O PTB é partido da base aliada do presidente Michel Temer. A sigla governista vai trocar Arnaldo Faria de Sá por Nelson Marquezelli, que em enquete feita pela Folha, o primeiro declarou que não sabia como votaria, . O segundo, no entanto, posicionou-se contra o prosseguimento da denúncia.

Leer Más

Maia declara a aliados que não vai atuar para blindar Temer

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Feira Cebolas Castelo da Maia Inicios sec XX

Sucessor imediato de Michel Temer Rodrigo Maia , mencionou aos principais caciques de seu partido que não vai atuar para blindar ou resgatar o peemedebista no processo de eleição das acusações contra ele. Sucessor imediato de Michel Temer é o presidente da Câmara.

Segundo esses técnicos, uma eleição em bloco ensejará ação prévia de contestação no Supremo Tribunal Federal, que dificilmente aprovará uma análise conjunta daquilo que foi desmembrado pela Procuradoria-Geral da República.No pedido de abertura de investigação feita ao Supremo, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, alegou que Temer deu aquiescência para a compra de silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha e seu operador Lucio Funaro, ambos presos.

Leer Más

Defesa de Temer critica perícia e declara que gravação ‘transpira anormalidade’

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Ricardo Molina 20170522 1

O perito Ricardo Molina, que segundo Molina, ao menos cerca de 23% do áudio se perdeu, o que, segundo ele, torna o material “imprestável” como prova, contratado pelo presidente Michel Temer, criticou nesta segunda a perícia da Polícia Federal sobre a gravação feita pelo empresário Joesley Batista, um dos proprietários da JBS.

Ricardo Molina de Figueiredo professor da Unicamp é um perito em fonética forense brasileira, tendo atuado em centenas de casos como Assistente Técnico em processos judiciais criminais e Perito em processos cíveis.

Leer Más

Ministro tucano declara que vê com ‘estranheza’ declaração de FHC

Por: SentiLecto

Culpada pela articulação política do governo, o ministro Antonio Imbassahy alegou nesta segunda-feira que viu com “estranheza” as declarações do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso a favor do encurtamento do mandato de Michel Temer. Para o ministro tucano, a proposta de FHC, que pede a convocação de novas votações, é inimaginável de ser executada.

Leer Más