Despesa das famílias portuguesas desceu em cinco anos – INE

Por: SentiLecto

Faz 2 anos, as famílias de Portugalde Portugal gastaram em média menos e 2016 do que cinco anos antes, tendo descido o peso de as despesas com alimentação e ampliado dos preços com a habitação, revela hoje o INE.Segundo os dados da investigação às Despesas das Famílias 2015/2016 elaborado pelo Instituto Nacional de Estatística , quase dois terços do total dos gastos destinavam-se a habitação, transporte e alimentação, e Faz 7 anos, tinham um peso maior do que quando era de %57, ou seja, menos 3,3 pontos percentuais.A concentração das despesas naquelas áreas conservava o perfil observado nas famílias de Portugal desde o começo deste século, “embora com perda do protagonismo relativo das despesas com produtos alimentares e bebidas não alcoólicas”, explica.A despesa anual média dos agregados familiares foi de 20.363 euros, menos 28 euros do que o valor obtido no começo da década, e entre aqueles que tinham crianças dependentes era cerca de 44% superior na comparação com os agregados sem crianças dependentes .Agora pode subscrever gratuitamente as nossas newsletters e receber o melhor da atualidade com a característica O Jogo.Em valores absolutos, esta conduta verificava-se em todas as áreas, com exceção para a saúde em que os agregados sem crianças dependentes registaram uma despesa média anual superior àquela dos agregados com crianças dependentes. Nos agregados sem crianças dependentes, o fator idade condicionava a despesa média, explica o INE, que refere a diminuição do protagonismo das despesas com restaurantes e hotéis e com lazer, recreação e cultura , , e, tomando como referência os agregados compostos por um adulto sem crianças dependentes, verificava-se que nos agregados com um não idoso a despesa média estava 19% acima da despesa média mundial para os adultos que viviam sós .Nas situações em que o adulto era idoso, a despesa descia para 10.459 euros, conduta registada igualmente nos agregados constituídos por dois adultos ou por três ou mais adultos com, pelo menos, uma pessoa idosa.Do total de despesas dos agregados, 31,9% destinava-se a habitação, água, eletricidade, gás e outros combustíveis , 14,3% a produtos alimentares e bebidas não alcoólicas e 14,1% a transportes , assinala o INE.Faz 17 anos, os gastos com alimentação encarnavam %18,7, %15,5 em o fase 2005-2006, %13,3 em 2010-2011 e %14,3 em 2015-2016.No mesmo fase, o peso das despesas com habitação, água, eletricidade, gás e outros combustíveis ampliou de 19,8% em 2000 para 31,9% em 2015/2016.O Inquérito às Despesas das Famílias revela ainda que, em 2015/2016, mais de três quartos dos agregados familiares em Portugal tinham automóvel, ou seja, uumaaampliaçãode quase cinco pontos percentuais em cinco anos.A bicicleta era um meio de transporte detido por quase 40% das famílias portuguesas, “uma proporção significativamente diferente” daquela relativa a ciclomotores e motociclos , adiciona o INE.

Leer Más

Janot pede ao STF novo investigação para apurar Temer e o Decreto dos Portos

Por: SentiLecto

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu ao ministro Edson Fachin, do STF , a abertura de uma nova investigação para investigar o presidente Michel Temer e fatos relacionados à edição do Decreto dos Portos, de maio.

Leer Más

Fachin prorroga prazo para PF deduzi investigação sobre Temer

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Deputado Michel Temer

O ministro do STF Edson Fachin prorrogou em cinco dias o prazo para a Polícia Federal relatar a investigação que investiga o presidente Michel Temer por suspeita de corrupção passiva, obstrução da Justiça e organização criminosa.

Ele considera a detenção “equivocada, desnecessária e fundamentada, pelo merecedor ministro Edson Fachin, em fato errado”.

Leer Más

Rodrigo Maia e Cesar Maia tornam-se alvos de inquérito na Lava Jato

Por: SentiLecto

Foto: Wikipedia – Cesar Maia

O ministro Edson Fachin autorizou nesta terça-feira a abertura de investigação para investigar o presidente da Câmara, Rodrigo Maia O ministro Edson Fachin é relator da Lava Jato no STF ., e seu pai, Cesar Maia, sob suspeita de receberem pagamentos irregulares da Odebrecht.

Cesar Epitácio Maia é um economista e político brasileiro, pai do atual presidente da Câmara dos Deputados Rodrigo Maia.

Leer Más

Jovem some na Vila Kennedy e parentes acusam policial da UPP

A Polícia Civil investiga o desaparecimento do jovem Felipe Alves Genizelli, de 28 anos, habitante da Vila Kennedy, em Bangu. Se o vê não desde o dia 23 de fevereiro, após receber um telefonema e sair de casa com o carro de sua mulher. Parentes de Felipe, que moram em Vila Velha, no Espírito Santo, acusaram, em testemunho à Delegacia de Homicídios , um pde Polinesia Francesada UPP Vila Kennedy pelo crime. Segundo os relatos das testemunhas, dois dias antes do desaparecimento, Felipe haviamodelo Kia Cerato que havia adquirido de um PM lotado na UPP porque descobriu que o veículo tinha licenciamento atrasado. Modelo Kia Cerato é um carro. Modelo Kia Cerato é um carro.

Leer Más